O CASAMENTO COMO UM 'CASTELO DE CARTAS'

Hoje, no Brasil, o índice de divórcios é cinco vezes maior que em 1980, segundo pesquisa do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), divulgada em janeiro. Diminuir essa estatística é o trabalho do conselheiro familiar Gary Chapman, antropólogo e autor norte-americano do best-seller "As Cinco Linguagens do Amor".

Dr. Love, como ficou conhecido, esteve no Brasil para ministrar uma palestra e lançar o livro "Castelo de Cartas", em que defende soluções para evitar o divórcio. Em entrevista por e-mail, ele explicou como lidar com os percalços inerentes a uma vida a dois e deu dicas para um casamento saudável e duradouro. A seguir, os principais trechos:

Razões para o divórcio

"Os jovens quase não têm treinamento em resolução de conflitos. Quando estão apaixonados, pensam que nunca terão discussões. Depois de perderem a euforia inicial, voltam ao mundo real e não estão preparados para escutar e negociar soluções. Em vez disso, acabam brigando, até que um dos dois termine a relação. Uma segunda razão para o divórcio é que nos ensinaram que felicidade pessoal é o objetivo da nossa vida. Nós éramos felizes quando estávamos namorando, mas agora não somos mais. Então, o melhor a fazer é pedir o divórcio. Se seguirmos esse caminho, vamos nos casar quatro, cinco, seis vezes. Uma terceira razão é cultural. Nossa cultura passou a encarar o divórcio como algo muito fácil e aceitável. É visto como um meio legítimo de pular fora de qualquer dificuldade num casamento. Acredito que a resposta não está no divórcio, e sim em como o casal pode trabalhar como equipe, encorajando e ajudando um ao outro."

Mudança nas pessoas

"Quando aceitamos a ideia de que 'pessoas não mudam', tendemos a ficar desencorajados e querer desistir. A realidade é que pessoas podem mudar. Muitos homens e mulheres que tiveram um estilo de vida destrutivo durante anos conseguiram mudar graças a pessoas que as amaram e cuidaram delas. O segredo não é esperar por uma mudança, mas ser o agente da mudança. A mensagem no livro Castelo de cartas é: você pode ajudar quando observa o comportamento da pessoa e procura a necessidade que motivará uma mudança. Você poderá fazer sugestões em vez de reclamações. Nenhum de nós gosta de ser controlado, mas a maioria está aberta para responder de forma positiva à pessoa que ama."

Lidando com situações difíceis

"No livro, lido com 10 situações difíceis e diferentes. Além de depressão e vícios, cito violência física ou verbal, cônjuge workaholic, casos em que não há diálogo, cônjuge controlador, que trata o outro como criança em vez de parceiro, e infidelidade. Antes de qualquer coisa, você deve reconhecer a necessidade mais básica do outro, que é o amor. Em seguida, você se compromete a amar numa linguagem que seja compreensível ao parceiro. A partir daí, você pode fazer ao parceiro pequenos pedidos para que ele saia daquela situação. Se perceber que não há uma resposta positiva, deve ser mais rígido e falar, por exemplo, "eu te amo muito para ficar aqui sentado sem fazer nada. Se você repetir esse comportamento, vou…". Quando o outro perceber que está prestes a perder seu apoio, isso pode motivá-lo a mudar."

Cinco conselhos rápidos para a longevidade do casamento

1. Reserve um tempo diário para compartilhar como foi seu dia e como se sentiu a respeito.
2. Aprenda a linguagem do amor que o parceiro fala e a use regularmente.
3. Quando houver um conflito, escute. Coloque-se no lugar do outro e foque numa solução que ambos concordem.
4. Regularmente, faça as seguintes perguntas: "como posso te ajudar?", "como posso facilitar essa situação para você?", "como posso ser um pArceiro?".
5. Procure ajuda espiritual e de outros casais também.
Compartilhe no Google Plus

Sobre João Casmurro

Esta não é uma página pessoal. Todo o material é compilado por uma equipe de colaboradores, coordenada pela editora Ana Carolina Grignolli, jornalista especializada em comportamento.
    Deixe seu comentário
    Comente no Facebook

2 comentários :

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Olá pessoal. Queria pedir ajuda na divulgação de meu livro.

    Obrigado .

    Léo Kades


    Segue Sinópse .

    É possível ser feliz em um relacionamento?
    Seu casamento passa por altos e baixos?
    Você tem duvidas, quanto ao que ele(a) sente por você ?
    É possível cultivar um amor que resista ás adversidades da vida?
    O que fazer quando a pessoa que amamos sofre?

    Em O AMOR TUDO VENCE você encontrará respostas para muitas dessas e outras perguntas e será convidado á uma reflexão sobre o amor verdadeiro.

    Em um livro recheado de belas citações e histórias reais de casais que juntos venceram á depressão, o preconceito, a doença, ou a perda de um filho o autor busca despertar em muitos corações o sentimento de que o amor é força necessária para se vencer as adversidades da vida.

    É tudo isso, ou eu simplesmente poderia dizer:
    É um pouco para todos.
    É sobre coisas simples.
    É sobre pessoas comuns.
    É sobre eu e você!

    Sobre o Autor

    Kades tem 32 anos e é casado com Francieli. É empresário, escritor, agente literário.

    Seus livros são um convite a reflexão sobre as coisas simples da vida, buscando despertar o leitor para um entendimento maior sobre a fé, esperança, perdão e o amor, além de oferecer alento aos corações partidos e gerar oportunidades reais de reflexão na Palavra

    Acredita que as adversidades da vida ao serem partilhadas, podem se transformar em um instrumento de consolo e esperança na vida de outros.

    Além de entender que o amor e a bondade podem se transformar em um valioso estilo de vida e que a busca por eles nos aproximará de Deus e de seu verdadeiro significado.

    O Amor tudo vence é uma homenagem á todos aqueles que lutaram e lutam para viver o amor verdadeiro e que encontraram o sentido da vida lutando o Bom Combate.

    Para mais informações acesse :

    http://www.oxigenioonline.com/oxigeniobooks/amor_tudo_vence.html

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Amor de Almas é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

A REDAÇÃO:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;