19 de jun de 2010

SEU AMOR DE ALMA EXISTE... EM CORPO OU ESPÍRITO

"Estou buscando uma resposta para algumas coisas que têm acontecido na minha vida e que eu considerava um problema (na verdade ainda considero). Posso estar com quem for, namorado, ficante, pegada, mãe, pai, irmãos, amigas,  que ainda assim me sinto muito sozinha. É como se faltasse alguma coisa, sabe. Eu sinto saudades, muita saudade de alguém que não conheço. Às vezes tenho vontade de chorar, mas ultimamente isso piorou bastante, pois parece que sinto essa pessoa me abraçar. Prrocurei ajuda médica, mas não ajudou muito. Então uma amiga me falou sobre isso, de 'almas gêmeas'. Eu sou bastante incrédula, mas de repente tudo isso faz muito sentido. Ouvi falar numa coisa chamada desdobramento, onde alguém que está encarnado consegue sair do corpo e vagar por aqui. Seria isso o que acontece e me traz a sensação de abraço? Ou eu estou realmente pirando?." (C. - Grupo Amor de Almas)


Neste espaço utilizamos o termo 'amor de almas', em substituição a 'almas gêmeas', pois nos parece impreciso e irreal a existência de pessoas (ou espíritos) que se completam e que não podem viver um longe do outro. Na realidade, as almas se conhecem, em uma ou seguidas existências e tornam-se afins, cultivam um amor infinito e eterno e por isso exercitam o 'amor de almas'. A diferença do sentido comum é que, para tanto, não é necessário que sejam pessoas de personalidades idênticas (e geralmente não o são) e, tampouco, que estejam em estágios de vida e desenvolvimento semelhantes. Os espíritos são independentes e, por isto, caminham independentes uns dos outros, mesmo que unidos pelo amor de outras vidas. 

Nem todos possuimos ou encontramos nosso 'amor de alma", mas a crença, embora possa parecer muito romântica, própria dos contos de fadas, vem sendo comprovada pela Terapia de Vidas Passadas (TVP). Na verdade, esta 'saudade' inexplicável de alguém que não conhece, a sensação de estar sozinha (ou abandonada), é típica de quem encontra-se distante de seu 'amor de almas" -- a pessoa com a qual você se relacionou em várias encarnações e com quem experimentou sentimentos profundos como o amor e a amizade, além de aprendizagem e evolução mútuas.

Laços fortes e profundos uniram suas almas, pois estiveram juntos nos melhores e nos piores momentos de suas existências, compartilhando alegrias, tristezas, lágrimas e sorrisos, falhas e acertos. Desta forma, a cada nova experiência numa encarnação os laços se fortaleceram. As pessoas unidas por um 'amor de alma' freqüentemente convivem em várias encarnações,  não  só como amantes, mas também em outros papéis sociais (pai e filho, irmãos, amigos etc.). Por conta desse laço forte e profundo que os une, é comum no primeiro encontro ambos se reconhecerem mutuamente, sentirem uma afinidade e emoções profundas, inexplicáveis aos olhos da mente racional do ego, pois o reconhecimento se dá em nível de alma dos dois.

O reconhecimento de sua alma gêmea pode acontecer de várias formas, mas o principal é uma absoluta identificação com aquela pessoa que mal conhece.  

No seu caso, duas hipóteses são possíveis. Primeiro, que você ainda não encontrou esta pessoa especial e que, de alguma maneira, a ligação de vocês é tão intensa que ambos conseguem se comunicar mentalmente quando estão conscientes ou, via desdobramento, durante o sono. A segunda é a de que, por alguma razão, ele ainda não tenha reencarnado e a acompanha como um anjo da guarda por toda esta vida para que possa evoluir e, em outra oportunidade, possam  se reencontrar e voltar juntos. É difícil saber, neste momento, a verdade. Mas o importante é encarar esta sua caminhada como uma viagem, na qual pode ou não encontrar aquela pessoa que tanto ama e que está seguindo para o mesmo destino. Vocês podem ter traçado rotas diferentes, mas, tenha certeza, se encontrarão em algum ponto e seguirão juntos. Tenha confiança nisso e viverá melhor com esta certeza. E, se encontrar este homem que tanto procura, tenha certeza que saberá identificá-lo imediatamente, esteja ele a seu lado ou do outro lado do planeta.


Música: Quem é você? - Composição: Isolda e Eduardo Dusek
Intérprete: Simone - Música do CD "Simone Bittencourt de Oliveira" de 1995.

