06/05/2008

AMOR DE OUTRAS VIDAS

 Imagem meramente ilustrativa 
Olá, sou nova no grupo e gostaria de saber se alguem já teve a experiência de saber que o amor não acontecerá neste plano... E sim em outro, apesar de nesse (as pessoas afins) virem próximos??

Recebemos este e-mail de uma integrante do Grupo Amor de Almas e, antes de buscar a opinião de outros membros, respondo reproduzindo um tópico da Comunidade Amor de Almas : "Se era amor por quê nos separamos?!". O fórum nasceu, igualmente, da participação de uma leitora. Veja.


"Hoje eu tenho outra pessoa e não posso deixar claro que ainda amo o meu ex-marido. Eu não o engano, o respeito e vivo um relacionamento real, mas sofro todos os dias pelos erros cometidos no passado. Gostaria de opiniões !!!

Eu conheci meu ex-esposo em um vagão de trem. Quando o vi, senti algo queimar meu rosto, meu corpo, meu coração, era tão lindo, maravilhoso... Nos reencontramos, algo inexplicável, um sonho que se tornou real... Eu amei com todas as forças, ficamos noivos em 3 meses, separamos, voltamos, e depois de quase 6 anos juntos nos casamos, para depois nos separarmos "definitivamente" (???). Hoje, há quase dois anos separados, com outro casamento, eu não deixo de pensar nele, não consigo deixar de amar... Mas desejo apenas que ele seja feliz e que no momento em que ele disse as palavras que eu não esqueço um só minuto ("Eu não te amo mais, você não percebeu!?") ele tenha decidido a vida dele..."

TUDO FAZ PARTE DO DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL

Acredito que nem sempre as pessoas se casam com a alma à qual estão ligadas. Às vezes esta outra pessoa está desejosa e disponível para unir-se a nós, reconhecendo a paixão e a química que existem... “os laços íntimos e sutis que envolvem conexões ao longo de muitas vidas” (Brian Weiss). Mas esta alma, apesar de nos ser “destinada” (nunca se esqueça da existência do livre-arbítrio), pode nos ser naquele momento prejudicial. Tudo faz parte do desenvolvimento espiritual.

Se um dos espíritos ainda carece de conhecimento e desenvolvimento emocional, traços de violência, cobiça, ciúmes, ódio e medo podem interferir no relacionamento. São tendências prejudiciais ao outro, ainda que ambos sejam unidos pelo amor. Daí, você pensa que pode ajudá-lo a crescer... Mas ele nem sempre é permeável às suas palavras ou boas ações .

Então, também fazendo uso de seu livre-arbítrio, se recusa a aprender e a crescer. Resultado : o relacionamento estará condenado. Talvez haja outra oportunidade em outra vida, a não ser que ele desperte depois, nesta mesma vida.

Imagine, portanto, que vocês são amigos de colégio inseparáveis, que viveram experiências únicas e tem um relacionamento imortal. Só que os programas de vida de casa são diferentes. Isto não pode ser encarado como uma derrota, mas sim uma questão de aprendizagem. Estas duas pessoas (almas) têm uma vida eterna em companhia uma da outra, mas apenas precisam freqüentar aulas separadas...É triste e doido, mas, anos depois, vocês se reencontram e reconhecem um no outro o antigo sentimento de amor, agora apaziguado pelo amadurecimento. E podem, finalmente, seguir juntos.

332 comentários:

«Mais antigas   ‹Antigas   1 – 200 de 332   Recentes›   Mais recentes»
  • Ana Cristina Stunitz disse:
    maio 08, 2008

    Obrigada Marcos pela resposta..
    Penso assim tamb�m. Esses "desencontros" s�o, na verdade, parte do nosso crescimento.. e lapida�o..
    beijus.

  • Regiane Karpuska disse:
    maio 18, 2008

    Olá
    Gostei muito do seu blog!!!
    Eu acredito no amor de outras vidas.
    Acho q ñ é por acaso q encontramos a pessoa amada.
    Acho q somos predestinados a encontrar tal pessoa e fazer dela o grande amor de nossas vidas.
    Vc nunca parou para pensar pq amamos tal pessoa e ñ as outras q tb fizeram parte de nossas vidas.
    Eu mesmo tive varios namorados; Cheguei até noivar e ficar junto com esse rapaz por 7 anos e ñ me casei com ele e sim com um colega q conheci na faculdade. Menos de 2 anos q nos conhecemos casamos e hoje tenho a mais absoluta certeza de q ele é meu grande amor.
    Acho q encontrei meu amor de vidas passadas, pois nosso relacionamento é diferente de todos os outros q já tive, nos entendemos até pelo olhar.
    Por isso acretido no amor de vidas e vidas....
    Beijossss e parabens pelo blog!

  • Anônimo disse:
    junho 21, 2008

    Muito bom..

    Mas como doi essa descoberta...acho que o que mais doi é quando encontramos e perdemos essa pessoa e depois de algum tempo (anos) ambos já casado se reencontram e bate aquela coisa forte que nem preciso explicar...Doi muito e são ai 10 anos de saudade e nunca um dia se quer esquecer a pessoa...sei que é aprendizado sim, os degrais etc... mas doi viu...doi muito...abraço a todos

  • Anônimo disse:
    agosto 12, 2008

    Eu amei esse blog...busco pessoas com quem posso dividir, aprender, entender. Sempre achei que somente eu sentia isso na face da terra, mas que bom que tenho companheiros(as). Não sei se posso reconhecer o que sinto como amor, é uma coisa inexplicável. Tenho 44 anos e aos 14 conhecí um primo de 2º grau, 11 anos mais velho...tivemos um namorico, eu muito criança, paulista no auge da minha adolescencia, ele bem mais experiente e do interior. Começa aí as diferenças...não sabia que o amava. Ele não teve paciência, terminamos.Foram longos anos sempre atras desse homem que eu notava também gostava de mim...do seu jeito, sistemático e por vezes até arrogante. Qtas vezes fui até sua cidade somente para poder respirar o mesmo ar que ele respirava, mas na minha inconsequencia juvenil não entendia claramente que era o grande amor da minha vida.
    Ele se casou, teve filhos e eu jamais deixei de saber notícias suas...pra mim bastava saber que estabva bem, comoácontece até hoje.Trabalha em uma empresa grande e estava sempre mudando de cidades no interior de São Paulo e eu sempre descobria o telefone, ligava, conseguia notícias, aí sim ficava tranquila. Sabia que estava bem. Não importava mais nada. Estranhamente jamais tive raiva da esposa, dos filhos, pelo contrário...chego a amar a todos (é muito estranho).
    Sofri na verdade sem saber que sofria, achava que era orgulho ferido,´gostava de saber que de alguma forma ele também pensava em mim...gostava de acreditar nisso.
    Esse amor porém jamais atrapalhou minha vida, meus amores de fato.
    Aos 25 anos me casee, achei que finalmente o havia esquecido, pois tive uma paixão fulminante pelo meu marido. Tive filhos...e ele sempre lá na memória, todos os dias, um pensamento e isso ja dura 31 anos desde o dia em que o conhecí e mais de 20 anos que não o vejo. Continuo porém sabendo notícias dele. Agora nos comunicamos via e-mail, as vezes ele me liga e nos últimos me diz que também nao entende qtodo este tempo e ainda existe um sentimento. Na verdade ainda sou eu a mais afoita, a que mais procura, pois penso nele todos os dias e cada dia mais intensamente.
    Não penso nele de forma física, sexual...sinto com a alma é uma coisa estranha, um sentimento que me deixa ofegante, e todos os dias procuro saber se tem um e-mail dele... e quase nunca tem. Ele é um homem arisco, reservado, de poucas palavras. Na verdade não conheço este homem. Não sei qual seu time, sua cor preferida as musicas que gosta, o que tem passado na vida...mas ele é presença constante na minha.
    Amo meu marido, amo meus filhos, ele nunca soube dessa história, alías ninguem jamais soube o quanto sempre fui atras desse homem e ele não faz idéia do que sinto, poque eu também não sei.
    Há muitos anos atrás tive um sonho que me parece real como se fosse ontem. Sonhei que ele estava sentado em uma cadeitra, bem velhinho, cabelos brancos e eu jovem como quando o conhecí, estava em pé, acariciando seus cabelos e ainda hoje sinto o que senti no sonho...um amor que ocupava todo o espaço existente. Tive o mesmo sonho recentemente e o sentimento igual.
    Pode ser isso um sinal de alma gêmea? Mesmo que seja só de minha parte? Eu sei que não sou indiferente na vida dele, mas não chega nem perto do que sinto. Ele diz que pensa em mim em todos esses anos, mas se ele é minha alma gêmea é uma alma mais evoluída, preparada para não cair em tentação? Eu o amava mais em outra vida??? Meu Deus como essas perguntas me atormentam.
    Uma coisa eu tenho certeza e não sei de onde vem essa certeza. Ainda vou encontra-lo porém sei que não nesta vida... não penso nele com o físico, mas com a alma.
    essas perguntas me enlouquecem. Alguem ja viveu isso??? Por favor me digam !!!!

  • VENUS disse:
    agosto 16, 2008

    Sobre almas gemeas...
    Tenho vivido essa existencia toda com a certeza de qe ela existe,não tenho como prová-la cientificamente,apenas a sinto no meu peito...é um sentimento de desconforto,vazio,embora a vida esteja completa.
    É sentir-se só embora acompanhado e triste quando tudo o que está acontecendo te levaria a alegria.
    Falta algo,embora sua vida esteja completa vc sente-se incompleta.
    Mesmo quando conheci meu marido e sabia qe dentre os outros namorados ele era o mais especial e mais forte,no intimo sabia qe ainda não era ele.
    Casei-me sabendo que teria que fazê-lo porque era o correto,realmente era o que de fato tinha sentido de mais forte por alguém,afinidades familiares,tudo politicamente correto...mas no fundo da minha alma sabia qe existia algo maior e mais profundo e ao mesmo tempo sentia qe por algum motivo não iria viver esse amor pleno.
    Quando tive minha primeira filha comecei a sonhar com uma pessoa...não via o rosto dele...apenas as mãos...eu estava ajoelhada à sua frente,ele me estendia a mão eu mal conseguia alcançar,mas a segurava querendo não soltar nunca mais e ele dizia:Ainda não podemos ficar juntos,vc tem qe passar por tudo aquilo primeiro,tem qe cumprir sua parte...
    E o sonho acabava e eu acordava com uma sensação muito forte no peito,como se aquilo fosse real,a tristeza da separação era igual a qe sentia quando uma pessoa amada morria,esses sonhos se repetiram identicos,algumas vezes,em diferentes fases da minha vida,geralmente em noites qe eu estava desolada e orava e conversava muito com Deus até adormecer.
    O casamento passou por grandes crises e em uma dessas interminavéis crises conheci uma pessoa qe moravamos proximos a vida toda e nunca tinhamos nos conhecido(moro numa cidade muito peqena)inumeras afinidades e coincidencias nos uniram,era bonito,muita sintonia.Mas não era a mão do sonho,embora toda história,energia e afinidades me levavam a pensar qe poderia ser almas gemeas,a lembraça forte da mão e da sensação do sonho não conseguia identificavar nele.
    Devido as circunstancias das nossas familias(ele tbm é casado)nos separamos,mas até hj a ligação é muito forte.
    Fico muito em duvida se ele seria ou não a minha alma gemea,mas acredito que ele seja uma alma afim e que já estivemos juntos em outras vidas. Por qe por maior afinidade,sintonia e magia qe sinto com ele,ainda não é aquilo qe sinto no sonho.
    Já se passaram 17 anos da primeira vez qe sonhei e não sei quando e como vou encontrar essa pessoa...
    Até pensei que ela poderia não estar encarnada...mas de um ano p cá comecei a sentir no meu peito uma intuição de qe está ficando proximo o dia do nosso encontro...(tomara qe não seja uma premoniçao da minha partida...rsrs...)
    BEIJOS A TODOS E PARABÉNS PELO BLOG!!!

  • Anônimo disse:
    agosto 27, 2008

    Entrei no saite para procurar uma resposta para minha angústia, mas pelo visto percebo que estamos no mesmo barco. Sempre acreditei ser uma mulher de sorte, nunca tive problemas com namorados, amigos, trabalho, família entre outros, mas quando criança conheci um garoto que morava em outro estado e com uma vida financeira melhor, crescemos e nos tornamos amigos, ele sempre se mostrava interessado mas nunca dei muita bola, sempre cobiçada queria mesmo era namorar muito e escolhia mesmo, o tempo passou e um belo dia ele apareceu, pois estava de férias do trabalho e segundo o mesmo tinha ido lá apenas para me ver e bastou um único beijo para acordar no outro dia completamente e loucamente apaixonada. Apesar de namorar muito era virgem, nunca tinha conseguido me entregar a ninguém mesmo gostando muito dos garotos que namorava. Ficamos o período que ele estava de férias e quando foi embora sofri muito, chorava praticamente todas as noites e por muitas vezes ligava apenas para ouvir sua voz e logo depois desligava o telefone, (sempre fui muito orgulhosa) pouco tempo depois retornamos o contato e marquei para ir para onde ele morava, estava tão apaixonada que mesmo um pouco insegura não tive dúvidas e fui, foi uma lua de mel antecipada, foi maravilhoso, mas tudo passou e voltei para minha casa, continuamos o contato telefônico, mas penso que um de nos dois não estávamos preparados para a relação. Parei um pouco minha vida sentimental e percebi que precisava continuar, me afastei um pouco dele e conheci uma pessoa maravilhosa que acho que me ama muito e casei, (quando decidi casar me afastei completamente). Faz pouco tempo ele mandou uma carta e retornamos o contato, falei que estava casada e ele ficou muito chateado comigo, pois não contei nada. Ter novamente essa aproximação me deixou muito confusa, gosto muito do meu marido, vivo muito bem no meu casamento, mas não consigo parar de pensar nele, acredito que faço isso porque sou correspondida, na verdade fico inventando respostas para minhas perguntas. O pior, estou grávida, procuro pensar que foi Deus que me enviou essa criança como respostas as minhas angustias. Não sei, a única coisa que tenho certeza é que ele não sai da minha cabeça e sei que ele sente o mesmo por mim, e a coisa que mais me incomoda é que não tive a coragem de abandonar tudo e todos para ir viver essa grande paixão ou qualquer outra coisa parecida, penso muito em ele ser minha alma gêmea, ou melhor o homem da minha vida.

  • Anônimo disse:
    setembro 11, 2008

    Eu amei este blog, pois nele encontrei pessoas que compartilham da mesma angústia que eu.

    Achei interessante pessoas que realmente encontram um
    amor eterno e se separam dele em função de situações cotidianas mas nunca deixam de amar.

    Comigo também não foi diferente e eu sei que vai
    ser para sempre.

  • Anônimo disse:
    setembro 20, 2008

    É mto estranho ler todas essas histórias, não ia fazer nenhum comentário, mas não consegui, tenho q comentar algo q está acontecendo comigo, e confesso estar mto assustada.
    Uma noite "sonhei" (ainda não estava dormindo, estava tentando dormir, então não estava exatamente sonhando)com um desconhecido, alguém abria uma porta e ele aparecia, sorrindo pra mim. Aconteceu então q a mais ou menos uns 2 meses eu encontrei com esse rapaz do meu "sonho", numa porta, ele estava olhando e sorrindo pra mim, nunca tinha visto ele antes, na hora fiquei assustada, na verdade ainda tô assustada, não sei o q fazer, nós só trocamos olhares até agora, as vezes parece q conversamos através do olhar, mas não sei o nome dele e ele acho q tbm não sabe o meu...só sei q continuo assustada, não sei se isso quer dizer algo, e não queria perder a oportunidade, mas sinceramente, não sei o q fazer
    bom...é isso.

  • Anônimo disse:
    outubro 23, 2008

    Gostei muito desse blog, as veses pensamos que certas coisas só acontece com a gente...

    Eu sou casada a 10 anos, quando era adolescente vivi um romance com um rapaz quase 20 anos mais velho doq eu, era engraçado pq eu sou muito possessiva e com ele sempre pensava que apesar de o amar mais doq qualquer coisa, qria que ele fosse livre e pra mim importava ele ser feliz, independente se fosse ao meu lado ou não.

    Nos separamos pq eu não passava de uma garotinha inconsequente e ele cheio de ambições e sonhos profissionais. Depois de 8 anos nos reencontramos, ele casado e eu tb, durante todo esse tempo tive a certeza de que ele era o amor da minha vida, amo meu marido, mas não é igual, a afinidade que sentimos é muito grande, mas hoje seguimos caminhos diferentes e nao podemos ficar juntos nessa vida, mas sei que ele foi meu amor de alma talvez por todas as vidas...

