AS MULHERES QUE HABITAM EM MIM

As mulheres que habitam em mim
Não são todas iguais
Cada uma tem seu tempo, sua história.
De idades diferentes, dividem o mesmo coração

A que aparece aos outros é uma mulher
Bem resolvida, feliz com seus altos e baixos
Já viveu coisas muito belas
Mas também já chorou de tristeza

Livrou-se já de muitos preconceitos
Aprendeu a ouvir e a calar quando necessário
Já realizou muitos sonhos, projetos

Mas de dentro dela se destaca as vezes uma outra...
A que recentemente se foi
É uma jovem bonita, cheia de vida
Tem muitos sonhos a realizar e gosta mesmo é de namorar
Centrada, ajuizada, gosta de amar
Tem muitos amigos e se apaixona facilmente

Mas facilmente também
Transforma os príncipes em sapos
Sem perceber, vai conservando os sapos ao seu redor

E pensa um dia ter seu próprio lago
Ou um castelo talvez...
Para que dentro dele
Possa morar uma outra,
A adolescente emburrada
Cheia de conflitos e complexos
Que ao desabrochar pra vida

Vai descobrindo coisas e, sem querer
Encontra o primeiro amor
Que ficará pra sempre,
Mas ela ainda não sabe
E vai seguindo adiante...

Mas de todas essas mulheres
A que mais me encanta
É a menina ingênua
Que brinca despreocupada
Sem pensar no amanhã
Sem querer coisa alguma

Ela acredita no mundo,
Gosta de pessoas
E oferece a todos um sorriso lindo
Cheio de graça e sem malícia na vida
Também não tem ainda

Qualquer pretensão de agradar
É essa menina que trago comigo
É essa menina que quero guardar

Compartilhe no Google Plus

Sobre João Casmurro

Esta não é uma página pessoal. Todo o material é compilado por uma equipe de colaboradores, coordenada pela editora Ana Carolina Grignolli, jornalista especializada em comportamento.
    Deixe seu comentário
    Comente no Facebook

3 comentários :

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Helo Silvajulho 04, 2010

    Valeu pela postagem Marcos. Ficou lindo como sempre
    Bjs

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Amor de Almas é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

A REDAÇÃO:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;