Como pode uma mulher feliz com seu casamento sentir por outro homem algo que sequer sentiu por seu marido, nem por outro homem que já tenha passado em sua vida. Estou parecendo uma adolescente vivendo o seu primeiro amor, aquele que te deixa com as pernas bambas, que faz seus olhos brilharem...

Afinal, como podemos saber quando a pessoa certa chegou? Esta parece a pergunta embutida no depoimento postado por K. (Casada, feliz, mas apaixonada por outro). A leitora se diz confusa e mesmo desesperada por uma paixão (ou por um sentimento de paixão) que surgiu a partir de um sonho, mas que vem, crescentemente, despertando sentimentos e emoções que jamais sentiu com seu próprio marido. Busca uma explicação e, talvez, uma solução. Mas para entendermos a dinâmica da vida e dos reencontros de alma é preciso, primeiro, entender que quem quer que esteja na sua vida neste exato momento é exatamente quem deve estar lá. Como diz a escritora Kethy Freston, "não existem erros nem anos perdidos, apenas as oportunidades que surgem diante de você". Mas isto não significa, absolutamente, que tenhamos que ser acomodadas com nossas insatisfações, pois temos a liberdade de acertar e errar; e este, justamente, é o grande desafio de aprendizado de nossa vida.

Talvez você se pergunte quando seu (ou sua parceira) ideal surgirá, resgatando de um relacionamento que parece não oferecer nada de empolgante. Ou talvez esteja presa numa relação dramática, na esperança inútil de que as coisas venham miraculosamente a se acalmar.

Ora, o amor é uma habilidade que temos que praticar. Frequentemente nossos preconceitos nos deixam cegos, e não conseguimos sequer enxergar o potencial bem diante de nós. E a verdade é que aquilo em que acreditamos é normalmente o que enxergamos. Como dizia a escritora Anaïs Nin, "não vemos as coisas como elas são, mas sim como nós somos". Somos o espelho que reflete os acontecimentos de nossas vidas e, com base nisto, nossa mente faz um filtro seletivo e ao mesmo tempo analítico do que se passa a nossa volta. Assim, por meio de nossa interpretação das pessoas, nos afastamos ou nos aproximamos do amor. 

No relato de K. é evidente que o homem que surgiu em sua vida representa um espírito com o qual ela tem uma história. Todos nós temos laços de afinidade e de aversão que estão inscritos no DNA de nossas almas e, como não nos recordamos das vidas passadas, estas "lembranças" tornam-se, nesta vida, não mais do que sensações, seja de desprezo, raiva, amizade, atração amorosa ou sexual. Com você ocorreu justamente isto, quando, num primeiro momento, sentiu antipatia por aquele colega de trabalho. Mas o reencontro entre vocês já havia ocorrido e nossa identidade espiritual se liberta precisamente nos sonhos, quando nosso espírito tem a oportunidade de relembrar fatos e sentimentos escondidos em outras encarnações. 

A lembrança que lhe veio, ainda que fracionada, indica que ambos tiveram um relacionamento amoroso que, talvez já naquela época, tenha sido clandestino ou proibido. Mas o fato de terem esta ligação não quer dizer que ele seja a pessoa certa de sua vida, seu amor de alma. Justamente ao contrário. A raiva, o desencanto e a rejeição são elementos tão importantes em nossas vidas quanto o próprio amor e o que sente por este homem pode ser o reflexo de maus sentimentos, de frustrações, que sentiu no passado. Por isto é importante distinguir as emoções dos sentimentos . 

Nesse passo, você precisa lançar-se ao lago para saber se ele é fundo ou não. K., a única maneira de filtrar este sentimento que a atormenta é aproximar-se desse homem e procurar conhecê-lo melhor, ainda que apenas profissionalmente. Quero que entenda que somos espíritos eternos e que este homem é, ainda que com alguma mudança, o mesmo espírito que conheceu em uma vida passada. E só conhecendo-o melhor nesta vida é que poderá entender se o sentimento que a fez perder o sono é amor ou mera lembrança de uma relação que já não deu certo em outra vida. Você diz que ele, a princípio, lhe pareceu "prepotente, fechado e arrogante" e é importante não ignorar esta sensação inicial, que pode representar a mais forte lembrança que seu espírito possa ter guardado dele. Mas enquanto vocês não se aproximarem, tudo ficará no palco da imaginação, da idealização e a tendência é que, cada vez mais, ele se torne a imagem da perfeição e do inalcançável.