  • Anônimo disse:
    novembro 19, 2008

    Blog interessante, minha história é tão estranha quanto a maioria aqui, não sei direito o que sinto, mas acredito que há mais de dez anos atrás encontrei minha alma gêmea, um homem perfeito pra mim até nos defeitos, nós dois apaixonados de forma platônica, todos em volta tinham certeza de que éramos como um só, mas ele já tinha outra pessoa e eu nessa época iniciei um namoro pra tentar provar pra mim mesma que ele era somente um grande amigo, o namoro terminou e ele continuou lá, e outro namoro, até que conheci meu ex marido e me apaixonei, acreditei que finalmente meu amor por ele tinha acabado e que finalmente seríamos apenas ótimos amigos. Grande engano, ele não disfarçava o ciúme e naquele momento acabou me obrigando a fazer uma escolha e eu escolhi a paixão pelo meu ex marido, era muito mais segura, me afastei dele, mudei de emprego, de amigos, de lugares, de vida, e deixei ele pra trás. Me casei e fui relativamente feliz, tenho uma filha linda e me separei como era previsto, apaixão acabou e quando olho pra dentro de mim ainda o vejo aqui. Sei pouco dele pelos amigos que esporadicamente ainda encontro, pois mesmo desses amigos tenho um estranho medo de me aproximar pois ainda tenho medo de me ver frente a frente com esse homem que me faz tremer, sufocar, e apenas sua voz me acalma, me protege, me faz feliz. Sei que ele também se casou com a namorada que ele tinha na época, tem uma filha e espero de todo meu coração que ele seja muito feliz. Algumas pessoas diziam que na época eu deveria ter ficado com ele e que hoje nós ainda estaríamos juntos, mas é fácil falar de sonho, porque sempre foi isso, um sonho, o homem perfeito até nos defeitos, perfeito pra mim e eu, pra ele, inatingível, um delicioso mistério, mas a realidade, há a realidade como seria quando a gente acordasse todos os dias e se visse sem tanto mistério. Talvez seja por isso que ainda tenho tanto medo de encontrar esse homem, a ponto de evitar o bairro que ele mora, os amigos, o trabalho, os locais onde eu posso um dia esbarrar com ele. Essa talvez seja a grande diferença do amor que eu sinto por ele, pois não é egoísta, mas do que querer esse homem pra mim, eu quero que ele seja feliz onde e com quem ele estiver. Tem uma música que diz: "Não esqueça que eu te amo por amor te deixo ir, se quiser voltar um dia eu estarei aqui." E assim eu desabafo e quem sabe talvez um dia me apaixone e me case novamente, mas sei que vou amar esse homem pra sempre do fundo do meu coração. "Meu amor sou tua rosa hei de amar-te até morrer."

  • Gabriela disse:
    janeiro 05, 2009

    Olà, estou sinceramente emocionada em descobrir este blog.. Muito feliz ao perceber que casos como o meu não são únicos.. me pergunto várias vezes por dia se é normal amar alguem como amo.. da forma que me interesso por tudo que diz respeito a ele, me angustia pensar que pode vir a acontecer algo a ele e eu não ficar sabendo.. Torço por sua felicidade,sucesso, quero acima de tudo que seja feliz.
    Minha história é a seguinte.. ocorreu a 3 anos .. minha filha mais nova tinha 1 ano e me sentia só. Passei a frequentar salas de bate papo, mesmo casada, me sentia infeliz e me fazia bem conversar com outras pessoas.. até que um dia encontrei numa dessas salas o meu amor.. minha alma gêmea.. tantas afinidades e ao mesmo tempo tantas diferenças.. ele é de outro estado, mas a quimica o encantamento foi mútuo,divertido, inteligente me fez a mulher mais feliz do mundo naquela noite.. no outro dia.. fui procurá-lo novamente na mesma sala.. e lá estava ele á minha espera.. passamos a trocar e mails apaixonados, mensagens lindas, juras de amor.. mas ao mesmo tempo, brigas, ciumes, desentendimentos e acusações mútas.. me faziam crer que não seria fácil viver uma relação assim á distancia, virtual..ele também casado, com filhos, ocupadissímo, dava aula em universidades e ainda estudava em suas pesquisas, não tinha tempo pra mim, não tinha paciencia, mas esse amor cresce e quando a vontade ficou insuportável, ele veio me conhecer em minha cidade, foi mágico, linda, nossa noite de amor.. a ponto de lembrar todos os detalhes até hoje, depois de mais de 2 anos. Já tentamos nos reaproximar, mas as brigas.. seu jeito de me fazer enxergar as verdades, minhas fraquezas, seu jeito cabeça dura e meu medo de abandonar tudo, nos separaram.Hoje ele estuda fora do país acho, não tenho como saber noticias suas, isso me faz pensar mais e mais nele..todos os dias, me sinto impotente em salvar meu amor. Sei que ainda vamos viver alguma coisa juntos, eu sei disso. meu coração me diz.. a ver pelos depoimentos das pessoas aqui.. penso que ainda não estamos maduros para seguir mos em frente. Tudo isso me faz lembrar um filme que assisti chorando a algum tempo atrás, porque me faz lembrar nossa história, chama-se As Pontes de Maddison, lindo, lindo.. história de verdadeiras almas gêmeas.

  • Anônimo disse:
    janeiro 28, 2009

    No meu caso, conheci um rapaz há uns 2 anos, ele trabalha comigo,
    tenho namorado, desde o dia que eu vi senti algo diferente, depois de um tempo, comecei a ouvir uma voz que dizia que ele era um grande amor de outra vida, tentei não ouvir mas a voz não parava, ele sempre falava que gostava de mim e pedia para eu deixar meu namorado, há um mês atrás nos beijamos, foi um experiência muito interessante, pois no outro dia não lembrava qual era a sensação de beijá-lo era como se não tivesse acontecido.
    Tenho medo desta voz que me segue, além da voz já vi pessoas flutuando em meu quarto, quando foco meus olhos nelas elas se desfazem, ouço ruídos a noite toda, antes dormia normalmente, agora não sei mas o que é isso, sinto minha alma perturbada, e tudo começou com a entrada deste rapaz na minha vida, alguém pode explicar o que pode ser isso?

  • Anônimo disse:
    fevereiro 06, 2009

    Eu estou completamente perplexa, ao descubrir que um amigo muito especial, porquem eu insistia em relutar por meus sentimentos e que me ama até após sua morte, foi um amor de outra vida e que pela segunda vez não ficamos juntos.
    É mito intrigante porque nos conhecemos depois de termos nos casado e comprometidos com nossas famílias, eu fugia do seu amor e ele tentava o tempo inteiro viver esse sentimento. Um dia ante de partir me ligou pedindo insistentemente para me ver e nos afazeres do dia a dia não sacrifiquei meu tempo para encontra-lo... tarde de mais, ele se foi, estou com minha alma em prantos e sinto sua presença forte e saudosa, seu cheiro, seu olhar me filmando...há que saudade.Te espero confiante que viveremos nosso amor tão breve!!!! Amo-te!!

  • Angela disse:
    fevereiro 11, 2009

    OI ADOREI O BLOG
    FUI CASADA E TIVE 3 FILHOS, HOJE ESTOU SEPARADA, E A 1ANO E MEIO CONHECI UMA PESSOA PELA NET, QUANDO VI A FOTO DELE ACHEI QUE JÁ O CONHECIA E QUANDO EU O VI PELA PRIMEIRA VEZ EU O AMEI. NÃO SEI EXPLICAR O QUE SENTI, DEPOIS DE 6 MESES DESCOBRIR QUE ERA CASADO E SOFRI MUITO, NOS SEPARAMOS E DEPOIS DE 2 MESES ELE ME PROCUROU DIZENDO QUE ME AMAVA E QUE IA SE SEPARAR O QUE AINDA NÃO ACONTECEU
    TENTO ME SEPARAR DELE TERMINAR COM TD MAS NÃO CONSIGO, NÃO SEI O QUE ACONTECE TENTO ACHAR EXPLICAÇÃO PRA TD ISSO, ELE BRINCA COM OS MEUS SENTIMENTOS, É COMO SE ELE FIZESSE PRA SE VINGAR, MAS EU NUNCA FIZ NADA, A NÃO SER ME DEDICAR A ELE,AMÁ-LO DEMAIS. É COMO SE EU TIVESSE LIGADA A ELE DE UMA FORMA ENEXPLICAVEL, TODAS AS VEZES QUE TENDO SAIR DESSA SITUAÇÃO NÃO CONSIGO NÃO TENHO FORÇAS. NUNCA AMEI ALGUÉM DESSA FORMA, E ISSO ME ASSUSTA, SINTO QUE VEM DE OUTRA VIDA. É COMO SE DIVSSEMOS UMA DIVIDA UM COM O OUTRO.
    SÓ QUE SOFRO MUITO E SINTO QUE MESMO QUE TD SE ACABE EU NUNCA AMAREI OUTRO HOMEM COMO EU O AMO.
    QUERIA UMA EXPLICAÇÃO, ALGO OU ALGUM LUGAR QUE EU PODESSE ACHAR AS RESPOSTA PRA ESSE AMOR.
    SE ALGUÉM SOUBER ONDE EU POSSA ACHAR AS RESPOSTA... ME MANDE UM E-MAIL ( constantinni37@hotmail.com)
    muito obrigada

  • Natalia Ferreira disse:
    fevereiro 15, 2009

    Eu conheço ele dez dos meus 8 anos sempre fomos amigos ele foi o meu 1° amor quando eu tinha 13 anos meu pai foi transferido tive q mudar para outra cidade...mais tds as vez que eu ia passar férias n casa da minha vó q é vizinha dele eu sempre ficava com ele e na ultima vez que eu o vi ele me pediu em casamento eu era muito nova tinha acabado de terminar o 2°grau queria fazer faculdade não aceite.Entrei na faculdade conheci um menino comecei a namorar fiquei grávida,ele era muito ciumento vivia uma vida de prisioneira nunca foi feliz tive outro filho,mais esse tempo td eu pensava nele como a minha vida poderia ser diferente e eu sei q ele sofre quando eu não quis ficar com ele e eu queria muito um dia poder pedir desculpa.
    Ano passado m separei e nas minhas férias fui passar na minha na casa da minha vó. Momento q eu cheguei eu já comecei a pensar nele, fiquei sabendo que ele tinha se separo mas que já estava com outra pessoa e no ultimo dia das minhas férias encontrei com ele por acaso meu Deus a hora q eu o vi meu coração disparou minha vontade era de agarra bj muito mais eu me comportei pedi desculpa ele m contou que tinha 2 filhos mais q não estava com a mãe das criança e que já tinha casado com outra pessoa conversamos m despedi dele e ele pediu o meu telefone eu dei no caminho para o aeroporto eu não conseguia para de pensar nele.
    Voltei para casa e para minha rotina passarão alguns dia ele me ligou eu nem acreditei daí começamos a nos falar tds os dias. Ele me falava que o casamento não ia muito bem.
    Um belo dia conversado com ele resolvi pegar um avião porque eu fazia 05 mês que nós falávamos por telefone. Foi ele inventou uma desculpa para esposa e foi me espera, quando eu cheguei eu estava tão nervosa passamos o dia inteiro juntos e naquele dia ele decidiu que ira separa mais foi uma decisão dele depois nos encontramos algumas vezes, estava td decidido eu ira voltar para SP eu ia deixar meu emprego que é muito bom mais pra mim isso não é importante.
    Mais um belo dia ele me ligou e m falou que a esposa estava grávida que não sabia o que fazer ela descobriu a nossa historia fiquei muito mau, descobri que minha filha estava com uma doença muito seria fiquei sem rumo sabe quando vc tem tudo planejado e de repente vc não tem mais nada. Acabei voltando para o pai dos meus agora não sei o que eu faço porque eu não gosto dele não consigo nem bj ele penso no outro o tempo td, a mulher dele perdeu o bebê continuo falando com ele tds os dias não sei o que fazer.
    Porque o nosso amor é um forte sabe é uma coisa muito intensa eu tenho certeza do amor dele sabe quando eu ele éramos adolescente td sempre foi prefeito nos entendemos só no olhar e continua assim eu não to falando de sexo porque até hj aconteceu uma vez é muito mais alem disso eu tenho uma certeza no meu coração que se não nessa vida vai ser em outra. E agora minha filha precisa muito d mim e forma q a esposa dele perdeu o bebê ele não pode deixar ela agora. Nós entregamos na mão de Deus.

  • Eu e VC 11 disse:
    março 01, 2009

    Eu e Vc 11

    achei esse blog muito interessante, tb tenho uma historia,
    Quando eu tinha 9 anos conheci um garoto, ele tinha 11 anos, então tivemos um namoro de criança,me lembro que na época sonhava com ele, sonha em me casar com ele, essas coisas, tivemos uma namoro de criança é claro, mais foi um amor muito forte, quando nos separamos ele tinha 13 anos e eu 11 anos, eu segui o meu caminho e ele seguiu o caminho dele, ele se casou teve dois filhos, e eu apesar de ter me relacionado varias vezes, não me casei, mais tenho um filho, a umas tres semanas atrás, recebi um convite no meu msn, na hora não aceitei pq pelo nome me lembrei dele, mais não acreditei que poderia ser, então vi uma foto dele, e o reconheci na hora, aceitei, começamos a tc, e nos recordamos no nosso tempo de namoro, o quanto a gente se amou, como diz ele, é estranho, pq a unica coisa que fiz com vc foi pegar na sua mão rs, isso já faz 32 anos, e agora esse amor voltou um força total, que não consguimos nos segurar, não é fisica,pensamos igual, ele diz que queria poder me colocar nunha caixinha e toda vez que sentir saudades, ele iria lá e abriria a caixinha só pra olhar, e eu tinha vontade de ficar perto dele, só perto, conversando tocanto ele, só assim pra mim já estaria ótimo, é uma coisa de louco, não entendo e estou muito assustada com isso, não sei como lidar com isso, não quero magoar ninguém, ele tem esposa, que tb não sinto raiva dela, muito pelo contrario, sinto um carinho por ela, é um sentimento de gratidão por ela ter cuidado dele por todo esse tempo, é muito estranho, não pensamos em viver esse amor, pq estamos de acordo de não fazer ninguém sofrer, a esposa dele, os filhos dele, mais sabemos que nos amammos muito, e conversamos todos os dias, e no dia que ficamos sem nos falar, sinto um vazio, é coisa de alma msm, muito estranho.

    bjinhus a todos

  • Anônimo disse:
    março 18, 2009

    boa tarde quero parabenizar seu blog .
    tenho 25 anos é 2 anos conheci o meu amado , me apaixonei a primeira vista ,quando ele me via ele ficava sem graça ,vermelho e sem reação não entendia o porque depois de mais ou menos um mês começamos a nós falar ele sempre foi fechado com as meninas que trabalhavam comigo só conversava comigo ,eu sonhava com ele contava os dias pra ve-lo quando ele veio falar comigo me perguntando varias coisas da minha vida ,quando ele me via me elogiava ,cuidava dos meus passos me dava conselhos as vezes me ligava pra dizer bom dia ou boa noite ,mais antes de termos algum envolvimento ele me disse que era juntado com uma moça a 4 anos que eu era muito especial e pena que a gente não tinha se conhecido antes ,eu fiquei muito chateada em saber de outras pessoas que ela era rica e lhe dava de tudo mais não acreditava que ele estava com ela por dinheiro . a gente se comunicava por olhares seu sorriso maravilhoso me fazia sonhar acordada ,eu o procurei e falei que queria ficar com ele ,ele so respondeu que nunca me escondeu nada que não queria me ver sofrer .
    dias depois eu sai com umas amigas e ele me viu me ligou dizendo que eu estava linda eu adorava quando ele me elogiava ,bebi um pouco demais e liguei pra ele não demorou 2 minutos ele veio falar comigo eu o dei um beijo eu me entreguei completamente ,depois disso tudo mudou ele me olhava diferente me mandava presentes quando nos encontravamos podia estar ao lado de quem fosse ele pegava minha mão e beijava suavemente levava ate seu coração que estava acelerado, nossa aquilo era maravilhoso ,ele me chamava de FADA ,,eu chorava muito por ama-lo e me perguntar o que eu era pra ele uma vez ele me falou assim nunca sabemos o dia de amanhã talvez vamos acabar junto nunca me prometeu nada e nunca me escondeu nada ,parei de ve-lo mais mesmo assim ele me liga pra me perguntar dos meus dias como eu estou eu o vi a um mês atrás ele atravessou a rua e sorriu pra mim foi maravilhoso depois de algumas horas ele me ligou dizendo que ficou ate sem reação ao me ver que não o me esquece eu fico paecendo boba mais to levando a vida,eu estou namorando a 6 meses tentando refazer a minha vida mais é dificil eu não consigo esquece-lo ,pois sei que se ele largar dela eu vou correndo pra ele ,eu não sei se e minha alma gemea mais eu não entendo porque e tão dificil ficar com quem se ama parece que escuto ele me dizendo que a gente ja nós amamos em vidas passadas ..............ai como eu sofro .......obrigado por esse blog ........bjus

  • Anônimo disse:
    abril 05, 2009

    Oi...
    encontrei uma pessoa em setembro de 2008, em novembro vivemos a intensidade de um amor verdadeiro por uma semana...nesta semana teve um dia que parece que tive uma visao, senti algo muito estranho, pedi pra ele voltar pra familia dele (ele estava separado), falei coisas que parece que nao era eu, depois chorei muito, foi uma sensaçao horrivel ....como moravamos em cidade diferentes, em janeiro ele optou realmente pra retornar pra familia, mas ate hj sinto ele perto, e sinto que ele pensa tanto em mim quanto eu penso nele....o que é isso? me ajudem
    r.ollivia@hotmail.com

  • Cassia disse:
    abril 15, 2009

    Por mais que saibamos que é preciso que determinadas coisas aconteçam para que possamos vivenciar um amor verdadeiro, é difícil você encontrá-lo, reconhece-lo e não poder tê-lo... é difícil ouvir da pessoa amada que ela também a ama mas infelizmente tem que "cumprir" o que lhe foi confiado nesta vida e que em uma outra ficaremos juntos, é injusto, é cruel, é doloroso!!!
    Porque tem que ser assim???

