"NOITES DE TORMENTA"´: O AMOR TUDO PODE ?

"Há um tipo de amor que nos faz pensar que tudo é possível. Você pode ter um amor assim..." Se você acredita nisso, é o espectador ideal do novo filme estrelado por Richard Gere e Diane Lane. Depois de "Cotton Club" (1985) e "Infidelidade" (2002), os atores se reúnem novamente para protagonizar o drama romântico "Noites de Tormenta", com estréia este mês. O roteiro é baseado num romance homônimo de Nicholas Sparks (que acaba de ser lançado no Brasil). O escritor é uma espécie de rei dos livros românticos, que já renderam adaptações como "Uma Carta de Amor" e "Diário de uma Paixão". "Noites de Tormenta" não foge à regra.

Adrienne (Diane) é uma divorciada de meia-idade, mãe de dois filhos, que vive para eles. Quando as crianças saem em viagem com o pai (Christopher Meloni, de "Noiva em Fuga"), ela vai cuidar da pousada de uma amiga que está viajando, mas está esperando um hóspede. Com um tempo ruim, os turistas são raros na cidade, por isso a única reserva no local é para o Dr. Paul Flanner (Richard Gere), que está para chegar. Ele, um homem misterioso, não parece ser um simples turista. Paul é um renomado cirurgião plástico que, por algumas atitudes que tomou no passado, perdeu o contato que tinha com seu filho. Para consertar um destes erros, ele passa alguns dias na pousada que Adrienne toma conta.

As dificuldades de suas vidas acabam se tornando um ponto em comum entre os dois, que encontram no outro um desconhecido com quem desabafar. Com a chegada do furacão e a verdade revelada, os dois enfrentam juntos Noites de Tormenta. Porém, logo ele terá que ir embora e ela voltar para seus filhos.
E, claro, ambos vão redescobrir o amor. Mas há outros problemas a enfrentar. Paul precisa recuperar a amizade do filho (James Franco), que o abandonou, e Adrienne precisa explicar para os filhos pequenos que não quer voltar para o ex-marido, pois tem um novo namorado.

Mas nas histórias do escritor, o amor parece andar de mãos dadas com a punição. Ninguém é capaz de ser plenamente feliz em seus livros, sempre algo chega para atrapalhar. Confira esta estréia e deixe seu comentário. Assista ao trailler (mas antes desative nossa playlist para evitar conflito de trilhas).


Ficha Técnica
- Censura: 10 anos - Diretor: George C. Wolfe - Elenco: Diane Lane,
Richard Gere, James Franco
- Fotografia: do brasileiro Affonso Beato - Nome Original: Nights in Rodanthe - Ano: 2008 - País: EUA/AUS - Duração: 97 minutos - Site: Oficial

Compartilhe no Google Plus

Sobre João Casmurro

Esta não é uma página pessoal. Todo o material é compilado por uma equipe de colaboradores, coordenada pela editora Ana Carolina Grignolli, jornalista especializada em comportamento.
    Deixe seu comentário
    Comente no Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Amor de Almas é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

A REDAÇÃO:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;