Por outro lado, seu marido, que é sua realidade cotidiana, perderá paulatinamente os encantos, pois é praticamente impossível um homem de carne e osso rivalizar com um ideal de sonho. Esta "paixão" de hoje é, na verdade, a representação de um sonho, de um sonho que pode já não ter dado certo em outra vida e com o qual você pode ter se decepcionado profundamente em outra existência. Mas será impossível saber a profundidade desta relação se não o conhecer melhor e testar a intensidade dos teus sentimentos. Recomendo que vá com calma e busque conhecê-lo, pois vocês ainda pouco interagem. E, afinal, há o risco de sua primeira sensação se confirmar e este "homem dos sonhos" não passar de um arrogante erro de uma vida passada que insistiu em voltar. Boa sorte!

Leia também:
Compartilhe no Google Plus

Sobre Editor

Esta não é uma página pessoal. Todo o material é compilado por uma equipe de colaboradores, coordenada pela editora Ana Carolina Grignolli, jornalista especializada em comportamento.
    Deixe seu comentário
    Comente no Facebook

15 comentários :

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Olá, fiquei muito satisfeita, com a resposta de vocês... Minha impressão sobre o rapaz mudou nos ultimos dias, ele já não me parece arrogante, fechado, a mim pareceu mais descontraido. Não tive coragem pra me aproximar, receio, medo, não sei, mas hoje tive a leve impressão de que ele está tentando uma aproximação. Vou seguir seu conselho, me aproximar, pra saber que rumo as coisas vão tomar e espero sentir, que relação tivemos em outras vidas. Grata!

    ResponderExcluir
  4. Bom eu tbm tenho esse medo d estar casada e conhrcer alguem q faca meu coracao bater mais fort

    ResponderExcluir
  5. Aconteceu o mesmo comigo, não nos declaramos diretamente mas sabemos que os dois estão apaixonados um pelo outro e eu sou casada. É muito difícil saber o que fazer, vou deixar acontecer naturalmente para depois decidir o rumo da vida.

    ResponderExcluir
  6. Estou vivendo algo parecido. Sou casada, mas não tiro um rapaz que conheci na internet da cabeça. No início era apenas uma brincadeira, mas depois... me envolvi. Nos relacionamos por 3 anos apenas pela net, incansáveis mensagens por telefone,msn, telefonemas sem fim, parecia que nos conhecíamos a mtos e mtos anos. Ele me contou que sonhava mto comigo, e podia me sentir de verdade e eu me assustei pq sonhava mto com ele tambem, não ficamos 1 dia sequer sem nos falar, mas eu ficava mto triste por estar mentindo ao meu marido, e ele por sua vez ficava triste por eu não me decidir logo,e ir morar com ele. Mas mesmo assim dizia que mesmo eu não escolhendo ficar com ele definitivamente, ele não conseguia ficar sem mim. O resumo da ópera, foi que meu marido viu algumas msgs dele no meu celular, chorou mto,se revoltou me mandou ir embora de casa, implorei o seu perdão, afinal eu gosto do meu marido, ele é pai do meu filho. Meu marido me perdoou e me pediu pra voltar, no mesmo dia do acontecido. Me afastei do meu amado virtual por semanas, troquei o chip do celular...pedi a Deus que eu o esquecesse de vez. Mas outro dia desses não resisti e liguei pra ele. Ele estava mto triste e disse que eu joguei no lixo todo o amor, atenção e carinho que ele havia me dado todo aquele tempo, disse que não queria mais nada comigo.Disse que não era certo eu desaparecer e qdo eu voltasse achasse tudo igual.Chorei mto e pedi desculpas mais foi em vão, não me atende mais, nem responde minhas msgs. Ja se passaram 2 messes e meio e o sentimento que sentia por ele, está intacto. Eu amo ele, desejo ele loucamente, ja disse a ele que seria capaz de aceitar tudo nesse mundo pra ter ele, mas não tenho coragem de abandonar meu marido. (Não sou louca rsrs, só tenho medo de trocar o certo pelo duvidoso) Não consigo esquecer meu príncipe! Tenho consiencia que idealizei um homem perfeito, afinal é no dia a dia que conhecemos as pessoas de verdade, mas eu durmo e acordo pensando nele, minhas horas de prazer com meu marido é nele que eu penso, me sinto suja por isso, mas é incontrolável. Meus dias são vazios e sem graça, ele me trazia vida, alegria, tinha prazer e ânimo, queria fazer coisas para agradá-lo... enfim eu não o esqueço. E não sei o que fazer. Vivo uma vidinha morna com meu marido. Não sei até que ponto isso é carnal, só sei que ja deveria ter passado, afinal poderia me satisfazer com qualquer outro se fosse a caso. Mesmo me sentindo a pior das pecadoras eu o amo loucamente, é ele que qro, ele que desejo, que espero, que sonho dia e noite.