  • Cassia disse:
    abril 15, 2009

    Desculpe... acabei não concluindo o comentário anterior...
    Vivo uma história complicada, encontrei minha alma gêmea, o verdadeiro amor da minha vida e infelizmente não podemos ficar juntos.
    Temos uma sintonia incrível, de um saber o que o outro esta pensando, de eu pensar em ligar e meu telefone tocar, coisas do tipo... mas como nada é por acaso, ele já tinha uma história... uma vida e por mais que eu saiba o quanto o amo, o quanto ele é importante na minha vida, não achei justo interferir!!!
    Sei que se ele tem uma outra história é porque ele precisa ensinar ou aprender algo (ou eu mesma, quem sabe...)
    Mas é difícil você ouvir da boca do seu amado que ele sente que somos ligados, mas que esta vida não foi feita para ficarmos juntos...

  • Anônimo disse:
    abril 23, 2009

    Gostei muito do blog, e tenho uma estória maravilhosa de um reecontro.
    Eu e meu marido nós conhecemos há 8anos atrás na época foi aquela paixão fulminante, aquela paixão de adolescente, ficamos um bom tempo juntos e então descobri que ele tinha uma namorada resolvi então terminar tudo e aguentar a dor da separação, pois não podia aceitar aquela situação, fui muito radical pois não dei nem tempo pra ele se resolver ou até mesmo se explicar, vivi uma situação semelhante dentro da minha casa e por isso tinha pavor em ser a outra, mesmo sentindo o maior amor do mundo resolvi deixar tudo pra trás e não lutar pelo meu grande amor, sabia que iria me envolver com outras pessoas, mas o meu grande e eterno amor seria ele, jamais iria amar outra pessoa novamente. 8 anos se passaram ele se casou com a tal namorada e eu também me casei, ele ficou 2 anos e 4 meses casado e se separou e o qdo eu estava me separando com exatos 2 anos de casada...um belo dia nos reencontramos, e ai tive a certeza que o meu casamento tinha realmente acabado, foi apenas um ciclo, o tempo que eu precisava para reencontrar o meu amor.E tudo voltou a ser como era antes a paixão adolescente continuava mais forte ainda , descobrimos então que o nosso destino era ficar juntos, mas somente agora qdo ... que tudo que passamos foi aprendizado e hj damos muito valor um ao outro e a nossa relação. Tenho certeza que ele é a minha alma gêmea, e que o nosso amor iria acontecer de qualquer forma, mas no momento de Deus.
    Nunca mais terei medo de acertar e de lutar ....

  • Gabriela disse:
    abril 24, 2009

    Nossa, como é confortante saber que casos parecidos com o meu existem, muito obrigado pelo esclarecimento!

  • Anônimo disse:
    abril 26, 2009

    Bom, relutei muito antes de escrever, mas meu coração ganhou.
    Conheci uma pessoa no ano de 1991, quando olhei em seu olhos vi que algo acontecerá,porém ele era casado e eu noiva.
    Com a proximidade de meu casamento ele sempre me falava que eu não deveria, que ainda não estava na hora,na verdade não entendia..
    Meu pai sempre notou em mim algo diferente, sempre me perguntava se era aquilo que queria, até chagando na porta da igreja no dia do casamento ele me colocou a prova..segui em frente.
    Após 3 meses de casada enxerguei naquela pessoa o meu verdadeiro amo, nós trabalhavamos juntos então era inevitável os encontros. Até que um dia não resistimos, e foi o melhor encontro da minha vida. percebi que era meu amor.
    bom, se for falar de todos os momentos que vivemos felizes juntos, escreveria um livro.
    Continuei casada e tive 2 filhos até que um dia ele me disse que estava se separando. ao mesmo tempo que fiquei feliz me senti acuada, pois ainda continuará casada e não tinha coragem de terminar meu relacionamento por causa de meus filhos.
    Bom nos encontramos mais algumas vezes e sabendo da minha indecisao decidiu se afastar. foi quando após alguns meses o vi com outra pessoa. meu coração parou por alguns instantes. tinha perdido a oportunidade de tê-lo.
    Decidida a deixa-lo feliz pedi demissão da empresa já que estava grávida novamente, spo que desta vez o filho era dele.
    sempre tivemos contato, nunca nos separamos dos pensamentos positivos, das atitudes de carinho e do cuidado um com o outro, mas ele nunca soube da criança.
    após 10 anos afastados para o romance nos reaproximamos..encontros cheio de amor, carinho, atenção mas nada relacionado a sexualidade.
    Nos conhecemos tão bem que basta um olhar para saber o que o outro quer..
    Chegamos em um ponto que não podemos ficar juntos, quero muito este homem mas não quero que ele se sinta culpado, já que continua casado, eu porém etou a 1 ano separada.
    nossas vidas são de total desencontros, um vai e vem se volta, mas a cada dia que passa eu o amo mais e sem querer nada em troca somente saber que ele é feliz.

  • Anônimo disse:
    maio 16, 2009

    Olá pessoal, fiquei muito feliz em encontar esse site, fiquei sabendo que varias pessoas passam ou passaram pela mesma experiencia q eu passei.Vou Lhes contar.Aos meus 8 pra 9 anos no auge de minha inocencia, sem saber fluiar em mim o amor... Me apaixonei por o filho de minha vizinha ele morava no interior com a avó dele e vinha para Salvador somente nos finais de ano.Sabe era aquela historia de sentir o corpo tremer, a barriga doer só em ver a pessoa, queria esta perto, mesmo se não fosse dito nada. Eu rezava para chegar o final do ano so pra ve-lo, ñ era sntimento sexual entende? Então para minha sorte qundo eu fiz 10 anos ele vei morar em Salvador, ele tinha 16 anos e veio para trabalhar e concluir os estudos.Foi então naquele ano que eu determinei que ele seria a pessoa que eu iriar dar meu 1°bjo, e foi assim que descobrir que o amava mas era um amor impossivel pois ele era mais velho ñ ia querer nada comigo e as meninas mais velhes dave em cima dele. Foi ai que eu colei c/ uma amiga de ABC e ele me pegou de proposito só para eu bjar ele, e pra minha surpresa ele aceitou...Lembro como se fosse hj, era noite no quintal da casa dele a lua estava cheia, linda...e eu ñ sabia beijar... mas aconteceu... foi inesquecivel tb pq descobrir naquele momento q o sentimento era compartilhado pelo dois e ficamos nos beijando um tempao... Então ficamos, so q alegria dura pouco, um amigo nosso q gostava de mim roubou uma foto minha e espalhou q eu era namorada dele e q eu tinha dado a foto a ele, e em um certo domingo fui na casa do meu amor e ele me tratou super mal disse q eu era mentirosa, falsa q eu ñ sentia nada do eu disse pra ele... aquilo doeu tanto q fiquei quase 2 anos sem ficar na rua, era do colegio pra casa, da casa pro colegio. Ate que quando eu fiz 12 anos conhecir um menino e naquele momento pensei fico com ele e irei esquecer o amor de minha vida. Fiquei com ele 1ano e engano meu não esquecir esse amor, então tive um problema com esse namorado e terminamos...Pense tão nova e ja tinha sofrido tanto por amor, foi nesse tempo perto de eu fazer 13 anos desiludida, triste, sem amigos que quem eu menos pensavam ia me ajudar, meu amor.Então comecamos a conversar viramos otimos amigo, até que um dia entre uma conversa e outra surgiu um bjo, entao comercamoas a namorar, passamos por tantas coisas juntos nosso amor esra tao forte e lindo, mais tb tinha muitas brigar pois eu era muito siumenta e tb pq como eu era muito nova não tinha muita liberdade.Aos 15 anos eu comercei a estagiar e o nosso namoro passou por uma fase muito dificl quase terminamos nessa fase fiquei gravida, nao sabia o q fazer, como ia ter esse bebe? Entao fiz um aborto... depois continuei com ele ate os meus 18 anos foram + ou - 5 anos juntos.Até o dia q ele terminou comigo, foi o pior dia de minha vida. Eu perdi meu chao, meu porto seguro, minha vida, minha felicidade... Fiz de td pra voltar pra ele pq eu tinha uma certeza eu o amava ate mais q a mim mesmo mais nao teve jeito nao voltamos e uma coisa q ele me disse foi:"Nunca mais vou ter mais nada com vc" e eu respondir" nunca diga desta agua nao beberei..." fiquei quase 2 anos sem namorar com ninguem eu tinha medo, e nao queria ficar com ninguem, sonhava com ele tds as noites e no meu sonho eu sempre estava feliz com ele. O tempo passou e so aumentou o sentimento ta mais verdadeiro. Hj ele tem a namorada tem quase 3 anos com ela. e eu estou namorando a quase 1 ano, gsto do meu namorado mas nao tiro ele da cabeca e pior do coracao. Depois quer terminamos nos encontramos pois ele mora do meu lado e varias vezes fizemos sexo, ele so queria isso comigo, pois eu perguntei se ele queria voltar pra mim e ele disse q nao q ama a namorada dele e eu perguntei pq entao me procurava??? Ele disse q e um sentimento de desejo. Ja tem quase 1 ano q nao tenha mas nada como ele. So q sonho com ele direto e no sonho eu estou muito feliz é uma felicidade q eu so tinha quando eu estava com ela.
    Me responda o q é isso? È amor. é alma gemia????

  • Anônimo disse:
    julho 25, 2009

    Me identifiquei muito com o blog , pois há 20 anos namorei um rapaz que gostava muito de mim , mas naquela época n queria me envolver e terminamos . Mas durante os terminos de seus relacionamentos ele me procurava , mas aceitava mais voltar comigo ´pois achava que eu era muito complicada .
    Cansei de esperar e decidi esquecê - lo e voltei para um antigo namorado e acabei me casando com ele há 9 anos .
    Tenho 2 filhos lindos e meu marido me ama muito , mas eu não posso ver meu ex , pois parece que o tempo não passou e ´nos olhamos com se fosse a primeira vez e ficou muita coisa mal resolvida entre nós .
    Nós nunca conversamos e qdo ele me ve na rua não me cumprimenta, mas meolha como se quisessec dizer muita coisa . Ele se casou somente há 1 ano e fiquei arrasada qdo soube .Apesar de toda essa atração chegamos a ter relações mais íntimas pelo fato de me sentir segura com ele .
    Sinto com se em outra vida nós já tivessémos nos entregado totalmente .
    Não queria sentir isso por ele , mas que sentimento durará p sempre .
    Apesar desse sentimento não tenho coragem de trair meu marido que a melhor pessoa que conheci .Penso muito nele , mas não queria pensar

  • Anônimo disse:
    julho 25, 2009

    retificando o comentario anterior não tive relações intimas com meu ex namorado embora me arrependa

  • Anônimo disse:
    julho 31, 2009

    Oi, esse site relaxa, afinal todos sentimos o "tal amor". Qdo comecei ler opniões pensei: será q. aquela pessoa tão querida, q. mudou tudo, escreverá aqu? Não escreveu, mais eu posso dizer em 2001;2002, minha vida mudou; me apaixonei, mas não nos vemos mais; porém meu anjo, sempre vou estar com vc. stand by you..yours lady jane...e phil collins...

  • Anônimo disse:
    agosto 01, 2009

    oi eu conheci 1 pessoa ha 3 anos, mas parece que nos conhecemos a anos, sera q em outra encarnaçao ja tinha alguma coisa haver .tipo mae e filha??

  • grandes amigos disse:
    agosto 20, 2009

    Eu so tenho 17 anos...Sei que sou nova sou espirita e conheço bastante desta religiao...Quando eu tinha 5 anos entrei para a minha escolinha (PRE)foi ai q conheci ele,mais minha mae sempre foi amiga da sua familia,falavamos q era namoradinhos para tds,aquele namoradinhos de minino piqueno so de pegar na mao...Ficamos agarrado no pre por mais um ano sem precisao pois chooravamos so de pensar em ir para outro lugar e nao poder ficarmos juntos...Lembro de td isto nitidamente.Mais tivemos q nos separar,nisto eu nunca esqueci dele sempre perguntava pera minha mae por ele mais ela nunca me falava onde ele se encontrava,por um ano fiquei muito doente uma doença atras da outr e todas vem do sentimento(dor de garganta,febre muito altas)assim conta minha mae tbm.Quando eu tinha 10 anos e estava na quinta serie rencontrei com ele,nao tinha visto ele na escola,ele começo a me mandar cartinhas foi ai que me lembrei dele,fuii uma felicidade para mim,oq eu sentia nao tinha explicaçao o meu coraçao acalmava perto dele nada me irrava...Ficamos 2 anos juntos depoiss tivemos q nos separar novamente.Neste tempos que eu fiquei longe dele nunca deixei de pensar nele nenhuma dia se quer.Sempre lembrei daquele olhar que me dizia cada coisa,ele nunca preciso falar nada bastava ele me olhar para ver o nosso amor...Aos meus 15 ele volyo a me procurar,ai que namoramos de verdade por mais 1ano,1 ano de amor,ternura,paixao,respeito,quando eu estava com ele nao pensava em masi nada so queria viver aquele momento ali com ele,agardecia cada sengunda a deus por aquele momento de tanto amor,a vida sempre foi colorida do lado dele,nunca brigamos um com outro...Ate hoje nunca falei um tchau para ele pois doi em mim,adeus nem se fala ne,pois eu sei que um dia vamos esta junto e adeus e munto tempo para nos,quando terminamos desta utima vez sofri menos q das outras adoenci apenas 5 messes direto,eu nunca lhe desejei o seu mau,quando fico sabendo que ele esta com outra o meu sentimento é de felicidade poisvejo que ele esta feliz,a unica coisa que me importo é se ele esta é da sua saude pois nao suportaria perde ele desta maneira como diziamos sonho ainda em ermos os nossos 10 FILHOS.kkk sonho é sonho ne...Hoje compriendo que tem um motivo que noa podemos ficar juntos neste momento.Vivo a minha vida normal,o amor que eu sinto por ele so me faz crecer pois sei que ele vai precisar ainda de mim,entao preciso viver e aprender para mais tarde poder lhe dar a mao.Todas as noites lhe digo boa noite e todos os dias lhe digo Bom dia meu PRINCIPE meu ANJO...Nao tem explicaçao por este sentimento,so sei sentir ele,pois é a melhor coisa que eu fazo pois deu me deu ele nao pra saber o pq mais sim para sentir...Nao preciso ter ele como meu namorado ou marido,poDE ser como o meu amigo so quero saber como ele esta pois so assim para o meu coraçao se acalmar e viver em paz...La em cima saberei oq nos somos um do outro isto eu so louca pra saber...

  • Anônimo disse:
    agosto 20, 2009

    Esse blog é mto maravilhoso!!!