26 comentários:

  • Mulher de Vênus disse:
    junho 19, 2010

    Este texto me fez refletir tanto!!!
    Vi várias pessoas conforme ia lendo, aquelas que na nossa vida têm importância além do que nos seria lógico entender, aquelas que surgem em rompantes, em momentos de dificuldade e que transformam os nossos dias. É inexplicável como isso se dá, mas a sensação que nos toma é a concretização de que o amor entre almas existe e se manifesta em nossa existência.
    Lindo texto!

  • Anônimo disse:
    julho 01, 2010

    oi sinto o mesmo de vez em quando sonho com um rapaz ramente vejo seu rosto mas o que eu sinto por ele é maravilhoso e sinto que sou correspondida sinto um enorme amor algo inexplicavel quando sonho com ele me sinto revigorada me Sinto completa e isso levo para o resto de meu dia é como se fosse energia pura que trocamos nao sei como explicR MAS PARA MIM É ALGO EXTRAORDINARIO ELE SÓ ME VEM EM OCASIOES ESPECIAIS , DESDE PEQUENA SINTO QUE TENHO ALGO EM MIM NAO BOMPLETO E SEMPRE PROCUREI O AMOR COMO APEÇA QUE ME FALTA E AS VEZES ME QUESTIONO SERA QUE É ELE... QUERIA PODER TER AS RESPOSTAS ..

  • Com amor disse:
    julho 17, 2010

    Eu acredito fielmente nesse " amor de almas" e em vidas passadas também... Precisa-se tomar cuidado, pois reações de solidão, de tristeza, vontade de chorar não são boas. Pode ser obsessão e isso é muito ruim, precisa procurar ajuda.
    Amor de almas é maravilhoso, infelizmente não sçao todos que vivem isso, pois nós fazemos as nossas escolhas, mas se seu amor de almas, não reencarnou junto a vc... ele não irá te atrapalhar... A saudade pode existir, mas será uma saudade gostosa...a falta de algo bom... mas vc conseguirá sobreviver a isso, pois com certeza ele estara ao seu lado e te esperando...
    Ah... ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii tudo isso aqui... Seguidora jah... quando der passe lah no meu blog, está nascendo ainda e espero ser interessante como o seu.
    Beijus de luz

  • Anônimo disse:
    dezembro 08, 2010

    Gostaria de escrever uma esperiencia minhas que me faz acreditar ser um amor de almas mas não sei como, não encontro essa opção de envio no site por favor me ajudem obrigada.

  • Blog AMOR DE ALMAS disse:
    dezembro 08, 2010

    RESPOSTA:

    Quem desejar enviar depoimento ao blog AMOR DE ALMAS, basta escrever para nosso endereço eletrônico:

    amordealmas@uol.com.br

    Aguardamos sua participação.

    Um abraço a todos.
    Carolina Magri Oliveira

  • Anônimo disse:
    abril 12, 2012

    Tive um relacionamento de alguns anos,e por algumas questões me separei dessa pessoa,seria apenas mais um ex namorado,não fosse a falta que ele faz,se passaram 12 anos e até hoje amo loucamente em segredo esta pessoa.Me casei,e nunca tive vontade de ter filhos com meu esposo,sempre sonhei em ser mãe dos filhos do meu ex...pior é que nesses 12 anos tive oportunidade de estar com ele algumas vezes e era como se ambos estivessem juntos a estrelas,era arrebatador o sentimento,apesar do amor imenso que sinto,tem alguma coisa que me proíbe,me mantém afastada deste amor...será se nunca poderei viver esse amor?

  • Este comentário foi removido por um administrador do blog.
    Anônimo disse:
    abril 20, 2012

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

  • Este comentário foi removido por um administrador do blog.
    Anônimo disse:
    abril 20, 2012

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

  • Anônimo disse:
    julho 04, 2012

    COMIGO ACONTESSE O CONTRARIO SE ESTOU COM ELE BRIGAMOS NÃO CONCORDAMOS EM QUASE NADA, MAIS É UM AMOR LOUCO UM AMOR MARAVILHOSO ESTAMOS SEMPRE TERMINANDO MAIS SEMPRE VOLTAMOS, MAIS DESTA VEZ SEI QUE NÃO VOLTAREMOS MAIS, POIS ELE ESTAR COM OUTRA E EU COM OUTRO MAIS AMO ELE E SEI QUE ELE MEM AMA MAIS JAMAIS DARA CERTO SOMOS AGUA E OLEO EM MEIO A UM GRANDE AMOR SEI QUE JAMAIS SEREI FELIZ DE VERDADE SEM ELE , MAIS DENTRO DE MEM SEI QUE NESTA VIDA NÃO PODEMOS FICAR JUNTOS , É QUASE LOUCURA ISTO, SOFRO MUITO MESMO LONGE DELE MAIS TENHO UM MEDO QUE NÃO SEI EXPLICAR DE FICAR COM ELE O QUE FAZER?