    ResponderExcluir
  7. Olá!!! Estou passando por algo parecido ,estou me separando e reencontrei o meu primeiro amor ,não ficamos juntos pois a familia não permitiu .Então cada um foi pro seu lado ,e quando nos encontramos foi uma explosão de sensações foi maravilhoso,só que com os problemas da separação estou muito sensivel e por celular nos estressamos ,e eu estou com muito medo de não nos encontrarmos mais ,sei que nos amamos ,mais o destino está sempre nos afastando ,ai será que esse amor é impossivel?

    ResponderExcluir
  8. oi, achei a historia muito interessante, e estou passando por uma parecida , só que no meu caso, aconteceu assim: sou casada e conheci um rapaz que é parente do meu marido, e desde o dia em que o vi a primeira vez não consegui tirar ele da cabeça, então o destino se encarregou de fazer a gente se encontrar em uma outra cidade, ele separado da esposa, e eu ainda com meu marido , mais eu fui para a casa da minha mãe em outra cidade e meu marido ficou em casa, dai quando eu soube que ele estava na mesma cidade que eu, meu coração disparou, então nos encontramos e foi uma coisa tão forte que ainda não consegui explicação para isso, fiquei coomo uma adolescente de novo, minhas pernas tremiam, eu sentia frio na barriga e a cada dia que passava eu estava cada vez mais apaixonada,briguei com meu marido, e a gente se separou por uma semana, mais depois parei para analisar e resolvi voltar com meu marido e dar uma segunda chance a ele sem mesmo saber se vai dar certo. hoje ainda não voltei pra minha cidade , meis vou retornar em meados de março, e ainda me encontro com o outro, mais ja não é aquela paixão que eu sentia no inicio, agora está mais calmo, eu sinto um sentimento muito forte por ele e ele por mim , mais decidimos que isso vai fazer muito mal as outras pessoas que nos cercam , então decidimos nos afastar , mais ainda nos vemos, só vamos parar mesmo quando eu for embora, então eu fico pensando porque será que essas coisas aconteceram? sera que isso ja estava predestinado?

    ResponderExcluir
  9. sou casado a mais de 20 anos.Num tratamento com uma médica, muito mais jovem do que eu, me apaxonei. Ela me diz que isso chama-se "transferencia"...faço-lhe uma porção de galanteios. E,ela não me parece indiferente. Inclusive, nos cumprimentamos
    com abraços e beijos na face.Mas estou dividido. Sem saber o rumo que tomar?

    ResponderExcluir
  10. Olá. ..
    Meu caso e meio parecido. Há 7anos conheci, meu primeiro e único amor. Ficamos juntos por 1ano e meio, logo depois ele foi embora da cidade. Mantiamos contato mesmo a distância. O tempo passou e ele se casou com uma mulher da mesma cidade natal nossa. E foram morar em outra. Hj estou noiva, e ele casado.
    Mas o meu amor por ele, e o mesmo. Pois amor verdadeiro só existi um, e foi por ele a 7anos atras.
    Recebi uma declaração dele, e ele minha. Sei q nosso amr e único.
    Mas existi duas pessoas envolvidas na historia, sua esposa e meu noivo.
    Rezo, e peso a Deus q me ajude!!!!