  • rosiane disse:
    outubro 21, 2009

    Oii
    Amei esse Blog...esclareceu algumas das minhas duvidas....acredito em amor d outras vidas....não sei como explicar,mas me sinto muito ligada a outra pessoa,é uma coisa muito forte q vai além d todas as minhas forças,ele é mais novo q eu..e as vezes acredito q essa diferença d idade veio pra mostrar q não é pra gente ficar juntos...mas nossa ligação é tão forte q eu não consigo me relacionar com outros garotos pq me vem um medo d estar traindo esse sentimentoo, q é puro e sincero,com a ajuda do espiritismo estou aprendendo a me conhecer melhor, e acredito q nda é por acaso e c for pra ficarmos junto vamos ficar, mas uma coisa eu tenhoo certeza....o q eu sinto por ele é AMOR....e num é um amor d agora...é um AMOR q vem d muitoo longe...P.S.Rosiane Martins

  • Anônimo disse:
    novembro 21, 2009

    Pareçe que a vida copia a arte.
    Encontrei uma pessoa que eu conheço a 3 meses mais pareçe que sempre a conheci, sinto falta dela no final de semana, nossa uniãoé tamta que ela vem pro trabalho liga para mim e ue para ela. o problema é nossa diferença de idade sou o doblo da idade dela.

  • Anônimo disse:
    novembro 28, 2009

    Eu li a maioria dos comentários,e todos dizem que sabem quando é a pessoa certa,eu sou casada e lutei muito pra ficar com meu marido,no início até sentia que ele era minha alma gêmia,mas hoje...as vezes acho que não!faço um esforço pra me lembrar do sentimento que eu sentia...mas só as vezes consigo...como eu devo saber se é ele?pois várias vezes não vi meus sentimentos serem correspondido.E lá bem no fundo minha alma sente falta de algo ou alguém!Não sei!E isso as vezes me mata aos pouquinho...se alguém puder me responder agradeço!

  • Anônimo disse:
    dezembro 22, 2009

    arguedas xenos evaluating bioeconomy agriculture kkiu situation ileus telegraph substitutes distinct
    semelokertes marchimundui

  • Anônimo disse:
    dezembro 27, 2009

    sou liza.
    conheci um rapaz no dia do seu aniversário e logo pegamos uma afinidade emorme,convesamos como se já nois conhece-se a anos,logo começamos a namora.foi tudo muito rapido e intenso,ele sempre me dizia que parece que agente se conhecia de outra vida e oque aconteceu com agente era coisa do destino.agente combinava em tudo e gostava das mesmas coisa.eu me apeguei muito a ele e apesar de conhecer ele a pouco tempo sentia em meu coração uma vontade emorme de dizer que eu tava o amando.no ultimo dia que falei com ele agente convesou tanto nem eu e nem ele queriamos desligar o telefone eu cheguei a abri mimha boca para dizer que o amava mais minha voz não saiu só saiu" boa noite meu amor".no dia seguinte senti muito mal no trabalho e com uma voltade emorme de ve-lo e de falar com ele,liguei mil vezes e não consegui sentia que tinha algo acontecendo,não dormi direito.
    No dia seguinte eu consegui ligar para casa dele e falei com o pai dele e ele me deu a noticia que ele tinha morrido.eu entrei em choque passei muito mal e o pior que o intero já havia acontecido naquele dia e eu nem me despedi dele me culpei tanto em saber que ele se foi e eu não disse que o amava.os pais dele não sabiam que ele tava namorando.
    desse dia em diante criei um vinculo muito forte com a familia dele principalmente com o pai dele eles se tornaram uma segunda familia para mim.eu encontrei no pai dele um consolo e ele em mim.sinto muito a falta dele e as vezes não entedendo pq.eu o conhenci no dia de seu aniversário e tudo acabou na sua morte.as vezes sinto sua presença e converso com sua foto.porque que isso acontece porque que tem que ser dessa forma?

  • Katia disse:
    fevereiro 14, 2010

    Olá, meu nome é kátia, tenho um amor de outra vida, assim como fatos relatados aqui!eu o conheci quando completei 11 anos de idade, e antes de vir pra minha vida eu já sabia da sua vinda. Nosso relacionamento sempre foi complicado temos diferenças de idade que no principio era impossivel, mas com o tempo essas diferenças acabam. tive problemas familiares que também me afastaram dele, fazendo com que eu namorasse outro homem e nesse intervalo ele conhecer outra mulher e engravida-lá, quando a filha dele nasceu percebi que precisava me afastar dele para que ele pudesse viver sua vida,mas ele nunca se afastou de mim! já se passaram 18 anos e eu ainda o amo, só que meu amor passou por diversas transformações, antes era uma paixão passando para obcessão depois se transformou em vaidade ( o pior de todos os sentimentos) hoje eu sei o porque de amá-lo, tenho o esclarecimento espiritual em relação a isso, e passo todos os meus dias esperando pelo momento de todas essas provas terminarem e agente poder ser um só novamente, eu o perdou todos os dias, eu me perdou também, tento ser melhor e fazer melhor as pessoas em minha volta, as vezes fico triste e choro,então eu rezo e meu coração se alivia na esperança de uma outra vida e é por essa esperança que eu vivo e faço do meu dia de hoje o melhor de todos os dias, Eu não consigo amar nenhum homem mais, não penso em me casar ou ter filhos, construo a minha historia. Uma historia de trabalho de superação e de alguém que ama e acredita na vida. É isso! amor de outra vida é real

  • ENTRE O CEU E A TERRA disse:
    março 10, 2010

    EU O CONHECI NUM MOMENTO COMPLICADO DE MINHA VIDA E FOI TAO BOM MAS POR ERROS MEUS O PERDIR MAS JURO POR TUDO QUE É MAS SAGRADO...ELE É MINHA ALMA A METADE DELA POR ASSIM DIZER...E COMO SEI? PORQUE SÓ QUEM ACHA E PERDE A ALMA GEMEA SABE DA DOR QUE SENTE QUANDO RELATA O FATO...................PARA SEMPRE VOU TE AMAR CLAUDIO

  • Bruno disse:
    março 25, 2010

    É eu estava achando respostas... mas acabei encontrando amigos...rsrs, sinto q vivo algo parecido so q não foi corespondido ela sempre muda o ton de voz pra falar comigo... ela não vazia isso até alguns fatos ocoridos como se alguem colocase "minhocas na sua cabeça" eu sei q ela sente o mesmo eu percebo em seu olhar... mas no momento sinto dor no peito (emocional)...sem explicação

  • Anônimo disse:
    abril 16, 2010

    Cheguei aqui da mesma forma que a maioria das pessoas, e pude ver que realmente não sou a única a ter esse tipo de experiência.
    Tb tenho um homem na minha vida, meu grande amor! É dificil explicar, mas ja sao 8 anos de tentativas frustradas, mais de minha parte. Ele hj tem namorada, diz que a ama, mas q me ama tb, vive dizendo que é um paradoxo.
    Já procurei infinitas respostas, ja me obriguei a gostar de outra pessoa, já parti n vezes da vida dele, mas nao consigo. Sinto a presença dessa pessoa muito forte em mim e sempre questiono, se realmente existe um grande amor para cada um de nós. E se existe, pq mesmo tendo certeza q é ele, pq nao está comigo... é muito confuso...
    O que posso dizer agora, é que drante esse tempo todo, aprendi muita coisa, evolui como pessoa, ele tb, mas mesmo assim não evoluimos como casal, apenas nos ligamos pela afetividade sexual, esse é o nosso maior link hj!
    Atualmente posso dizer, q me mantenho afastada dele, pois quero ter uma viida afetiva normal, mas lá no fundo é ele que gostaria que estivesse ao meu lado.
    E o amor que sinto por ele, é o que me dá força para afastar e deixá-lo seguir a vida que escolheu para si...

  • rackel bueno disse:
    maio 15, 2010

    bom .minha historia é longa.vou resumir um pouco.fui casada ha algum tempo e estava separada dele ,qdo tudo começou.um belo dia em uma sala de bate papo encontrei um moço,ja de cara tinhamos algumas coisas em comum ,pois ele morava numa cidade onde eu ia muito com meus amigos e queria muito conhece_lo..alias seria facil demais conhece_lo pois sempre estava naquela cidade.mas nao foi assim q aconteceu.todas as vezes q eu tentava ir ate ele,alguma coisa ruim acontecia,as mais marcantes forao .a morte da minha avó.e depois um dia em q eu estava decidida ir ate ele pois ja nao aguentava mais,foi quando meu ex marido louco de ciumes foi atras de mim me seguiu e num posto de gasolina me abordou e me fez entrar no carro dele,me levou num lugar deserto e lá pude sentir todas as dores que um ser humano possa sentir,um dor incontrolavel,fui violamente agredida pelo meu ex marido.ai depois de uns dias a noticia q ele havia se suicidado.esse moço q eu havia me apaixonado me confortou.e por outros varios motivos eu amava aquele moço,mas tinha muitas coisas q nos separava.eu nao entendia o por que.ele me dizia q entendia tudo o q estava acontecendo pois ele era espirita.qdo fiquei sabendo disso.pensei mil bobagens,chegueia pensar q vc ele a razao de todo meu sofrimento..mas como podia ser se qdo eu estava com ele no pc,me sentia bem e segura.nao conseguia pensar mal dele pois o amava muito e q amor era aquele q eu sentia.como podia amar tanto ele assim.sem ao menos ter visto ele pessoalmente..que loucura um amor assim..mas era real tudo o q eu sentia por ele.eu sentia.eu o desejava com todas as minhas forças.um belo dia depois de varios acontecimentos em minha vida ,depois de sofrer tanto fui buscar ajuda num centro espirita e la tive todas as minhas respostas .quase todas né....mas uma foi especial.aquele moço que eu tanto amava .é na verdade um amor de uma outra vida passada,que eu nunca vou poder deixar de ama_lo.mas eu em nome do amor que eu sento por ele,abri mao dos meus sentimentos pra ver ele feliz.sei q vou pagar um preço muito alto por isso.mas é q nessa vida tanto eu como ele ja temos em nossa bagagem nossas historias.e se o destino nos ''afastou''.é por que seria melhor assim pra nos dois.mas fico feliz em ter uma linda amizade com ele.em saber q ja o tive em outra vida e q podemos ser felizes em uma outra reencarnaçao..bjosss..a todos.qualquer duvida..postem aqui que eu os respondo...fiquem com deus...rackel bueno

  • Anônimo disse:
    maio 20, 2010

    a pior parte são os sonhos ,distantes dolorosos e quando acordamos a sensaçao de perda é cruel,fico o dia inteiro me sentindo mal.

  • Anônimo disse:
    maio 21, 2010

    BOM ME CHAMO F.F.S. E A 14 ANOS ATRAZ EU OUVIA SEMPRE FALAR DO NOME DE UM RAPAZ CHAMADO DAVID,E LOGO DE PRIMEIRA CRIEI UMA EXPECTATIVA EM CONHECE-LO ASSIM QUE ELE CHEGASSE DA CIDADE ONDE ELE ESTAVA,EM UM DIA QUALQUER EU FUI A UMA PRAÇA E UM RAPAZ LOIRO ME CHAMOU A ATENÇAO E ALGUMA COISA ME DIZIA QUE ELE ERA O TAO FALADO DAVID,E CRIEI CORAGEM E PERGUNTEI E DE FATO ERA ...DALI POR DIANTE EU ME APAIXONEI PERDIDAMENTE MAS FIZ MUITAS LOUCURAS DE AMOR A QUAL PREJUDICOU,ERAMOS MUITO JOVENS ENTAO PASSAMOS A NAMORAR MAS ESSE NAMORO NAO DUROU MUITO APENAS UM MES E DALI POR DIANTE COMEÇOU MEU SOFRIMENTO E EU ME MUDEI DE CIDADE E UM BELO DIA MEU TELEFONE TOCA E ERA ELE DO OUTRO LADO DA LINHA DALI PRA FRENTE SEMPRE MANTEMOS CONTATOS MAS BRIGAMOS MUITO PORQUE ELE NAO GOSTA DE OUVIR QUE EU ESTOU BEM E OUVIR QUE ELE ESTA BEM TAMBEM ME ENCOMODA.HOJE ESTAMOS COM QUASE 31 ANOS E ESTAMOS NOS PREPARANDO PRA VIVER DE FATO O QUE NAO VIVEMOS HOJO SOMOS MAIS RACIONAIS DEVIDO A MATURIDADE E MUITAS COISAS ACONTECIAM DURANTE ESSES 14 ANOS COMO O DIA QUEM A MAE DELE FALECEU EU ACORDEI MUITO ANGUSTIADO E TINHA SONHADO COM ELE E LIGUEI E PERGUNTEI SE LGO TINHA ACONTECIDO E DE FATO SIM ...MUITAS COISAS ASSIM ACONTECE COMIGO E COM ELE TAMBEM SOU FELIZ TENHO UMA OUTRA PESSOA HOJE A QUAL GOSTO MUITO POREM O QUE EU SINTO POR ELE É MUITO MAIOR A PONTO DE LARGAR E VIVER COM ELE O QUE EU SEMPRE SONHEI...ISSO PODE TER ALGUMA LIGAÇAO PASSADA EU QUERIA MUITO ENTENDER UM POUCO DISSO.

  • Anônimo disse:
    maio 26, 2010

    Achei o blog na net procurando alguma resposta para o que sinto.Saber destas histórias conforta muito.Há quase 20 anos atrás conheci um rapaz que me tirou os pés do chão. Amei muito ele e sofri muito com isso. Nossa história não deu certo, mas nunca esqueci o que vivi, apesar de bem nova na época. Quando eu o conheci senti uma coisa que não explicar, no primeiro momento que meu olhar viu o seu. O mais incrível é que tenho certeza que foi mútuo.
    Rompemos esse relacionamento, pois descobri que na época ele tinha uma namorada em sua cidade e me escondeu.Perdemos o contato, naquela época era mais difícil achar alguém. Confesso que procurei muito por essa pessoa, tentei listas telefônicas de sua cidade, na internet, vasculhei o que foi possível, mas parecia ter evaporado mesmo.
    Comecei a namorar meu atual marido com quem estou há quase 15 anos entre namoro e casamento. Amo muito meu marido também, parece tudo mais que perfeito.
    Mas, nunca esqueci esse amor.Esses dias eu descobri que ele foi embora do Brasil (acho que em 2001) e está casado e com dois filhos. Construiu uma vida lá fora. Está bem.
    Juro, pensei mil coisas, até pegar um avião e bater na sua porta...que loucura. Está acabando comigo isso.Mas não quero que nada de mal atrapalhe a vida dele.
    Encontrei até seu e-mail,mas não tenho coragem de entrar em contato. Não quero problemas para ele ou para mim. Sei que é impossível e com isso fico apenas vendo suas fotos e me confortando que está bem, fazendo o que gosta.
    Mas sei que ainda vamos nos encontrar para acertarmos o que nunca foi dito.

  • Anônimo disse:
    maio 27, 2010

    adorei este blog pois também sinto que encontrei uma pessoa que conheci em outra vida e que com certeza foi muito importante pra mim, tenho 50 anos e há 5 anos encontrei uma pessoa de 60 anos que despertou algo em mim que nunca imaginei poder existir,algo que vai além do sexo, uma coisa de alma mesmo, queria muito poder entender este sentimento que me deixa tão alucinada a ponto de esquecer todos os meus principios e cometer loucuras!