  • Anônimo disse:
    julho 10, 2012

    Olá! Lendo o texto sobre amor de alma, me fez retornar ao passado...10 anos atrás...2002. Naquela época, eu trabalhava com Recursos Humanos em uma multinacional americana em minha cidade Sorocaba, e resolvi fazer contato com uma empresa vizinha, multinacional alemã. Sabe, eu sempre tive uma certa admiração, afinidade com a cultura alemã, nunca entendi porque. Voltando à visita à esta empresa vizinha, fui recebida pela chefe de RH desta e durante a visita fiquei sabendo que a empresa era uma forncedora de matéria-prima para a empresa à qual eu trabalhava e devido à isso o Diretor Fincanceiro gostaria de me conhecer. Com certeza, não ví problema algum nisso. Subimos até a sala dele e quando fomos apresentados, aconteceu uma coisa muito estranha....eu tinha certeza qu o conhecia, mas sabia que não era de nenhum lugar, tipo...escola, empresa, rua...era algo mais forte, mais de dentro do coração, eu não sou espírita, mas o conhecia de alma. Durante a nossa conversa, era visível a interação entre eu e ele, nós nos comunicávamos com o olhar, parecia que um lia a mnte do outro e a pessoa de RH nos olhava de uma forma o tanto espantada, porque a energia entre a gente era tão grande que era impossível de não ser sentida pelas pessoas ao redor. Naquele dia, eu senti o olhar dele penetrando dentro de mim, foi muito estranho. Terminado a nossa conversa, me dispendi e fui embora com aquela sensação de que eu o conhecia de qualquer lugar, menos desta vida. Um ano se passou, e a mesma pessoa do RH desta empresa, entrou em contato comigo oferecendo convites para um jantar dançante beneficente...pedi para reservar dois convites, um para mim e outro para uma amiga, passou uma semana havia esquecido dos convites quando liguei na véspera do jantar ela me informou que não tinha mais e hoas depois me ligou dizendo que o chefe dela (auqel mesmo da sensação que o conhecia) tinha 4 convites sobrando, pedi então, para que reservasse 2 para mim e que logo mais à tarde passaria pegar. Depois do trabalho passei na empresa pegar o convite e vejo ele com ela descendo a escada em minha direção e de novo a sensação de que nós dois nos conhecíamos muito bem um ao outro. Lembro-me de ele perguntando se eu sabia dançar e respondi que sim. Os convites não estavam com ele, então, trocamos celular e combinamos de nos encontrar em um local conhecido na cidade como Real Conveniência.

  • Anônimo disse:
    julho 10, 2012

    Continuação....Tomei cuidado para não me atrasar, chegando ao local ele já se encontrava lá, apresentei ele á minha amiga que o achou charmoso, bonito e interessante. Chegando ao jantar, eu fiquei na minha, mesmo assim, eu sabia quando ele queria falar comigo...risos...incrível, eu estava conversando com a pessoa ao meu lado e de repente eu sentia que ele queria falar comigo, eu olhava para ele e automaticamente os nossos olhares se cruzavam e ele dizia alguma coisa tipo, vamos comer alguma coisa, ou o que foi mais frequente naquela noite...Vamos dançar?...Eu dancei com ele a noite inteira, parecia que havia dançado a vida inteira com ele, era incrível a sintonia, a harmonia, o nosso rítmo, perfeito. De repente ele começou falar da noiva dele que estava no Sul, naquele momento soube que ele era comprometido. Fiquei tão chateada, que quando ele me convidava para dançar, mesmo querendo ir, eu dizia não, nisso a minha amiga e uma outra mulher que estava na mesa com a gente deu uma indireta que elas gostariam de dançar, para ver se ele tirava elas para dançar, e nada, ele só tirou eu para dançar. As pessoas na mesa olhavam espantada para mim e para ele, porque a energia entre a gente era tão grande que era impossível das pessoas próximas não sentirem. Já era uma 3:00 da manhã quando havíamos termainado uma dança e ele não se aguentou e disse, "é incrível quando encontramos alguém com quem temos uma grande afinidade, isso nunca me aconteceu." e depois disse. "é uma pena que tudo esteja acontecendo agora". Eu sentia um prazer imenso só de estar na presença dele, junto com ele, conversndo, masi nada....mas,percebi que a noite não ia passar disso, apesar de tanta energia e afinidade absurda entre a gente, nada ia acontecer, talvés, devido ele ser comprometido e ter na mesa muita gente que sabia disso e mais a posição dele, sei lá, só sei que resolvi ir embora. Fui ao toilete, voltei à mesa já me despedindo e ele então disse: "já vai? É cedo." eu respondi: "Está na minha hora", nisso ele agitou todo mundo para ir embora...na saída havia vasos de flores com rosas vermelhas, estávamos em 4 mulheres, pois ele deu uma rosa vermelha para cada uma, quando chegou em mim recebi duas rosas dele. De madruga ele me ligou, mas foi perceptivo que se arrependeu, pois mentiu quem era. Depois disso, nos encontramos em uma pizza de despedida, ele estava indo embora da cidade, foi muito estranho, de uma pessoa tão receptiva, tão atenciosa comigo, de repente ele começou a me evitar, ser até rude, deixando claro que queria distância de mim. Nunca entendi esta atitude dele, só sei que me magoou, me machucou, me decepcionou....Nunca mais o vi, já faz 9 anos que ele foi embora, mas até hoje, sinto a sua presença, às vezes parece que ele vem ficar comigo à noite, parece que ele dormiu ao meu lado, sinto ele constantemente, torço muito para que ele esteja bem, não tive mais notícias dele, mas tenho comigo que ainda não terminou, nós ainda vamos nos reencontrar e quem sabe viver o que temos para viver e ainda não foi vivido.