    ResponderExcluir
  11. sim eu sei que é difícil entender isso tudo o coração tem razoes muito estranhas, eu conheci uma pessoa e no primeiro dia a gente já se deu bem pra caramba,me sentia muito a vontade perto dele uma coisa magica parece que a gente era amigo há muito tempo, no segundo dia ele teve q tocar em mim pq ele me dava aulas, ele tocou na minha mao e as mãos dele quentes pareciam fagulhas no meu coração, queimava, era um toque sutil sem pretensões mais isso mexeu dentro do meu coração, ele é casado, ele me perguntou se eu namorava ou se eu era casada eu respondi que não, e falei Ah vc é casado né , ele fez uma cara de que infelizmente sim, sei lá, a gente tava se dando bem e ele nunca foi desrespeitoso comigo faz alguns dias q conheço ele não tem nem 5 dias mais eu senti que ele era especial uma alma q era pra mim e eu pra ele, eu respeito o casamento pq eu não quero pra mim então não faço para os outros, sei lá estou confusa! E eu já tinha sonhado com um homem com os mesmos aspectos físicos dele já faz um bom tempo e agora ele apareceu ... será que tem alguma coisa a ver gente??? Será q a gente é só amigo ou esse turbilhão de sentimentos e coincidências tem a ver com o nosso destino? ME AJUDEM!!!!

    ResponderExcluir
  12. ,Estou vivenciando algo parecido,uma pessoa apareceu na minha vida.ele e casado eu tambem esta ficando complicado,pois estou apaixonada por ele,ele por mim ,ele todo momento fala que me ama desde da adolescencia ,pois ele e mas velho, eu hoje tenho 41,ele 54,sinto que ja estivemos junto em outra existencia,dessa vida, as vezes sinto quando esta triste,ou quando penso nele, aparace sem chama-lo, quando passa mal por motivo de saude ,sinto tambem uma angustia, para saber o que houve,estou ficando assustada com isso, com meu marido e tranquilo e nao sinto esta coisa assim , como se fosse uma ligaçao muito forte,estou escrevendo para pedir, ajuda porque nao estou sabendo lidar com esta situaçao,assim agradeço desde ja.....