  • Anônimo disse:
    junho 19, 2010

    Amei esse blogg e me identifiquei muito. Sempre busquei em minha vida uma pessoa que me completasse. E a 10 anos achei essa pessoa, porém com o passar dos anos apesar de ser muito feliz com ele e amá-lo sempre faltava algo em minha vida. Sempre tive um vazio, sempre senti que ainda não tinha encontrado minha alma gêmea.E a 3 anos no meu trabalho conheci uma pessoa. No primeiro momento que nos olhamos já foi marcante. Ele me olhou de um jeito tão diferente, e eu senti um tremor que não sabia explicar. Ficamos próximos e percebemos muitas afinidades, preferência e histórias em comum, e isso nos rendeu uma amizade. Mas nós sabíamos que tinha algo a mais. Porém ele era casado e eu tb, e lutamos muito contra nós dois. Até um dia em que não conseguimos mais e resolvemos nos permitir. Foi maravilhoso nosso primeiro beijo, a sensação era que não existia mais nada no mundo e nem ninguém. E após esse dia não conseguimos mais ficar longe um do outro. Tínhamos um relacionamento muito bom que durou 6 meses, nos completávamos, tudo era perfeito, até os defeitos de ambos e as nossas brigas. A família dele me adorava, e até isso se encaixava, uma vez que não gostavam de jeito nenhum de sua esposa. Minha vida e a dele passou a ter mais sentido qd estávamos juntos, porém devido a nossos relacionamentos, pois éramos casados com outras pessoas, começou uma certa cobrança. Os dois cobravam muito um do outro, cobrávamos uma decisão, pois não era justo estar daquela maneira. Até o dia em que decidi colocar um fim, pois meu sofrimento estava me sufocando, pois queria ser sua por completa, mas não podia. E logo depois engravidei do meu marido. E me perdi do outro. Hj temos uma filha linda, somos muito felizes e amo meu marido, não quero tirar ele da minha vida. Mas a poucos dias reencontrei essa pessoa sem querer. Nada rolou, apenas conversamos muito, colocamos tudo as claras, pois nosso fim foi mediante a brigas e isso deixou feridas. Mas chegamos a conclusão que nos amamos muito, e não queremos nos perder novamente. Hj a esposa dele está gravida, e fico feliz, pois queria que ele experimentasse o mesmo que eu. Não tenho raiva e nem nada parecido pela familia dele, prefiro ele com ela, do que na rua com outras. Mas um dia já fizemos tantos planos juntos, nosso sonho era ter um filho, mas o destino nos levou a ter esse filho separadamente. Talves isso tinha que ser assim. Não sei se terei coragem e a mesma disponibilidade de ficar com ele e recomeçar nossa linda e errada historia de amor. Pois eu não quero largar meu marido . Mas não quero perde-lo, sinto a necessidade de ter ele em minha vida, e ele tb. E é só assim que nos sentimos bem de verdade. O que devo fazer mediante essa situação. Devo deixar ele ir embora novamente pra viver uma vida normal e sadia. Ou devo ter ele em minha vida e viver esse grande amor, mesmo que não estejamos dispostos a mudar nossa vida com nossos companheiros?
    Não sei a resposta, queria muito saber, só sei que minha vida tem mais sentido qd tenho ele por perto.
    Abraços a todos

  • shoani disse:
    julho 07, 2010

    Bom achei esse blog por um acaso e fiquei super emocionada com os depoimentos de pessoas q vivem ou viveram algo parecido com o q vivo.
    A minha história não difere das demais, ela é repleta de sonhos e esperança. Também procuro aqui explicações para o que chamamos de Almas Gêmeas, ou melhor dizendo Almas Afins.
    Conheci o grande AMOR da minha vida a + ou - uns 7 anos atrás, vivemos uma paixão enlouquecedora, cheia de desejos, mas eu era muito imatura e não o levei muito a sério. Ele queria me namorar eu não quis, e com o tempo fomos nos afastanto. Esse relacionamento durou 2 meses e meio. Com o passar do tempo fui percebendo a falta que ele me fazia, como pensava nele durante meus dias, e ai corri atrás do prejuízo. Porém naquele momento era tarde, ele já estava com outra pessoa, e acho também que por orgulho ele não me quis mais. E durante todo esse tempo nos reencontramos várias vezes. Mas nunca deu certo. Ele já namorou várias outras mulheres e eu também já tive várias outros relacionamentos. Me apaixonei loucamente por outra pessoa, mas é ele que eu amooooooooo, com toda certeza do mundo. Com ele é diferente, a sintonia é outra, eu não tenho ciúmes, fico feliz em saber que ele está bem, mesmo que esteja com outra mulher. Ele sempre me procura, e eu também. No ano de 2008 vivemos um outro relacionamento por 2 meses, que acabou com um mágoa imensa que ele me causou, mas que já foi expurgada do meu peito. Não consigo sentir raiva, mágoa ou qualquer outro sentimento inferior por ele. Ficamos anos sem termos relação sexual, e depois de 5 anos de vários reencontros tivemos a nossa primeira noite de amor. Foi TUDO e mais um pouco, não tenho nem palavras para expor o que senti. Foi uma comunhão de sentimentos, a primeira noite mais linda da minha vida. Me senti realizada, completa,a MULHER mais FELIZ do mundo. Vcs já devem ter ouvido essa expressão, pois é, eu era sim A MULHER mais FELIZ do MUNDO. Nunca entendi o pq da nossa relação não dar certo. Tento aceitar resignada os designos de DEUS, e sei que tudo acontece no momento certo, na hora dele. Sei que tudo que vivemos foi importante, pois aprendi e apreendi muito com a nossa história e ele também, hj somos maduros.Precisávamos passar por tudo isso para pagarmos débitos passados e podermos no amanhã nos reencontrarmos livres desses débitos, e então vivermos o nosso grande amor. Depois de 1 ano e meio do último encontro, nos reencontramos novamente, com a mesma intensidade, com o mesmo carinho e amor. A entrega foi total. Nada mais existia além de nós dois. Ele acabara com um namoro e eu também. Me sinto como se fosse a primeira vez, o primeiro encontro. Até hoje sinto o perfume que ele usava em nosso primeiro encontro. Ele é amigo do meu irmão, frequentou minha casa, mas não lembravámos um do outro. O conheci na academia que malhava e a partir daí tudo começou. A certeza absoluta de que ele é minha ALMA AFIM foi quando minha mãe que é médium me chamou para conversar e me contou um sonho que teve com ele:"-filha sonhei que estava sentada num banco e tinha um homem sentado ao meu lado, eu o falei que rezava muito por vcs e ele me falou que era para eu continuar rezando, pq nós vamos precisar muito...". Detalhe ela não o conhece, não viu o seu rosto no sonho, mas sabe que é ele. E o que mais me emocionou é que ela me contava chorando e disse ao final que sabia q existia uma ligação muito forte entre nós três.Até hj ao contar essa história eu me arrepio e fico emocionanda. Ele também tem um carinho muito especial pela minha mãe, sempre pergunta por ela, manda beijo. Sei que vamos ficar juntos, ele é o homem da minha vida, vai ser o pai dos meus filhos. A nossa história é lindaaa d +++, e ultrapassou barreiras, tanto que o tempo não consegue apagar o que sentimos um pelo outro. EU TE AMOOOOOOO e sei q o q vc sente por mim é muito especial. Um dia voltarei para contar mais um pouquinho da nossa história, que vem sendo construída de outras vidas.

  • Anônimo disse:
    julho 20, 2010

    Foi um grande balsamo para o meu coração encontrar esse blog...

    Qdo eu tinha 15 anos, o vi pela 1ª vez, senti uma imensa vontade de estar próxima.. Pedi um amigo em comum para nos apresentar, eu estava saindo de um namoro complicado... E nosso amigo simplesmente se recusou, com a justificativa que ele não servia p/ mim... Porém eu não me esqueci disso, insisti... Qdo já estava esquecendo, nosso amigo chegou e disse: Sabe aquela pessoa, agora vou apresentá-los... E eu disse: Agora ele serve p/ mim? Ele fez sinal afirmativo... (dps eu soube que ele namorava e tinha acabado de terminar o namoro)...
    Pois bem, éramos imaturos eu com 16 e ele com 18 anos... Por este motivo acabamos separados, sofri muito... Dps de um tempo voltou para a ex-namorada, e eu voltei para o meu ex (Por pirraça) e me arrependi, terminei, engatei outros relacionamentos... Afastei-me total dele, justamente p/ me forçar esquecer, só que td vez que nos víamos, acabávamos juntos...
    Comecei um namoro com um ex, super possessivo, ele grampeava até minhas ligações, por este motivo era impossível manter qqr contato, esse ex inventou uma história infundada e me fez ficar com muita raiva dele, cortar relações totalmente... Passaram-se mais 02 anos... Eu estava com 22 e ele com 24... Encontramo-nos por um acaso, mas foi inevitável passar a noite juntos... Momento mágico. Deste dia ele pediu p/ eu não me afastar tanto, se quisesse ficar só como amiga, entenderia, já que ele estava noivo e eu ainda não tinha terminado com meu ex... Atitude que tomei logo após nosso encontro, já que não agüentava mais viver como uma prisioneira...
    Encontramo-nos várias vzs, até que conheci o pai do meu filho, disse a ele que não me privaria de namorar, pois ele continuava noivo, e pra falar a verdade.. Nunca tive ciúmes, raiva ou qqr outro sentimento ruim por ela (a noiva)...
    Tentei me afastar dele assim que meu relacionamento ficou sério, mas parece que temos um imã.. Que nos magnetiza...
    Ele marcou o casamento, logo que soube... Fiz q não tava sofrendo, mas doeu, doeu fundo... Senti como se tivéssemos perdendo a oportunidade que nos foi dada, a ultima desta vida.
    No dia do casamento senti um vazio enorme, mas nunca pensei em interferir nos fatos... Disse p/ ele que me afastaria, dessa vez definitivamente.
    Ficamos separados, ele tentava me ver e eu fazia uso de tds as minhas forças p/ dizer um NÂO. Um dia fomos á um show junto com alguns amigos, não resisti, não suportei estar tão perto... Ficamos juntos mais uma vez.. Dali em diante, passamos a nos encontrar algumas vzs... Eu sempre dizia q ia me afastar, e não conseguia...
    Nos meados de 2008, descobri q estava grávida, e por um momento tive duvidas sobre a paternidade, nem ia dividir tais duvidas com ele, mas por me conhecer muito, ele percebeu e me espremeu até que eu falasse, fiquei num drama de consciência horrível, me afastei dele, jurei que seria definitivo.. Passei um inferno durante a gravidez, pois o pai do meu filho bebia não me ajudava em nada e ainda era super grosseiro...
    Por diversos momentos me peguei desejando q o filho fosse dele, o que pelas minhas contas não era... Cheguei a sonhar com isso... Um filho nosso! Aliás, acho q ele seria um pai muito melhor, mas as coisas são como devem ser... E tenho certeza que tenho muitos débitos pretéritos com o pai do meu filho tbm...
    continua no proximo post..

  • Anônimo disse:
    julho 20, 2010

    Continuando o ultimo post...

    Meu bebê nasceu no inicio de 2009, fiquei envolvida com a tarefa materna e deixei-o pra lá... Meu sonho não fora realizado... O Bebê era do meu namorado, já companheiro...
    Nos meados de 2009, meu filho teve vários problemas de saúde, foi internado na UTI, entubado e até mesmo desenganado... Sofri a pior das dores de td minha vida, e o pai? Ia ao hospital me culpar, enquanto ele sempre ligava me apoiava como muitos dos meus amigos... Em verdade, o considero um verdadeiro amigo... Meu filho teve alta, depois várias internações subseqüentes... Separei-me do pai dele, seria impossível continuar convivendo com aquela pessoa que não agregava valor algum, além de me culpar pelos males do mundo e largar td a responsabilidade no meu colo...
    Perto do fim de 2009, o encontrei.. Sentia muito sua falta, não só pelo sexo, mas pelo grande amigo q o considero... Pelas conversas intermináveis q temos, sobre os mais vastos assuntos...
    As vzs nos encontramos, tento evitar ao máximo esses encontros.. Ficando meses sem vê-lo... Mas chega um momento que eu não suporto mais, e acabo encontrando-o... Varias vzs já o ouvi dizer q não nos afastamos pq isso é amor (recíproco!)...
    Sou espírita, e me sinto super em débito pq a atitude é errada.. Mas não consigo... É forte demais... É um sentimento de carinho mto grande, querer bem sem achar q ele é minha posse, apenas saber q ele está bem me bastaria.. Já cheguei a pensar q tivéssemos uma química meramente sexual e nos atraíssemos pelos prazeres da carne, mas sinto que é muito mais que isso...
    As vzs penso em ir p/ outro estado, sumir... Mas não sei se resolveria...
    Tem dias que fico com esse enorme vazio, me perguntando por que disso? Por que essa situação... E continuamos nos encontrando, as vzs com certa freqüência, e as vzs com largo espaço de tempo... E já se passaram 12 anos.
    Tudo que sei é que amo, um amor puro, sem agoísmo, sem cobranças e me pergunto, qual será a nossa relação pretérita? E quando conseguiremos quitar nossas pendências? Creio que não possa ser nessa vida, mas espero pela próxima...

  • Anônimo disse:
    agosto 11, 2010

    Bom, pesquisando sobre vidas passada, encontrei esse blog, preferí o anonimato pois tenho uma vida tenho filhos e marido e enfim não quero me expor . Bom , acredito que tb encontrei minha alma gemea.. mas .. não consegui ficar com ele. O conhecí tinha 11 anos, hoje tenho 39, já vão quase 30 anos, ele é um prime de segundo grau , e nossas famílias por uma briga do passado não combinam, nossos avôs eram irmãos.. e enfim aconteceu a briga e obvio sobrou a proibição do nosso namoro, que aconteceu eu tinha 12 para 13 anos, com muito custo conseguí convencer minha mãe que não tinha culpa e que o amava sinceramente, mas quando finalmente conseguí a aprovação , ele já estava namorando e a moça estava grávida. Na época ainda usava o casamento como solução e foi o que aconteceu ele se casou. Passamos muito tempo sem nos falar, eu comecei a namorar meu atual marido e seguimos a vida ...Só que jamais o esquecia.. e nem ele a mim pois quando nos falamos.. foi uma suceção de contos de saudades e o quanto sentimos a falta um do outro , Nos reencontramos eu já estava casada,e foi maravilhoso, meu marido "viu uma carta" que eu escreví a ele e tive que interromper nosso envolvimento, pois tinha meus filhos e depois do que ele tinha feito, minha mãe passou a detesta-lo pois disse que ele havia me feito de idiota , engravidando a tal moça. Então ,nesse periodo não nos falamos durante um bom tempo, nos reencontramos uns 5 anos depois, voltamos a viver aquela paixão avaçaladora... um amor intenso... e estavamos decididos a viver todo o amor ele já estava separado , mas eu não conseguia me separar da minha vida com meu marido etc. e ele se envolveu com outra mulher, nesse periodo eu me afastei.. apesar de sofrer... Ele voltou a me procurar uns 4 anos depois, e voltamos a nos encontrar, ele estava com outra pessoa e vivendo na mesma casa... e o que ele dizia é que me queria e que não conseguia ficar sem mim.. era inexplicável etc.. Só que aconteceu que num sábado ele queria de qualquer forma que eu largasse tudo.. e ficasse com ele.. me pressionou eu não aceitei e enfim.. ele disse quen nunca mais me procuraria .. depois disso ele disse a mulher que morava com ele que EU o procurava..e a mulher me ligou e ameaçou contar para o meu marido e o resto da situação é algo que não gosto nem de citar porque me machucou demais..... resumindo , depois disso tudo ele já me procurou duas vezes , para não sucumbir a tentação eu troquei meus telefones e ele me manda recados através de conhecidos só que não sei.. o que fazer.. A RAZÃO diz que ele é mal carater ,que eu jamais devo me envolver com ele.. e o meu amor , sim porque ainda o amo.. não posso continuar negando isso.. diz para procurar .. para viver essa história até o fim porque.. quando nos falavamos .. diziamos que eramos almas gemeas.. porque não tinha como continuarmos nos amando , e eram tantas declarações.. tantas intimidades tantas afinidades.. nos entendiamos pelo olhar..pelo toque.. eu conhecia cada detalhe.. só de fechar os olhos , cada detalhe do corpo dele.. , Bom hoje moramos no mesmo bairro, nos vemos e quando isso acontece meu coração parece que vai sair pela boca.. penso nele.. diariamente.. sonho com ele praticamente quase que sempre .. e me sinto infeliz.. mas.. não sei se daria certo procura-lo novamente ... correr o risco de ser novamente enganada ..não sei o que fazer.. o ultimo recado que ele me mandou foi que era para deixar de ser cabeça dura e ligar para ele.. horrível isso.. me ajudem o que fazer? será que ele é mesmo minha alma gemea? se for, porque não conseguimos ficar juntos antes..? porque sempre existe algo para nos separar???? me deem uma luz por favor...
    anonima angustiada