  • Anônimo disse:
    julho 15, 2012

    Olá! Eu gostava muito que me ajudasse! Estou a viver uma fase muito complicada. Eu conheci um rapaz muito especial há dois anos e me apaixonei por ele. Ele era super diferente, a maneira de ser dele cativava-me...enfim, para mim ele é a pessoa mais espectacular do mundo e a pessoa mais especial que eu já conheci. Ao inicio o sentimento não era tão forte como agora, mas foi crescendo e agora não consigo imaginar minha vida sem ele. O problema é que inacreditávelmente a nossa relação sempre foi de extremos: ou estavamos muito bem, ou estavamos muito mal. Em algumas coisas era super iguais e a nossa correspondencia em carinho, sexo, aconchego, apoio mutuo era praticamente 99%, mas parecia que havia sempre algo que nos fazia discutir e ficarmos chateados. Numa semana, estavamos mal, na outra estavamos bem. o engraçado, é que sempre que nos separavamos, voltavamos a ficar juntos porque as saudades corriam-nos por dentro e só queríamos ficar um com o outro. Basicamente foram dois anos de perfeição e zangas ao mesmo tempo. O que é certo é que ainda hoje estamos juntos e não vêmos a nossa vida um sem o outro. Sempre que ele acabou comigo por via de alguma zanga muito grande ou algo k nao tinha dado certo, eu só queria morrer, não comia, só desejava que ele voltasse de novo para mim, sonhava com momentos que queria que voltassem a acontecer e tinha muitas muitas saudades dele. Mas quando voltava para ele, ficava feliz ao inicio e depois começava a sentir uma tristeza muito grande dentro de mim que não sabia de onde vinha..e ao mesmo tempo, tinha a certeza que o amava e que era com ele que queria ficar...E hoje em dia, isso ainda acontece...Se ele acabar comigo, eu vou me sentir a querer morrer e vou querer tê-lo de volta, mas quando volto para ele fico a me sentir mal e com uma tristeza verdadeiramente sem motivos. Tenho a certeza que se não for feliz com ele não quero mais ninguém, e ao mesmo tempo sinto uma infelicidade extrema sem motivos, visto que tenho a pessoa que mais amo ao meu lado e que só quer me fazer feliz! Não sei o que se passa comigo e acho que o meu caso, é caso único, pois até hoje ainda ninguém me compreendeu :-( por favor me ajude a perceber o que se passa comigo :-( meu e-mail para resposta: joanabarbosa_brg@hotmail.com

  • Anônimo disse:
    agosto 15, 2012

    Olá! a poucos meses eu estava trabalhando com meu esposo na sua advocacia como recepcionista, quando um cliente veio procura-lo para dar entrada em sua aposentadoria, enquanto meu esposo atendia outros clientes que estavam na espera, nós ficamos ali conversando, e ele falou muito de sua vida para mim, e eu tambem quando percebi havia falado muito de mim para ele também, descobimos que o sitio que eu morei na minha infancia, agora é dos seus pais. Após conversarmos bastante, ele entrou no escritório para ser atendido, depois ele foi embora, mas sempre voltava lá mesmo meu esposo estando ou não, e sempre trazia algo como frutas do sitio para mim, e quando chegava sentava-se e conversavamos bastante e quando ele ia embora e demorava para voltar, eu sentia sua falta. Agora faz tempo que eu não o vejo apesar do processo de aposentadoria dele ainda estar em andamento, naquela época além do sitio ele tambem trabalhava na cidade onde está a advocacia, mas agora ele mudou de emprego e desde então eu não o vejo, estou sentindo muito a falta dele desde então, hoje sempre me pego a pensar nele em todos os momentos,como vocês podem ver, eu sou casada, e pelos documentos que ele deixou no escritório, pude ver que ele também é. Agora eu não sei o que está acontecendo, se isso é paixão ou se é amor de alma. O que vocês acham me responda por favor.