    ResponderExcluir
  13. AMOR NÃO VIVIDO
    AMOR NÃO VIVIDO É O QUE OCORRE COM A GENTE. (EU E ELA)
    UM AMOR NÃO VIVIDO É NA VERDADE O MELHOR E MAIS COMPLETO AMOR QUE SE PODE TER;
    AMA-SE AO LONGE E, POR ISSO, PENSA-SE NA AMADA 24 HORAS DO DIA;
    É SEM DÚVIDA O MELHOR E MAIS COMPLETO AMOR QUE SE PODE TER, EIS QUE A ELE NOS DEDICAMOS INTENSAMENTE EM SONHOS/ PENSAMENTOS/PALAVRAS E RAROS SÃO OS MOMENTOS DE FELICIDADE;
    MAS COMO PODE SER O MELHOR SE A FELICIDADE É RARA? A FELICIDADE NÃO É RARA!! RARO SÃO OS MOMENTOS FELIZES (JUNTOS) A FELICIDADE É CONSTANTE. DE FORMA MAIS SUBLIME E BONITA. SABEMOS QUE ESTAMOS SEMPRE CONECTADOS;
    FANTASIAMOS COISAS QUE NUM MUNDO REAL JAMAIS ACONTECERIA. É SONHAR ACORDADO;
    UM AMOR NÃO VIVIDO É UM AMOR INVENTADO;
    INVENTADO POR QUEM TEM NO PEITO UM AMOR MAIOR;
    MAIOR QUE BEIJOS APAIXONADOS/ABRAÇOS APERTADOS/ RESPIRAÇÃO OFEGANTE E CORAÇÃO ACELERADO;
    UM AMOR NÃO VIVIDO É UM AMOR SEM BRIGAS;
    UM ENCONTRO PERFEITO DE CORPOS QUE SE ENCAIXAM;
    UM ENCONTRO DE MAIS DO QUE CORPOS, DE ALMAS QUE SÃO GÊMEAS;
    NESSE AMOR NÃO EXISTE ESPAÇO PARA COISAS RUINS;
    JÁ QUE A FELICIDADE DE UM SE COMPLETA COM A FELICIDADE DO OUTRO;
    A ROTINA COM CERTEZA, JAMAIS O DESGASTARIA, AO CONTRÁRIO DISSO, SÓ O FORTALECERIA;
    UM AMOR NÃO VIVIDO PODE SER PLATÔNICO MAS É TAMBÉM PURA POESIA;
    É MUSICA ROMANTICA QUE NOS ENCAIXAMOS DENTRO DELA;
    É CHEIRO DE MATO , DE PRAIA EM ILHA DESERTA, DE ÁGUA CRISTALINA;
    NO INVERNO É QUENTE COMO BRASA INVENTADA POR VINHOS E COBERTORES;
    NO VERÃO É RESFRECANTE COMO UM OASIS NO MEIO DO DEZERTO ESCALDANTE;
    UM AMOR NÃO VIVIDO É AQUELE QUE ATRAVESSA O NOSSO PEITO E SAI PARA VIVER O MAIS LINDO DOS ROMANCES;
    PODE CORRER O MUNDO, DEVASTAR MATAS, ESCALAR MONTANHAS, MUDAR NOSSAS VIDAS, NOSSO RUMOS, TUDO EM SEGREDO;
    SOMOS DONOS DO QUE QUEREMOS:- NOSSA MUSICA, NOSSO POSTO DE GASOLINA, NOSSO RESTAURANTE;
    PODEMOS AMAR NO SOL, NA LUA, NAS ESTRELAS, NOS VULCÕES, NOS PAREDÕES;
    PODEMOS AMAR DE MANHÃ, DE TARDE DE NOITE DE MADRUGADA, NA CAMA, NA COZINHA, NA RUA, NAS MARGENS DOS RIOS, NAS LANCHAS, NOS CARROS, NAS ESTRADAS MOVIMENTADAS, NOS POMARES, NA SAUNA, NOS BANHEIROS PÚBLICOS, NAS PISCINAS, NOS BARES, NOS LARES ;
    PODEMOS VOAR ATÉ AS NUVENS E RETORNAR AO CHÃO EM FRAÇÃO DE SEGUNDOS, PODEMOS, ACREDITE, NOS DIAS ATUAIS, ROUBAR ROSAS PARA A MULHER AMADA; PODEMOS, POR INCRÍVEL QUE PAREÇA, EM 7 ANOS, AO MENOS EM UM DIA, PEDIR PARA O SOL NÃO NASCER;
    PODEMOS FICAR LOUCO DE PAIXÃO, DE VONTADE, TREMER, DESPERTAR O ANIMAL IRRACIONAL QUE EXISTE EM NÓS – AMOR LOUCO DE ADOLESCENTE - SEM RESPONSABILIDADE- SEM NADA TEMER;
    PODEMOS INVENTÁ-LO, ENFEITIÇA-LO, AMORDAÇA-LO, AMARRA-LO, PRENDÊ-LO;
    ESSE AMOR TUDO PODEMOS
    A ELE TUDO É PERMITIDO
    SÓ NÃO SE PERMITE SER REAL .
    TEXTO ORIGINAL:- HELO SILVA –
    ADAPTAÇÃO :- MULEQUE APAIXONADO – 18/08/2014

    ResponderExcluir
  14. Eu sou casada a 7 e estou completamente apaixonada pelo meu tatuador ficamos meses trocando mensagem pelo whats e da ultima vez q fui lá me tatuar ficamos juntos ai q eu gamei de vez mas ele já deixou claro q é só sexo pq tenho marido e ele terminou um relacionamento de 7 anos me sinto sei lá como com td isso q ta rolando na minha vida sei q se meu tatuador falar larga td e vem p mim vou correndo #completamenteapaixonada

    ResponderExcluir
  15. Me sinto mal por ta apaixonada pelo um rapaz de 25anos ele e aqui do meu trabalho,já fomos ate pra cama varias vezes mas eu sou mas velha que ele tenho 45 anos mas todo mundo gala que não pareço ter essa idade rs mas tenho e também sou casada mas não paro de pensa nele me ajudem pessoal obrigada

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Amor de Almas é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

A REDAÇÃO:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;