  • Anônimo disse:
    agosto 11, 2010

    Bom, pesquisando sobre vidas passada, encontrei esse blog, preferí o anonimato pois tenho uma vida tenho filhos e marido e enfim não quero me expor . Bom , acredito que tb encontrei minha alma gemea.. mas .. não consegui ficar com ele. O conhecí tinha 11 anos, hoje tenho 39, já vão quase 30 anos, ele é um prime de segundo grau , e nossas famílias por uma briga do passado não combinam, nossos avôs eram irmãos.. e enfim aconteceu a briga e obvio sobrou a proibição do nosso namoro, que aconteceu eu tinha 12 para 13 anos, com muito custo conseguí convencer minha mãe que não tinha culpa e que o amava sinceramente, mas quando finalmente conseguí a aprovação , ele já estava namorando e a moça estava grávida. Na época ainda usava o casamento como solução e foi o que aconteceu ele se casou. Passamos muito tempo sem nos falar, eu comecei a namorar meu atual marido e seguimos a vida ...Só que jamais o esquecia.. e nem ele a mim pois quando nos falamos.. foi uma suceção de contos de saudades e o quanto sentimos a falta um do outro , Nos reencontramos eu já estava casada,e foi maravilhoso, meu marido "viu uma carta" que eu escreví a ele e tive que interromper nosso envolvimento, pois tinha meus filhos e depois do que ele tinha feito, minha mãe passou a detesta-lo pois disse que ele havia me feito de idiota , engravidando a tal moça. Então ,nesse periodo não nos falamos durante um bom tempo, nos reencontramos uns 5 anos depois, voltamos a viver aquela paixão avaçaladora... um amor intenso... e estavamos decididos a viver todo o amor ele já estava separado , mas eu não conseguia me separar da minha vida com meu marido etc. e ele se envolveu com outra mulher, nesse periodo eu me afastei.. apesar de sofrer... Ele voltou a me procurar uns 4 anos depois, e voltamos a nos encontrar, ele estava com outra pessoa e vivendo na mesma casa... e o que ele dizia é que me queria e que não conseguia ficar sem mim.. era inexplicável etc.. Só que aconteceu que num sábado ele queria de qualquer forma que eu largasse tudo.. e ficasse com ele.. me pressionou eu não aceitei e enfim.. ele disse quen nunca mais me procuraria .. depois disso ele disse a mulher que morava com ele que EU o procurava..e a mulher me ligou e ameaçou contar para o meu marido e o resto da situação é algo que não gosto nem de citar porque me machucou demais..... resumindo , depois disso tudo ele já me procurou duas vezes , para não sucumbir a tentação eu troquei meus telefones e ele me manda recados através de conhecidos só que não sei.. o que fazer.. A RAZÃO diz que ele é mal carater ,que eu jamais devo me envolver com ele.. e o meu amor , sim porque ainda o amo.. não posso continuar negando isso.. diz para procurar .. para viver essa história até o fim porque.. quando nos falavamos .. diziamos que eramos almas gemeas.. porque não tinha como continuarmos nos amando , e eram tantas declarações.. tantas intimidades tantas afinidades.. nos entendiamos pelo olhar..pelo toque.. eu conhecia cada detalhe.. só de fechar os olhos , cada detalhe do corpo dele.. , Bom hoje moramos no mesmo bairro, nos vemos e quando isso acontece meu coração parece que vai sair pela boca.. penso nele.. diariamente.. sonho com ele praticamente quase que sempre .. e me sinto infeliz.. mas.. não sei se daria certo procura-lo novamente ... correr o risco de ser novamente enganada ..não sei o que fazer.. o ultimo recado que ele me mandou foi que era para deixar de ser cabeça dura e ligar para ele.. horrível isso.. me ajudem o que fazer? será que ele é mesmo minha alma gemea? se for, porque não conseguimos ficar juntos antes..? porque sempre existe algo para nos separar???? me deem uma luz por favor...
    anonima angustiada

  • Anônimo disse:
    agosto 22, 2010

    Gostaria que escrevesse algo sobre amor separado por religião e família...passei por isso e sofro até hoje, obrigada

  • nil disse:
    agosto 26, 2010

    ola passo semelhante situação,
    a 9 anos ja não estou com quem eu julgo amar, mas ja tentei com outos homens, inclusive com o pai do meu filho e não consigo esquece-lo. sou espirita acreditio em vidas passadas,mas ainda não decifrei a minha passagem, ou seja a minha ligação com essa pessoa.
    sofro muito com a falta dele. desejo a sua felicidade, mas mais ainda se estivesse junto de mim.

  • Este comentário foi removido pelo autor.
    estrela disse:
    setembro 03, 2010

    Este comentário foi removido pelo autor.

  • estrela disse:
    setembro 03, 2010

    S e M ,oi! gostei de saber que tem pessoas como eu que amam alguem sem ter explicação.Bom minha história é longa apesar d ter 23 anos.Um guri que morava perto da casa dos meus avos,em q eu nunca tinha notado, mas no meu batizado quando o padre colocou aguá benta na miha caeça olhei para o lado ele estava la e me apaixonei.Demos nosso primeiro beijo nessa igreja eu tinha 15 anos ele 17, mas toda minha familia era contra e eu morava em outra cidade e so nos viamos na féria, com tanta saudade e sofrimento quando fiz 18 anos eu conheci outro e comecei a namorar, mas nuca esqueci daquele guri e ficava pensando nele, e como seria quando nos reencontrassemos.Depois de quatro anos soube q ele ía se casar e não fiz nada para empedir e sofri muito.sempre pensando nele e como seria o reencontro eu sonhava que ía ser de noite o céu estrelado e que nos amariamos, então como eu sonhava muito com ele e pensava muito nele fui em uma mulher q tirava carta e ela me encorajou.Então fui para casa da minha avó, mesmo sem saber se ía ver ele, ja que ele não morava mais lá mas os parentes moravam, entao eu passei na frente da casa dele, mas não vi ele.Mas meu tio venho com o recado que ele queria falar comigo fiquem muito feliz e fui no encontro,como era interior da cidade ,no campo e o o ceu estrelado, nos amamos, não pensamos em mais nada so nos amamos.Mas como moramos em cidades muito distantes tivemos contato por telefone e msn.Ele foi morar um pouco perto da minha casa pq passou no concurso, mas so que eu tenho namorado e ele é casado. Ele é muito insegro e eu não tenho coragem de lutar por ele, alem de sermos muito diferentes eu sou impulsiva e ele reservado, nos amamos sem saber pq e não conseguimos ficar juntos.Mas não conseguimos viver sem saber como um e outro está. Ele pediu para eu acreditar e ter paciencia, não temos coragem de largar nossos relacionamentos. mas sempre sonhamos um com o outro e sabemos o que um esta sentindo.Sinto como sempre tivessemos nos amados, sinto um vazio no peito quando estou distante, doi minha cabeça as vezes quando penso nele, tenho sonhos esquecitos com ele, como se ele estivesse perto de mim e parece real sinto a energia como se fosse o rosto dele encostando no meu e é tão bom sinto um conforto no meu sonho, como o sonho fosse real e a realidade fosse inrreal isso parece maluco.Bom estou vivendo um dilema naum quero ir embora da onde moro para lutar por ele e ele esta trabalhando em outra cidade a a 3h da minha. Mas tenho mesmo assim a plena certeza q ele me completa mesmo sendo o oposto d mim, mas não me sinto preparada para tanta felicidade isso é muito maluco.O q q eu faço?!

  • Anônimo disse:
    setembro 05, 2010

    Olá!
    Fiquei feliz em saber q ha mais pessoas q passam pela mesma situaçao, ou seja, nao estou sozinha.
    Conto minha historia. Tenho 36 anos, tenho uma filha de 15 de um relacionamento de 4 anos. Tive muitos namorados, me apaixonei mts vezes. Mas sempre senti um vazio.Nunca me casei. Tenho certeza que meu amor nao está aqui.
    Às vezes sonho com ele, seu rosto, cabelo, pele, sinto-o tocando-me e a sensaçao de paz e preenchimento é enorme! Nunca me senti tao feliz como quando "estou" com ele (em sonhos), quando acordo a sensaçao q tenho é de frustraçao total...às vezes choro.
    Agora estou noiva, ha 3 anos moro com outa pessoa. Ele é bom, cuida de mim, apaixonado e tudo, mas, nao é ele. O mais complicado disso é que estou grávida, de um mes e meio. Estou feliz pelo filho, sei que é minha missao, mas ao mesmo tempo a falta q sinto do meu amor é enorme...
    Ontem sonhei c ele, eu estava num tipo de festa (e grávida), me sentia com enjoos e ele cuidava de mim, me abraçava e a paz era enorme. Eu dormia em seus braços. Daí ele me acordava, e meu noivo estava lá, dizia q tinha vindo me buscar e agradecia a ele por ter cuidado de mim... Aí eu acordei...Com a mesma sensaçao de vazio...Saudades.
    Que posso fazer? Isso é tao complicado. Ainda mais quando nao sei nem se ele está encarnado ou nao.

  • Dani disse:
    setembro 10, 2010

    Gostaria muito de fazer contato, achei muito legal o blog...

  • Anônimo disse:
    outubro 02, 2010

    como gostaria de acreditar...

    Mas é muita dor !

  • Anônimo disse:
    outubro 25, 2010

    Como entendo todos os comentários aqui, são exatamente, as sensações, os medos, as angústias que também sinto, mas o que me conforta é saber que cada um tem uma missão. A minha é fazer com que a minha alma gemea que já encontrei, mas não vivemos juntos pois sou casada e ele também, possa ser feliz com outra pessoa, sem magoá-la, sem precisar fora desta relação outrs parceiras para assegurar sua autoestima. Ele é um grande amigo e sei o q ele sente, passa, até mesmo antes dele, apenas procuro orientá-lo como posso, mas não posso eviatr q ele cometa erros, pois existe o livre arbitrio e amor de almas gemeas não aprisiona, na verdade liberta...beijos a todos!!! K

  • Anônimo disse:
    outubro 31, 2010

    Conheci a qz tres anos aquele que sinto ser minha alma gemia atravez da net, somos muito parecidos e conectados um ao outro a ponto de falarmos juntos a msm coisa ou entrarmos no msn no msm momento sei que nos amamos e estamos em sintonia a td momento porém a distância nos separa pois moramos em estados diferentes e tbm por que sou casada tenho uma filha e não consigo me separar. Alem disso tenho muito ciume dele sei que estamos distantes e que ele tem sim o direito de viver porém so de pensar em certas situações do cotidiano ja sofro muito é uma dor que não sei explicar, sinto nossas almas ligadas de alguma forma e ele tbm descreve o mesmo, ja ate tivemos sonhos de nos dois em outra vida onde tbm eramos separados pelo meu atual marido.
    obrigada pela oportunidade, so em poder postar ja me traz um grande conforto.

  • Anônimo disse:
    novembro 01, 2010

    Bom estou extremamento emocionada com estes casos, e digo o meu também é mais estranho...
    Desde o ano passado conheci uma moça ela é linda.. sempre gostei de rapazes.. Mais oq sinto por ela é maior... Sabe quando abraço ela Tudo gira como se eu saisse do meu corpo,
    uMA aLEGRIA Q domina meu coração... Só q sei agente sendo do mesmo sexo não posso viver este amor.. A nossa ligação é tremenda gostamos dá mesmas coisas só em olhar pra ela posso sentir oq ela sente...COMO SE ela precisasse de mim e mais ain da dela.. só q td os separa.. Sabe oq é sentir um aperto eu sinto quando ela esta mall ou se aconteceu algoo... Só q nesse caso estamos sendo separadas por sermos do mesmo sexo.. e ela é um pouco imatura em relaçao a isso.. não sabemos demonstrar td q sentimos uma a outra mais que sentimos isso tenho certeza pelo olharr... E por ela ter me dito algumas vezes...Bjus Obrigada pessoal

  • Anônimo disse:
    novembro 07, 2010

    Primeiramente gostaria de elogiar este blog, pois ele serviu como uma terapia pra mim. Vejo que muitas pessoas passam pelo que venho passando, prefiro ficar no anonimato, pois sou casada e tenho um filho.
    Quando eu tinha 13 anos conheci um rapaz de 16 anos, namoramos 4 meses apenas, pois minha familia resolveu mudar para o sul. Continuamos o namoro, mas um primo meu começou a me dizer q ele estava ficando com a minha melhor amiga, ai resolvi terminar o namoro por carta. E ele nunca me ligou para falar sobre a carta...fiquei arrazada e dei por terminado mesmo o namoro. 6 meses após voltei a minha cidade natal e ele me ligou, me falou sobre a carta q que queria muito me ver e que me amava, fui dura com ele e até menti falando q estava namorando outro, ele por sua vez tb havia se mudado foi para outra cidade tb e não tinha como ir me ver, mas disse que queria muito mesmo me ver. Os anos foram se passando e ele nunca saiu da minha memória, mas pensava que fosse besteira da minha cabeça, 3 anos após soube que ele sofreu um terrível acidente de carro ficou em coma e o pai dele faleceu, queria muito falar com ele mas não tive como. os anos foram passando e até tentei fingir que ele nunca existiu, mas após 10 anos o encotrei no orkut e tudo voltou e me falou q era tudo mentira da meu primo q jamais me traiu, mas ficou surpreso de eu estar casada, sempre joga indiretas que me ama ainda e pediu muito mesmo pra me ver nem q fosse 5 minutinhos, mas nunca permiti até ja cancelei ele do meu orkut umas 6 veses, mas não consigo..tento afastá-lo da minha mente do meu coração, mas é difícil.
    è estranho eu gosto muito do meu marido, mas sinto falta do meu ex, as veses penso pq nao nos encontramos antes, pois se fosse antes de ser casada e ter filhos eu irir abraça-lo beija-lo...mas agora não da mais
    tenho um filho e não o quero ver sofrer, mas sinto que um dia poderemos viver nosso grande amor, sem q ninguem sofra com isso...

  • Sem Meias Palavras disse:
    novembro 26, 2010

    Estava lendo a explicação sobre e me uma duvida e quando acontece de nao termos a pessoa fisica mas sim ainda a conhecer ela, mas o contato se mantem em voz ao telefone, ou simplesmente o fato de tu bater olhar uma foto, e ja te marcar. E desde a primeira vez escutar a voz, dias após dias a necessidade de ter ela mais perto aumentar mais ainda.
    Sim claro, tem o lado do não contato que disperta a curiosidade e a paixão, mas nao esse o ponto e sim digo que tudo que conversas faz o sentido, ou melhor sempre numa otima sintonia de pensar, sentir e falar a coisa certa. OU mais ainda sonhar sempre com ela e tambem, passagens de como ja tive isso com ela e sentir que nao é dessa vida e sim um resgate espiritual de um elo passado em outras vidas.

  • Ji Piologo disse:
    novembro 30, 2010

    Certa noite, eu tive um sonho, sonhei que estava sendo recepcionada até em um lugar , o ambiente era alegre eu estava ansiosa para este encontro.Estavam outras pessoas, que no meu sonho como sempre, eu as conhecia, mas lembro-me dos rostos.

    Mas sabe quando você lembra de uma coisa mas não consegue traduzir em palavras?
    Então é assim que sinto. Não tem como explicar

    Lembro de ter ficado muito feliz, pois eu estava prestes a reencontrar meu amor... o amor de todas as minhas vidas, a pessoa que jurei reencontrar por eras. em segundos ele apareceu...

    Corri para abraça-lo, ainda sinto o abraço forte, e a felicidade toma conta da minha alma quando penso no sonho.

    Seu rosto esta guardado em minha mente, mas não é um rosto que reconheço entre os meus.

    Mas tenho certeza de que se o encontrar minha alma, meu espírito me dirá " é ele" Lembro que conversamos por um longo tempo, assistidos claro, ele estava com duas pessoas, e eu estava com duas ou três, não me recordo muito bem. Todos eram amigos, vestiam trajes leves e claros...

    O clima era de muita ternura e amor...

    Na hora que chegamos no local marcado parecia um final de tarde com temperatura agradável, em um dia de primavera.

    Haviam muitas árvores, muitas flores, o perfume da natureza se misturava com o dele, trazendo uma agradável sensação de bem estar...

    Sinto o seu abraço apertado, seu cheiro, o calor de seu corpo, seus lábios quentes, e macios. Também lembro quando uma pessoa se aproximou e disse que já era hora de ir.
    Nos despedimos, ele me beijou e foi uma experiência na qual eu não teria palavras para descrever...

    E ele disse baixinho ao meu ouvido:

    - não desista de mim, me procure, falta pouco meu amor, a gente logo vai se reencontrar...
    Ele cantorolava uma canção...

    Aquelas palavras ficaram impressas na minha alma, fizemos uma viajem rápida de volta, como na velocidade da luz, e eu não parava de pensar no que tinha acontecido, agradecia o presente que tinha -me sido concedido, e sabendo que eu estava dormindo e que eu havia realmente sonhado, fiquei confusa... antes de chegar ao meu quarto (no sonho), e também acordei cantarolando...

    Mas eu nunca tinha ouvido esta musica toda... e só me lembrava de trechos... achava brega... mas quando vi a letra da musica eu pude entender...

    Depois descobri que era o Roberto Carlos... (não gosto de Roberto Carlos rsrs) nada contra, mas não faz meu gosto musical, a musica era...

    Amor Perfeito

  • Ji Piologo disse:
    novembro 30, 2010

    Amor Perfeito

    Fecho os olhos pra não ver passar o tempo
    Sinto falta de você...
    Anjo bom, amor perfeito no meu peito
    Sem você não sei viver
    Então vem

    Que eu conto os dias, conto as horas pra te ver
    Eu não consigo te esquecer
    Cada minuto é muito tempo sem você, sem você...
    Os segundos vão passando lentamente
    Não tem hora pra chegar
    Até quando te querendo,te amando
    Coração quer te encontrar
    Então vem...