  • Anônimo disse:
    agosto 17, 2012

    eu encotrei, meu amor de alma eu sonhava como ele sempre procurei viajei milhas e milhas a sua procura ele tbm me procurava agora estamos juntos pra sempre...

  • Anônimo disse:
    agosto 17, 2012

    eu acredito muito em amor de almas pois estou vivendo isso?

  • Anônimo disse:
    agosto 23, 2012


    Eu não lembro até hoje se conheci ela em 1982 na quinta série ou em 1984 na sétima série,isso não importa agora, oque importa é que em 1984 nós estudamos na mesma sala eu não tinha olhos para mais ninguém e olha que havia outras mais bonitas que ela mas para mim ela era a mais bonita até hoje, só depois fui descobrir que meu nome estava em outra sala que seria a quinta e.
    A gente nunca conversou nada alem dos estudos e algumas brincadeiras durante as aulas, na saída do colégio sempre acompanhava ela metade do caminho por ser muito tímido pois ela morava no fundo do colégio, quando ela virava a esquina eu seguia em frente para minha casa que ficava em um bairro próximo.
    Continuamos na oitava série em 1985 e quando terminamos o ensino fundamental cada um tomou o seu caminho só voltando a revê-la 15 anos depois.
    Liguei para a casa dela e falando com ela me disse onde trabalhava, fui até la levei uns presentes entre eles uma bíblia(espero que tenha precisado dela). Nesse reencontro não consegui dizer nada do sentia por ela, fiquei nervoso, a garganta secou, comecei a tossir foi desastroso.
    Dias depois voltei a ligar para ela, que me atendeu mas não não disse nada por telefone, em uma terceira vez ela não quis mais me atender a mãe dela falou comigo e me pediu para não me ligar mais.
    quando estudávamos também conheci 2 irmãos dela que hoje são sargentos da PM, sempre que encontro um deles pergunto por ela e só diz que ela está bem ainda morando na casa de seus pais pois ainda não tinha casado. O tempo passou e e nunca mais a vi, outro dia entrei no orkut deixei recado para mas se recusou a falar comigo falando até em acionar um advogado contra mim.
    Na verdade eu não sei o que fiz para ela para me tratasse assim pois ELA FOI AQUELA PESSOA QUE QUANDO OS MEUS OLHOS A VIRAM MEU CORAÇÃO SE ALEGROU NÃO HAVIA OUTRA SENÃO ELA, APENAS ELA, mas ela não sabe disso até hoje e é isso que desejo dizer a ela mas não sei se terei chance algum dia. Eu a admirava tanto que não fui capaz de toma-la como namorada porquê a casa de meu pai não era digna da presença dela, nós éramos bem humildes, pois para mim, aqui na terra, só o sol brilhava mais que ELA.
    O motivo pelo qual estou escrevendo essas linhas é que mesmo depois de 15 anos de casado ela nunca me saiu da mente, sempre pergunto ao meu DEUS porquê isso acontece e em especial neste ano de 2012, cheguei ao ponto de enviar para ela um recado e ao final dizendo a palavra adeus mas parece que o efeito foi o contrário a cada dia ela está mais presente em minha mente.
    Antes só Gisleide uma colega que estudou conosco sabia do meu amor por ela, eu havia dito a ela algum tempo atras e ela me disse que eu deveria ir até ela e falar tudo que sinto por ela mesmo anos depois(a minha esposa não sabe dessa história), agora vocês também sabem, só ela que não sabe.
    O meu casamento está bem mas não sabemos o dia de amanhã como virá, eu não sei o que aconteceria se a encontrasse dissesse a ela tudo que sinto e ela decidisse aceitar o meu amor, existe uma pessoa do outro lado que gosta de mim e não sabe nada dessa história.
    Seu nome é INGRID Mendes Marques da Silva, você é e sempre será o amor da minha vida, o mal que eu te desejo é que você seja feliz seja la com quem for onde quer que você esteja EU TE AMO.
    Agora eu pergunto a vocês, porque isso acontece com a gente e olha que isso faz quase 30 anos e eu não me importo com que o tempo tenha feito com ela, só sei que meu coração é fiel a ela, espero que um dia meu DEUS traga ela para mim.
    Muitas vezes como hoje tento não ligar o computador para tentar me esquecer dela mas a cada dia a mente não resiste e ela surge e tenho que lidar com isso todos os dias pois ainda não descobri como se esquecer alguém que preencheu a minha vida sem se quer entrar nela, imagine quado isso acontecer!
    Assinado: Á espera de um milagre