    Que nos teus braços esse amor é uma canção
    Eu não consigo te esquecer
    Cada minuto é muito tempo sem você, sem você...

    Eu não vou saber me acostumar
    Sem suas mãos pra me acalmar
    Sem seu olhar pra me entender
    Sem seu carinho, amor, sem você
    Vem me tirar da solidão,
    Fazer feliz meu coração
    Já não importa quem errou
    O que passou, passou
    Então vem...

    Que eu conto os dias conto as horas pra te ver
    Eu não consigo te esquecer
    Cada minuto é muito tempo sem você, sem você
    Fecho os olhos pra não ver passar o tempo
    Sinto falta de você...
    Anjo bom, amor perfeito no meu peito
    Sem você não sei viver
    Então vem

    Eu não vou saber me acostumar
    Sem suas mãos pra me acalmar
    Sem seu olhar pra me entender
    Sem seu carinho, amor, sem você
    Vem me tirar da solidão,
    Fazer feliz meu coração
    Já não importa quem errou
    O que passou, passou
    Então vem...

    Que eu conto os dias, conto as horas pra te ver
    Eu não consigo te esquecer
    Cada minuto é muito tempo sem você, sem você...
    Os segundos vão passando lentamente
    Não tem hora pra chegar
    Anjo bom, amor perfeito no meu peito
    Coração quer te encontrar
    Então vem

    Que nos teus braços esse amor é uma canção
    Eu não consigo te esquecer
    Cada minuto é muito tempo sem você, sem você...

    Neste dia, eu fiquei muito feliz, sentia as energias renovadas, sentia esperança novamente... Estava radiante, e todos me perguntavam o que tinha acontecido... mas disse apenas que tive um sonho bom, que encontrei pessoas que há tempo não via...


    Agora porque esta musica rsrsrs... sabe DEUS...

  • Anônimo disse:
    dezembro 04, 2010

    H. se for preciso eu vou até o inferno para estar junto a vc meu amor, te amo, amo como amo a mim mesmo, vc me completa e tenho mais certeza q nós dois somos um só e somos alma gemeas, do que da minha vida. Que Deus cada dia mais possa nós abencoar e estar ao nosso lado.
    te amo... te amo... te amo e lembrece nem o inferno separa agente, se for para ser feliz seremos e infeliz tbm, estarei com vc. Z. Gomes

  • Anônimo disse:
    dezembro 16, 2010

    Bom, eh dificil saber qdo encontramos nossa alma gemea, pois as vezes estamos correndo a nem a percebemos, ai ela passa... com 14 anos eu conheci uma pessoa, a principio eramos colegas de escola, mas a relação foi crescendo, nos tornamos amigos... amigos msm! As pessoas chegavam a confudir as coisas, pois eramos mto proximos! com o tempo, eu acredito que ele se apaixonou, mas para preservar a amizade não me disse nada... nesta epoca eu tinha um namorado por quem eu acreditava amar, e este tinha muito ciumes desse meu amigo, a aizade ficou dividida, e eu acabei optando por ficar com o namorado que algum tempo depois se tornou meu marido... nca esquecia do meu amigo, sua imagem na minha mente smp foi constante... Meu casamento n durou mto, qdo me separei a 1 atitude foi procura-lo, pedir perdão, mas ele estava mto magoado, ainda hj eu sofro com isso, pois sinto dentro de mim que o amo muito, mas tenho que guardar esse amor dentro de mim, e recentemente, eu tatoei um desenho em homenagem ao simbolo da nossa amizade.... me arrependo por não ter solucionado isso antes, hj fiko soh no meu mundinho em que criei para viver com ele na minha imaginação, ja ficamos, fomos alem de tudo, mas ele ainda guarda mto de mim... queria poder mostrar pra ele que eu estou aki... e smp vou estar... pq o Amo mto....

  • Cris.. disse:
    dezembro 28, 2010

    sempre fui desligada e relação ao amor... nunca dei mta importancia nem demonstrava interesse... mas então conheci uma pessoa que fez minha vida mudar em 3 dias.. 3 dias que fizeram tudo o que já vivenciei até agora parecer nada... o primeiro dia parecia ser coisa de pele, esperimentar o desconhecido, ele não é da mesma cidade que eu e não ia ficar mto tempo então nada que fosse feito me ceusaria mto impacto... mas no ultimo dia os dois sentiram algo diferente, que o simples fato de estar perto já era suficiente para acalmar o coração! desde então não consigo tirar da cabeça.. já tentei me fastar, não manter contato pra não sofrer mais, mas ele não quis, pensou que não aguentaria, agora quem pensa dia e noite sou eu, 3 meses se passaram e não temos o mesmo contato de antes, cada um com sa vida, mas penso mto nele e sei que ele pensa em mim pq ainda manda recados mas prefiro não responder... dói, os suspiros são incessantes.. mas a distancia e as condiçoes de cada um impedem uma reaproximação!

  • Rosa disse:
    janeiro 31, 2011

    Encontrei esse blog por um acaso do destino ,vivo a procura d explicações q amenizem meus problemas e minhas duvidas . Tenho 35 anos , 3 filhos e há 10 anos estou separada .Na epoca do meu enlaçe (((na verdad apenas moramos juntos ))).Foi uma epoca traumatizante , nem gosto d me lembrar meu pai não aceitava que dormissemos juntos apesar d já termos filhos (( moravamos cm meus pais )). Durante 4 anos amarguei essa vida . Tivemos mais uma filho mas não estavamos bem , eu era muito insegura, ciumenta , tinha muitas crises d possessividade. Não demorou muito para q chegasse o fim do nosso casamento . Meu ex marido sempre foi muito cativante , amoroso cm as crianças .fui mãe solteira aos 17 anos e ele me assumiu hj meu filho mais velho o chama d pai , jamais vou eskecer o q ele fez por nós , meu pai me maltratava muito por isso . Sofri demais com a nossa separação , ele se casou novamente e eu tentei me apaixonar diversas vezes mas tudo foi em vão, nenhum namoro deu certo .Estou quase 10 anos só, cheguei a odiar meu ex marido... mas uma força sempre nos atraia . Hj superei; quando eramos casados , eu não trabalhava e hoje tenho profissão , me sustento . Ele se separou da segunda esposa e esta só .. passa por uma grande dificuldade financeira .Mas dentro de mim , ainda há um amor tão grande capaz de superar tudo e esquecer o passado . Tenho um sentimento de gratidão tão grande por ele ..q mesmo que eu o ajude a superar os seus problemas , ainda vou lhe ser grata para todo sempre . Procuro respostas ...o pq desse sentimento de culpa , de gratidão ??? por q ainda não consegui superar e esquece-lo ? será q ele é minha alma gemea? que ainda vou terminar minha vida com ele ?/Se voltarmos dessa vez seremos felizes ??

  • Anônimo disse:
    fevereiro 01, 2011

    Nossa, esta história me é muito familiar...tb tive um amor desses que não dão certo mas que perduram até hoje! não ficamos juntos mas sempre o destino nos põe frente à frente. Meu amor por ele não acabou, sei que ele tb gosta de mim, não tanto quanto eu mas não lhe sou indiferente. Vamos levar este amor para outra vida talvez pois nesta acho muito difícil! Somos casados com outros e nossa vida é muito diferente! Queria muito viver com ele ainda este grande amor, quem sabe?

  • Anônimo disse:
    fevereiro 12, 2011

    Conheco um homem a 25 somos amigos inseparaveis.Há um ano atrás ambos tivemos sonhos identicos que eramos muito mais que amigos,'"em outro lugar eramos pessoas diferente mais com uma forte atração um pelo outro a partir desses sonhos nasceu entre nós uma quimica que não dá pra entender.ele é 22 anos mais velho que eu.È como se já tivesems vivido isso em outras vidas." Séra possivel isso.

  • Ana disse:
    fevereiro 19, 2011

    Vivo um grande amor a mais de 4 anos. Sinto que ele também me ama! Mais algo que não entendo, acontece...e ele nunca vem pra mim definitivamente! Respiro esse amor, vivo esse amor todos os dias da minha vida! Ainda sonho, ainda tenho a esperança que vou te-lo aqui, para sempre ao meu lado. Enquanto isso...vou levando a minha vida, horas rindo, outras chorando.. chorando de saudades!

  • Anônimo disse:
    fevereiro 19, 2011

    fulana disse, ciclana disse, anônima disse... Mas Lúcia não estava. Tchau.

  • Carla Alexsandra do Carmo Ribeiro disse:
    fevereiro 24, 2011

    Carla...
    Foi reconfortante ler tantos depoimentos iguais ao meu. Fiquei com a alma mais calma e leve. Obrigada.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 28, 2011

    Olá,
    eu me identifiquei muito com esse blog, com as histórias pois também tenho um amor que acredito ser de outras vidas, tenho apenas 17 anos, mas o amor que sinto é tão grande e tão intenso que parece que ele existe há muito tempo.

    Desde criança eu conheço um rapaz que quando nós começamos a ter amizade (eu tinha 14 anos na época), eu sentia algo diferente por ele, só que quando descobri que realmente amava ele, ele estava começando um namoro, e ele também falava que me amava e tal, que agente ainda ia ser muito feliz juntos, que ia terminar com ela pra ficar comigo e tal, só que já tem três anos que ele fala isso,nós sempre conversamos por telefone e pessoalmente também pois não consigo ficar muito tempo sem pelo menos ouvir a voz dele. no começo eu ficava um pouco revoltada com ele e muito triste por isso, mas quando comecei a saber mais sobre o espiritismo, eu comecei a ver as coisas de um outro jeito sabe, eu entendo, é uma coisa que não consigo explicar, mas eu sei que agora não é a hora de ficarmos juntos mas eu sinto também que eu ainda vou estar com ele em algum lugar que só deus sabe e eu desejo do fundo do meu coração que ele seja feliz, mesmo que não seja comigo.

    Hoje ele tem um filho com essa namorada e quando eu descobri que ela tava grávida eu fiquei sem chão, porque isso acabava com as minhas esperanças de ficar com ele, mas hoje eu penso que isso tinha que acontecer.

    Apesar de amar ele com todas as minhas forças, lá no fundo da minha alma eu sei que temos que ficar separados, eu tenho essa certeza dentro de mim, é triste mas quando agente procura compreender as coisas, fica bem mais "fácil".

    Eu nunca imaginei que poderia sentir um amor tão grande por ninguém, um amor que eu realmente acredito que vem de outras vidas, já tentei esquecer mas não adianta, já pensei até em ir pra bem longe dele, eu sei que vou sofrer, mas sei também que tenho que esperar o tempo passar para podermos ficar juntos, então que seja longe dele...

    Mas o que tiver que ser será.
    Muito obrigada pelas histórias e por eu poder contar a minha para desabefar um pouco pois nunca falei sobre isso com ninguém.
    Uffa! rs

    Tchau voltarei sempre aki e espero comentários...
    Abraços

  • Anônimo disse:
    abril 18, 2011

    Di boua?
    eu nao ia comenta mas meu muito perfeito tdo q as pessoas dizem aqui i agradeço por ter feito um blog assim xD
    pq respondeu minhas duvidas do meu amor de outras vidas
    sim eu a amo dimais e minha história é dificil di si dizer pq vai completar 1 ano q nos conhecemos
    digamos assim...
    a conheci em um evento de anime..
    >_< grandi animeRS
    XD
    ela namorava =x
    e bom ^^' eu na epuca gostava di um garoto q nem si ké mi dava moral '--'
    Bom...
    com isso todo evento falava sobre o cosplay dela xD
    entao eu quando a vi achei super lindo o cosplay... e logo 1 ou 2 semanas depois daquilo
    meu grupo q por acaso no dia estavamos escolhendo o nome pra assim concretizar o grupo xD
    passou ela i a namorada :D
    entao eu a abracei muito forti
    e dei oi xD
    maas... digamos q ela n é uma pessoinha q abraça qalqer pessoa
    só tendo uma intimidadi ou um tempo di conhecimento
    akele dia seria o segundo dia di incontro dps du evento q nem si ké conversamos xD
    bom akele dia tbm n conversamos muito qem converso com ela mais foi minha mae q até anotou u email xD
    nu dia seguinti adicionei ela nu msn
    e assim q ela aceitou
    nossa nunca mais paramos di falar
    era como si ja a conhecessi di muiIIIITO tempo
    pq a conversa fluia di uma maneira q nem sei :S
    dps di um tempo eu ja n consiguia entra nu msn sem ver essa pessoinha online xD
    viramos melhores amigas em pouco tempo literalmenti
    ela mi cuido qando eu estava decepcionada com " paixoezinhas inuteis " xD
    bom ela mi iscuto muito chorando mesmo pur tc
    mas sempre esteve du meu lado
    na vdd foi a unica pessoa q confiei mesmo e dps di um tempo
    a ex dela sintia um profundo ciumes di mim
    mas extremo digamos assim xD
    i minha mae ja nao estava gostando muito pq ela era " puxa saka " da ex dela ú-u digamos q minha mae i a ex dela tinhao uma personalidadi super parecida digamos 99,9% ¬¬
    i eu i ela tbm temos a mesma coisa
    até no signo somos assim xD
    com o tempo passando
    cada dia mais eu sintia q necessitava da presença dela na minha vida e tbm e principalmenti ver ela feliz pq a ex dela a incomodava dimais -_- i isso mi irritava bastanti
    nunca liguei pru q a ex dela sintia
    só pru q ela sintia
    até pq eu preso muito a amizadi i eu acho q amigos di vdd sao akeles q agent tem qando mais precisa
    XD ela foi a unica q realmenti mi acolheu qando precisei entao decidi fazer o mesmo tendo uma linda amizadi
    logo em seguida minha mae começo a me precionar e a ex namorada dela tbm a precionava da mesma forma supoinhamos q as duas entraram sob um istress muito grandi pq as duas pensavam q tinhamos algo X_X
    mas nao tinhamos nd
    mas eramos super amigas
    muito mesmo ainda somos até hj !
    depois di um tempo
    nu ultimo evento q teve em 2010
    foi o pior evento da minha vida
    minha mae pos uma pressao tao grandi em mim dizendo q nao kiria nem q eu me aproximasse dessa pessoa...
    i bom poxa eu nunca tivi alguem como ela isso mi dexo muito mal
    passei u evento inteiro profundamenti chatiada e sim eu chorei porem disabafei com uma pessoa só e eu comecei a ficar confusa digamos q eu ja pensava nela 24 hrs
    si o msn n tinha ela on eu nem tinha o pq loga
    pensava na felicidadi dela i mais nd importava
    digamos q eu estava profundamenti apaixonada pur ela porem n sabia :S
    logo dps dessa " GRANDE PRESSAO "
    de ambas partis da ex i da minha mae
    fizeram eu pensar pq tanto disconfiamento si nunca fizems nada apenas fomos melhores amigas
    entao eu mi questionei muito i sim eu faço isso muito qando eu tenho uma pergunta nao aketo até discubri IOUAEIUEUIEUIIEO
    logo em seguida a resposta me veio a tona X_X
    eu estava loucamenti perdidamenti e intenssamenti apaixonada pela minha melhor amiga (...)

  • Anônimo disse:
    abril 18, 2011

    (...)Continuação do texto acima.