  • Anônimo disse:
    outubro 13, 2012

    a sua historia e linda gostaria que aguem sentisse isso pormim voçê errou em não ter se declarado pra ela pois o amor e lindo e maravilhoso tauves ela também te ama voçê errou em casar com outra

  • Anônimo disse:
    novembro 16, 2012

    Abrindo o coração

    Tenho 30 anos, sou casada vivendo um bom relacionamento. Porem, nos últimos dias ando meio que perturbada com lembranças do passado que me perseguem, como não tenho com quem conversar, resolvi fazer aqui o meu desabafo.

    Quando adolescente, conheci um rapaz e com trocas de recados nos aproximamos e começamos namorar; entre idas e vindas foram 3 anos envolvidos sempre as escondidas.

    Tínhamos muitos motivos para nos distanciar, apesar de nosso namoro ter sido sempre com muito respeito e limite, meus pais proibiam o namoro por eu ainda ser muito nova, éramos vigiados constantemente para evitar qualquer aproximação, eu uma Evangélica e ele de um Centro Espírita, entre muitos outros que nos levaram a terminar.

    Alguns meses depois, eu ainda gostando muito dele, o procurei disposta a enfrentar essas dificuldades. Foi um encontro maravilhoso, mas foi nossa despedida. Eu propus que voltássemos, ele apontou nossas dificuldade e disse, NÃO! Foi o fim de tudo, permanecemos vivendo na mesma cidade mas nunca mais o procurei, nem se quer voltamos a conversar; não por raiva, mas para nos distanciarmos mesmo.

    O tempo passou, nós sempre nos víamos pelas ruas da cidade mas nem um OI era trocado, pelo menos pra mim este sentimento já não tinha a mesma importância, tornou-se neutro. Conhecemos outras pessoas, namoramos, em um desses conheci o homem que hoje é meu marido. Este ex, não foi à festa de casamento, mas mandou um presente contendo um cartão, e na mensagem me fez entender que não havia me esquecido de fato, apesar de muito amar o homem com quem estava me casando, esta situação me fez tremer nas bases justo no dia do casamento, mas sobrevivi.

    Três anos depois ele também se casou, escolheu uma pessoa de dentro da religião dele como era de desejo. Mas em todos estes anos me senti observada em todas as vezes que estive ao alcance de seu olhar.

    Dezesseis anos se passaram e neste período nenhuma palavra foi trocada entre nós. Recentemente tivemos uma aproximação pelo site de relacionamento e pela primeira vez nestes 16 anos tivemos a oportunidade de conversarmos, ele diz que sempre teve vontade de me explicar muita coisa que o levou a tomar a decisão em dizer NÃO naquele ultimo encontro, e nesta conversa virtual me disse que, “me jogar fora naquele encontro foi a maior bobeira que já fez na vida dele” declarou que com a maturidade que tem hoje, teria feito tudo diferente e jamais me deixaria. Gente, isso tem mexido muito comigo, essa conversa trouxe muitas lembranças.

    Eu sou casada, amo meu marido que aliás não merece qualquer infidelidade de minha parte, sinto que meu marido sempre foi muito apaixonado por mim e sabe demonstrar isso. Longe de mim querer estragar isso.

    É muito difícil conviver com as coisas do coração, não temos total domínio para o que sentimos ou lembramos, podemos dominar as decisões que tomaremos a partir daí, mas não de não lembrarmos. Peço a Deus todos os dias que me purifique e afaste-me dessas lembranças, pois, de nada mais adiantará, visto que ambos escolhemos nossos caminhos, construímos nossas famílias e é por ela que agora devemos zelar.
    Um Abraço aos companheiros que viveram ou vive uma história assim

  • Anônimo disse:
    fevereiro 03, 2013

    O conheci na faculdade, qd o vi, a vontade foi de me aproximar...Logo ele estava me dando aula, era difícil disfarçarmos os olhares, estabelecemos um vínculo de respeito até que ele me convidou pra um suco. Nos e-mail´s sentia um pouco de medo, pois parecia que ele me espionava, troquei senha de e-mail, cancelei sites sociais, e permanecia, comecei então a explorar a comunicação que reconheci ser mental, somente tres anos depois descobri que a comunicação mental era comum as almas gemeas, tivemos um encontro...foi maravilhoso! Após, trocamos poucos e-mail´s e por fim ele se afastou...Não tenho vontade de estabelecer uma outra relação, pra mim não há sentido, pois sei que é ele! Sempre peço à Deus que cuide dele...e quando penso nele, tenho certeza que meu pensamento o alcançará...Minha maior curiosidade é saber se ele pensa o mesmo que eu à respeito do nosso vínculo.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 04, 2013

    nossa tenho que desabafar fico mim pergutando o que fiz para merecer esse cartigo amar augém que naõ pode ser meu pedi tanto a deus pra gostar do cara certo e gostei foi do errado não sei porque aconteceu isso comigo? sinto uma enorme saudade dele uma vontade de abraçar falar pra ele tudo que eu senti e sinto por ele a distancia não mim fez esquecelo fugi tanto dele mais ele não sai de mim quando ando pelas as ruas vejo seu rosto em outros homens vejo seus olhos em cada homem que mim olha porque não esqueço ontem acordei na madrugada só pra lembrar dele eu só queria entender por que isso aconteceu tudo que eu mais quero é ele pra mim mais ele não pode ser meu mim desculpa pessoal pelo meu lamento mais é só o que posso fazer não o vejo acho que faz uns 8 meses tenho tanta vontade de ir atrás dele mais tenho tanto medo pois nunca fiz isso antes, não quero errar toda vez que acho que esqueci ai vem lembrança e vouta tudo novamente meu amor não sei o que faço não tenho vontade de chorrar só de te amar porque quando lembro do seu olhar triste como se quizesse falar algo pra mim mais eu também não coperava pelo fato de ser casado será que um dia vamos viver esse amor? quando via ele com aquele olhar queria falar pra ele não ficar daquela forma pois eu o amo muito tudo que eu queria era que ele fosse souteiro pra provar pra ele que posso fazer ele feliz o meu amor é verdadeiro puro mim arrenpedi de não ter dado uma chance quando ele se aproximou de mim enventando uma desculpa pra ficar perto se eu tivesse essa chance novamente não ira resistir que o mundo e as pessoas se dane eu te amo e quero voçê e voçê também quer.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 04, 2013

    continuação toda vez que ele chegava perto de mim as minhas pernas tremia eu ficava sem chão mim perdia no que eu estava fazendo ficava doidinha nem sei se ele percebia isso era um sentimento maravilhoso depois comecei a trenar auto controle tenho muita vontade de procura-lo pois mesmo ele estando longe eu sinto ele perto de mim a todo momento tem hora que sinto como se uma força maior quizesse mim levar pra ele ai fico pensando mil besteira será que ele separou, será que está precisando de mim tem horas que dá vontade de largar tudo pra ir ver ele eu sinto uma coisa tão estranha que só senti quando meu filho se perdeu estava com a minha mãe acharam, é um aperto no meu coração só fiquei sabendo tempos depois naquele momento eu senti uma aflição tão grande e não sabia o que era a mesma coisa eu sinto com esse rapaz tem momentos que fico tão aflita e como se eu sentisse que ele precisa de mim realmente o amor é lindo só quem sabe é quem ama.

  • Anônimo disse:
    março 09, 2013

    É pessoal eu tambem vivi um grande amor .e o destino acabou nos separando. no momento em que ele faleceu senti um aperto no coração e senti que minha alma gemea tinha me deixado pela 2 vez.com medo de magoar a pessoa que estou casada ha 8 anos, e levar um fora do meu ex resolvi ama-lo em segredo .mesmo vivendo distante dele eu sentia sua presença sentia que ele pensava em mim. mais eu tinha que esquece-lo, e talvez foi esse o meu erro. descobri recentemente que ele tambem me amava muito e esperava por mim , mais respeitava a minha escolha.e foi isso que aconteceu o tempo não esperou me decidir entre pisar nos sentimentos dos outros e ser feliz com quem eu amo.ou fingir uma felicidade que eu nem sei se existe MAS AMAR É ASSIM É RESPEITAR A DECISSÃO DO OUTRO. ANDRE O NOSSO AMOR VAI ALEM DESSA VIDA. Não sera a morte que me fara deixar de te amar me espera amor que logo logo vamos estar junto TI AMO ETERNAMENTE.....

  • Anônimo disse:
    março 09, 2013

    É pessoal eu tambem vivi um grande amor .e o destino acabou nos separando. no momento em que ele faleceu senti um aperto no coração e senti que minha alma gemea tinha me deixado pela 2 vez.com medo de magoar a pessoa que estou casada ha 8 anos, e levar um fora do meu ex resolvi ama-lo em segredo .mesmo vivendo distante dele eu sentia sua presença sentia que ele pensava em mim. mais eu tinha que esquece-lo, e talvez foi esse o meu erro. descobri recentemente que ele tambem me amava muito e esperava por mim , mais respeitava a minha escolha.e foi isso que aconteceu o tempo não esperou me decidir entre pisar nos sentimentos dos outros e ser feliz com quem eu amo.ou fingir uma felicidade que eu nem sei se existe MAS AMAR É ASSIM É RESPEITAR A DECISSÃO DO OUTRO. ANDRE O NOSSO AMOR VAI ALEM DESSA VIDA. Não sera a morte que me fara deixar de te amar me espera amor que logo logo vamos estar junto TI AMO ETERNAMENTE.....

  • Anônimo disse:
    março 21, 2013

    Li a Materia com atenção e isso aconteceu comigo uma coisa estranha, estavamos na cozinha do meu trabalgo eu, minha cunhada, o amigo do meiu irmão e o meu irmão minha cunhada trouxe o sobrinho dela mais novo para ver o tio que no caso é o meu irmão.
    Começei a brincar com o sobrinho de meu irmão e quando me ei por conta vi o lindo sorriso do amigo do meu irmão que estava defrente comigo sentado na cadeira, senti como se o mundo parasse de girar, e fixcei meus olhar no sorriso dele, como se tudo fosse em slow, nunca tinha sentido isso e apartir desse dia me senti atraida por ele.
    O sorriso dele me encantou sabe quando vc ta em busca e um amor e derrepente na sua frente ele ta lá, parecia no instante que eu estava nas nuvens, se realmente for verdade isso o que eu estou sentindo me doi, pelo simples fato de não podermos viver felizes juntos, tudo se encaixa eu to separada, ele também e por conta disso ele ja disse ao meu irmão em algumas conversas que não quer mais namorar serio com ninguem, não sei mais que atitude tomar, ele simplesmente nao sabe que gosto dele e quando ele vem fazer as aulas com meu irmão que é professor de múdsica sinto que rola um clima esquisito, como se um e outro estivesse esperando por algo que ira acontecer, to aflita

  • lili bananinha disse:
    fevereiro 19, 2014

    são Paulo 19 fevereiro 20014
    tenho 40 anos fui casada duas vezes, com 22 anos conheci meu atual esposo nunca o amei mais era feliz do meu geito meio torto de gostar, sempre fui meio depreciva gostava de ficar sozinha meio isolada do mundo a nada me fez muito feliz sempre tivi um vazio dentro de mim uma vida enteira de solidão me via sozinha mesmo com muita gente ão meu lado achava até que tinha depreção de tanta solidão que tinha no meu coração,desde criança sempre sonhei com pessoas que nunca vi lugares que nunca passei sentia até que a unica razão por estar neste mundo era por minhas filhas..foi ai que minha filha se casou foi morar em chacára no interior de são paulo e la comecei a encontrar minha paz ...conheci tanbem o sogro da minha filha nos primeiros meses brigavamos muito eli bibia de mais um homem solitatrio assim com eu vivia grudado com cachorros aquilo me erritava não se cuidava emfim começamos a nos se aproximar e eu comessei a gostar deli numa emtencidade tão grande com nunca tinha vivido antes eli tem plobrema de diabete probremas no coração fuma muito e muito mais velho que eu, tem epotencia sexual a mais de dez anos e mesmo asim sou louca por eli quando estamos juntos meu mundo para durmimos e acordamos junto nunca ouve sexo entre nos mais é seciploco o sentimos somos felizes a um ano e acada dia que passa nosso amor aumenta mais eli virou meu amigo meu companheiro meu grande amor só que é um amor emposivel eli e o pai do meu genrro querido e sogro da minha filha, oque fazer me ajuda...

  • Anônimo disse:
    maio 29, 2014

    Boa noite! Gostaria da opinião do blog sobre sugestão mental à distância ou telepatia. Sobre o meu caso em específico para que me ajudem a interpretá-lo. Li sobre o assunto na internet e segui as orientações de relaxamento e visualização da pessoa com a qual eu gostaria de me comunicar, utilizando a glândula pineal, foto, etc. Essa pessoa é alguém que já tive um relacionamento amoroso passageiro, porém sinto e percebo que ele ainda sente algo por mim depois de tantos anos, assim como sinto por ele. Como nunca me deu certeza dos sentimentos dele e sempre existiu alguma barreira que nos impede uma aproximação plena, sigo com minha vida ao lado do meu esposo e ele ao lado de sua namorada. Voltando a mentalização que tive, dei alguns comandos a ele e começou a vir em minha mente nós dois nos abraçando e beijando. A sensação como se estivesse vivendo aquilo ia ficando cada vez mais intensa. Chegava a sentir o toque dos lábios dele. Ou seja, será que eu estava captando além da minha, a vontade também dele que essa cena se concretize? Será que consegui perceber o desejo dele por mim? Obrigada e parabéns pela página.

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Amor de Almas é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

A REDAÇÃO:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;

Artigos relacionados

2leep.com