    OUWW D;?
    siim eu estava
    mas nunca imaginei uma coisa assim
    porem foi mais forti do q eu
    i bom eu ja tinha certeza
    logo dps do aniversario dela
    q tirei minha duvida...
    iria vir u meu
    i eu dissi pur msn q tinha uma coisa pra contar >_<
    entao ela ja tinha até acabado com a ex nakele ultimo evento por pressionala tanto '--'
    entao ia ter festa aki em casa no meu niver e ela viria
    eu dissi q só contaria dps do meu niver '--'
    ( pq eu n consiguiria dizer q amava ela ii n saberia como fikaria ondi infiaria minha cara dps disso ! )
    poisé X_X
    eu fuji dela praticamenti a festa inteira pq si ela olhasse nos meus olhos saberia di tudo apenas olhando pra eles entao qando ja todos bebados e exalstos da festa fomos durmir
    ficou eu ela i mais um amigo nu meu quarto pra durmir
    eu durmi nu meio \o/
    xD
    fizemos jogo da forca pq ela kiria mto saber o q era
    i eu consigui faze um nó mas ela acertou i pergunto si era o q eu tinha posto
    i love you ;x
    putz vei botei até em ingles ú-u' nao deu OIUAEUIEAUIEUIEUII
    boom...
    qando o sol invadiu meu quarto aos poucos
    e eu notei que ela estava meia acordada
    pensei muitas veses uma unica ação q na qal acabei fazendo sem notar
    fui até ela e falei nu ouvido dela
    "e se fossi a ultima frase?"
    q no caso do jogo da forca ela só acerto isso " i love you "
    entao ela olho pra mim
    AH?o.o'
    OIUEAUIEUIE
    ai eu logo pensei
    "PUTZ Q EU FIIZ !"
    logo eu falei : " Nada esquece "
    entao ela encostou sua testa na minha dando um lindo sorriso
    com a claresa da manhã q batia em seu rosto lindo
    eu olhei e pensei como é linda >_<'
    entao 1 semana depois ficamos =x
    e logo começamos a namorar
    estamos até hj juntas
    porem escondidas pq minha mae faz coisas q prefiro nao sitar aqui mas q mi magoa profundamenti e mesmo si eu falasse ela n intenderia
    pq eu a amo di verdadi
    a ponto di qando começamos a namorar eu até dissi q eu fikaria feliz em vela feliz idependenti si fossi ou n cmg isso !
    contanto q esteja feliz e perto di mim
    esta OTIMO XD completamos 3 meses di namoro e quasi 1 ano di ressem conhecidas xD
    mas é como si eu a conhecesse de muitas vidas i ela tbm acha isso
    estamos lutando contra tudo e todos pq vamos ser felizes a qalqer custo
    >_< é isso um sentimento q eu nunca senti mesmo

  • Anônimo disse:
    abril 18, 2011

    (...) Continuação do texto acima:


    O AMOR DE VIDAS PASSADAS UMA ALMA GEMEA o amor é uma coisa intenssa q vc nao ve apenas o exterior mas sim o interior e por qalqer substancia apenas ker ver akela pessoa feliz seja com qem ou como for desde q for feliz
    se preocupa com tudo em relação a ela
    morreria pur essa pessoa sim isso é um amor muito intensso ki nem palavras discreveriam o q sinto pur essa menina >_<'
    ela e mais velha q eu xD
    e eu sou um poko paranormal
    qando li depoimento dessas pessoas
    sinti um grandi aperto nu meu peito
    mas essi aperto éra a certeza da minha kestao respondida porem agora confirmada xD
    entao ai está
    acontece q almas nao tem sexo
    e di verdadi nunca tinha ficado com outras garotas
    ela mi atraiu em alma profundamenti
    >_< a amo muito e kero fazer ela a pessoa mais feliz do mundo pq ela merece isso !
    mas tanto eu qanto ela temos medo de vida q vem ( ta sei q é muito cedo pra pensar pq eu tenho 17 i ela 20 xD ) mas.. igual temos medo q na vida q vem nao nos reencontremos xD
    amor di alma gemea realmenti é akele q a pessoa a completa
    e q vc tem uma necessidadi extrema di fazela feliz mesmo q nao seja com vc
    q vc n tira 1 seg da menti
    é a pessoa q marca sua vida
    sua alma gemia
    aquela q vc ama 1 vez na vida
    e uma vez a cada reencarnação
    pq apaixonar todos si apaixonam
    mas amar..
    é uma vez apenas
    isso é certeza
    entao si tivé alguem com uma situaçãom parecida com a minha
    alma gemia pod ser tanto homen qanto mulher
    qanto os dois homens
    qanto os dois mulher
    só n va me compreender errado xD
    apenas qando acontece vc sabe q acontece nao tenha duvidas vc achou sua alma gemia e se for preciso se ambos tem o mesmo sentimento
    nao espere mais uma vida
    pra q possam fikar juntos
    se vcs se amam mesmo
    fikem juntos nao tenha medo de ficar depre de se machucar
    pq o q for pra ser será
    nunca tenha medo di se entregar
    apenas saiba escolher a pessoa q vc realmenti ama nu meio da multidao q vc pod se apaixonar
    saiba diferenciar a pessoa unica da pessoa especialzinha.
    =] espero ter ajudado alguem
    e desculpe o texto enorme xD
    bjos :*

  • Anônimo disse:
    maio 06, 2011

    Uma apaixonada

    Como é bom sentir que não somos únicas vivendo uma situação...
    Anônimo, vivo uma situação muito parecida com a sua. Vivi meu primeiro amor aos 12 anos, ele é um primo por consideração que passou férias em minha casa (uma semana) e quando foi embora, percebi que havia me apaixonado pela primeira vez... Mais ou menos um ano depois nos reencontramos e dei meu primeiro beijo com ele (vi estrelinhas durante o beijo), continuei o amando até os 15 anos, quando comecei a namorar outra pessoa, pela qual achei estar apaixonada... ficamos noivos e quando estávamos há quase 7 anos juntos, senti que não o amava mais e seria melhor terminar (nesse tempo havia retomado contato com meu amor, só por telefone, não nos vimos pessoalmente) e fiquei mantendo contato com meu amor por alguns meses (ele estava namorando outra), depois desisti porque achei que ele estava me enrolando e senti dó da namorada dele sendo enganada, não quis mais contato e paramos de nos falar novamente. Nessa época eu estava com 21 anos e decidi curtir a vida, namorei muito, saí muito e conheci muitos rapazes, alguns dos quais gostei bastante. Pouco tempo depois conheci meu atual marido e começamos namorar, fiquei completamente apaixonada e sofri muito por ele (ele me enganava muito e me traía), com aquele sentimento tão intenso em minha vida, achei que finalmente havia esquecido meu grande amor... Eu e meu atual marido fomos viver juntos e tivemos um filho (e eu continuei sofrendo com as mentiras e traições do meu marido)... No final do ano passado comecei a sentir meu sentimento por meu marido esfriar e fiquei em dúvida se ainda estava apaixonada por ele... em fevereiro deste ano retomei contato com meu grande amor pelo Orkut e MSN, trocamos telefone e passamos a nos falar periódicamente (ele casou com aquela namorada dele e tem uma filha). Nos encontramos em março e nos beijamos... só eu sei o que senti naquele momento... um sentimento inexplicável, alucinante!! Há poucos dias nos encontramos novamente e fizemos amor de fato... a relação em si eu não sei se foi tão maravilhosa assim (pelo momento de tensão que ambos estávamos vivendo) mas eu senti que o amei com toda a minha alma, era como se eu não estivesse sentindo o físico e sim o espiritual... uma experiência inesquecível... Ele diz que também me ama, porém, não consigo acreditar que ele realmente sinta isso... parece que da minha parte é infinitamente mais forte do que da dele, mas isso não me importa, quero viver todos os momentos possíveis ao lado dele, mesmo que ele esteja mentindo seu sentimento por mim... Gosto do meu marido, que agora mudou bastante, não me faz sofrer tanto quanto fazia, mas também sei que não o amo mais e que meu amor da infância, voltou com toda força... mesmo porque eu sei que esse amor nunca morreu, apenas adormeceu!!! Vou tentar prosseguir assim até quando (e se) houver a oportunidade de ficar com ele definitivamente um dia... Engraçado é que eu só sonhei com ele duas vezes em toda minha vida, na mesma época em que me apaixonei e há algumas semanas, quando sonhei que falava com ele pelo telefone... Acho que vou amá-lo por toda vida, independente de estar com ele ou não e não aceito o fato de perder contato com ele, mesmo que não possamos mais nos encontrar, quero ouvir a voz dele, saber como ele está... nos falamos todo dia pelo celular... aos finais de semana quando não dá pra falar com ele sinto um vazio, uma agonia. Sinto um pouco de raiva da mulher dele, tenho a sensação que ela tirou algo que me pertencia, mas depois paro pra pensar e me arrependo deste sentimento.
    Agradeço muito a oportunidade de desabafar nesse blog maravilhoso, porque ninguém pode saber o que estou vivendo... a não ser amigos virtuais que vivem situações parecidas e podem entender exatamente o que estou sentindo neste momento.
    Um beijo à todos e meus votos de felicidades!!!!!

  • Anônimo disse:
    agosto 15, 2011

    Gente este blog é demais!!!!
    Assim como muitas outras historias de amor, a minha é linda e sem duvida inesquecivel...Aos meus 16 anos conheci o amor da minha vida, tinhamos a mesma idade e logo esse amor se tornou intenso e muito forte para ambos os lados, acredito ter sido a melhor epoca da minha vida, mas o destino não quis assim...por algum motivo que ainda desconheço fomos separados um do outro...com apenas 3 meses de namoro e muita felicidade sofremos um acidente de carro, ele não se machucou muito graças a Deus, mas eu quase morri...depois disso nossa vida virou um inferno uma vez que meu pai não sabia que eu estava namorando e soube por causa do acidente ele pegou muita raiva do meu namorado, expulsando até a mãe dele que veio ao hospital me visitar, depois de minha alta do hospital para que meu namorado pudesse me visitar era uma guerra de familia, já que sua mãe pegou muita raiva tb de mim por causa do meu pai.
    Decorrido 1 mes de nosso acidente meu pai decidiu mudar de cidade para que eu ficasse longe dele, enquanto os preparativos de minha mudança, continuavamos namorando e chorando juntos todos os dias pela minha partida...como eu era muito nova e não tinha escolha acompanhei meus pais para outra cidade a 9 horas da onde moravamos, no dia da partida senti como se me faltasse o ar respirar se tornou a coisa mais dificil do mundo...chorei a viagem inteira e todos os outros dias que passei naquela cidade tb, chorava de manhã a noite e acredito que dormindo tb pois sonhava com ele o tempo todo, nos falavamos por telefone e ele jurou que iria me ver lá, mais eramos muito jovens e a mãe dele jamais permitiria tal feito.
    O tempo correu e eu emagreci 5 quilos em 3 meses pois só chorava, até que um dia entrei uma depressão profunda cujo qual dormi por mais de 24 horas sem acordar e somente no hospital foi que conseguiram me acordar, minha mãe que nunca aprovou as atitudes do meu pai, fez com que voltassemos para mesma cidade que moravamos, porém quando voltamos, meu pai disse que eu poderia namorar a pior pessoa da face da terra mas que não queria me ver junto do meu amor...quando voltei foi uma alegria sem tamanho, mas alguma coisa ficará quebrada já não era mais a mesma coisa, haviamos sofrido muito longe um do outro, tinhamos medo do nosso amor e de nossas familias, nunca terminamos...mas deixamos o tempo passar, algum tempo depois ele veio me procurar, eu já estava namorando o meu atual marido hoje, marcamos de nos encontrar no dia seguinte, nesta noite não dormi pela segunda vez me faltou o ar e a vontade de vê-lo era tão grande que parecia que eu ia enloquecer, quando nos vimos ele disse a mesma coisa...somos muito ligados, depois disso nos vimos mais algumas vezes e achei melhor continuar como estava afinal não tinha problema com minha familia e nem a do meu hoje marido.
    continua...

  • Anônimo disse:
    agosto 15, 2011

    ...continuação
    Anos se passaram, 4 para ser mais precisa, eu trabalhava em uma fabrica e como ironia do destino, chamamos uma empresa de computador para alguns serviços e quem veio??? ELE, quase morri quando o vi, nossa todo meu amor por ele veio atona, como estava em local de trabalho trocamos olhares o dia todo que ele esteve lá e nos falamos muito pouco, mas o suficiente para ele me dizer que estava namorando e eu te dizer que estava noiva, acredito te sido dificil para ambos, neste dia eu fui embora no meu horario de saida e ele ficou terminando seu serviço para a empresa que trabalhava...no dia seguinte quando cheguei meus amigos de trabalho que haviam ficado lá até mais tarde me disseram que ele havia contado nossa historia e todos acharam lindo pq ele ainda gostava de mim, como a empresa que ele trabalhava passou a dar assistencia para a minha nos falavamos sempre, ele vez ou outra mandava uma mensagem na minha tela do computador pois ele tinha total acesso a ele mesmo loge.
    Enfim mudei de serviço um tempo depois, me casei e ficamos sem nos falar até hoje...mas o destino sempre coloca ele na minha frente, frequentamos a mesma casa espirita hoje em dia, sei que ele se casou, espero que esteja feliz, não posso falar com ele pq as vezes ele esta com a esposa e quando não esta sou eu quem estou com meu marido e filha...acredito que ainda vamos ficar juntos pq temos uma ligação muito forte, tenho vontade de deixar recado pra ele no facebook, mas não quero complicar a vida dele e nem sei se estou pronta pra complicar a minha tb, minha filha é muito pequena e adora o pai...Do fundo do meu coração agradeço a Deus por saber que ele esta bem e poder vê-lo as vezes, mesmo que de longe, sei do fundo de minha alma que o futuro nos reserva coisas boas juntos...vou esperar, esperar e esperar e se preciso for ficarei esperando por ele por toda minha existencia aqui ou do outro lado se assim tiver que ser...por enquanto vivo minha vida da melhor forma possivel e curto muita meu maior presente de Deus minha filhinha Maravilhosa...15 anos se passaram desde que nos conhecemos, mais ainda penso nele todo dia e fantasio como seria, ou será nossa vida juntos...

  • Anônimo disse:
    outubro 01, 2011

    OLÁ queridos amigos e amigas... que bom que encontrei vocês, pois também compartilho com a mesma dor. Conheci um rapaz há 6 anos, na época estava envolvida com um amigo em comum. E em uma bela manha saimos para ver se encontrávamos alguml lugar onde vendesse mais vinho. Saimos de moto e vimos o amanhecer em uma pracinha, naquele dia com o raiar do dia, me vi completamente apaixonada por ele. Seu olhar penetrou minha alma. Vi que ele era e é meu grande amor. Namoramos por um breve periodo, uma força nos afastou. Mas sempre nos encontrávamos, os anos foram se passando, e minha vida foi preenchida pelo Amor que sentia por ele. Dois anos mais tarde, engravidei dele, porem ele nao me deu nenhum apoio, muito pelo ao contrario. E para minha tristeza com 12 semanas de gestação descobri que era na trompa, ectópica, foi uma cirurgia de urgencia, tive algumas complicações. Alguns meses mais tarde da cirurgia, conhecido o entao hoje meu esposo. E meu Amor, nem com o acontecido me procurou, apenas enviou um email dizendo sentir muito. Entao, procurei continuar minha vida... mas nunca o esqueci, casei, tive uma filha... e para minha surpresa depois de dois anos, este Amor, me procurou, pediu perdao... enfim, tudo que tentei abafar, veio a tona... Eu o amo tanto, que só de olhar, sinto e amo com a alma. E mais uma vez forças maiores nos impedem de ficarmos juntos... Hoje ele diz me amar... mas eu estou casada, com uma filha... torço por um dia poder viver este amor com ele. Pois sempre o amarei com todas as minhas forças...

  • Artemis disse:
    outubro 11, 2011

    Como é Possível
    Roberto Carlos
    Existem mesmo tantos mistérios
    Ocultos entre o céu e a Terra
    Que a gente às vezes se aprofunda tentando explicar
    Como é possível que eu tenha o poder de entender
    Tanta coisa que vem de você
    E antes que eu diga alguma coisa
    Você diz justamente
    O que eu tinha pra dizer.
    E tanto a gente se adivinha
    Que às vezes eu fico pensando
    Que a gente já se conhecia e se achou outra vez
    Como é possível saber qual o gosto, o perfume
    Dos beijos antes de beijar
    E quando eu fico triste ou precupado
    Você sente na pele
    Não adianta disfarçar.
    Seu rosto me faz sentir
    Saudades do que não sei
    Seus olhos me falam de coisas
    Que eu tenho certeza que já escutei.
    De onde eu te conhecí
    Será que eu já te amei
    Só sei que vibra nos seus braços
    Uma antiga e tão linda canção de amor.

  • Anônimo disse:
    outubro 11, 2011

    Muito bonito o que muitos escreveram aqui sobre o amor. Não vou relatar o que muitos escreveram aqui, porque o sentimento ,o amor, ela existe por toda a eternidade. Sinto dores,sentimentos dessa outra pessoa, por vezes sei até que está pensando em mim, ou está falando comigo por pensamento.Sinto e meu corpo fica energizado completamente.Podia descrever aqui tantas esperiencias que poderia ser intitulado por louco, mas, é verdade meus amigos.Neste momento essa pessoa está a 8000 km de mim, e sei que está dormindo.Como isto é possivel?
    O resto vocês imaginam e sabem como é , a distancia não significa nada para tanto sentimento que é puro, honesto , integro , e acima de tudo inigualável.
    Hoje estou tratando de tudo para ir casar com essa pessoa,perdi tudo o que tinha material,tudo mesmo,entreguei a outra pessoa que vivia anteriormente, mas sinto me bem, porque o que é a vida material comparado com o amor?

  • Anônimo disse:
    outubro 11, 2011

    Vendo esse blog vi que não sou a única a me sentir angustiada...
    Em 2006 quando voltava do horario de almoço vi um homem muito atraente em uma loja de moveis, eu passei e fiquei olhando ele deu tchauzinho, me senti fascinada, um belo dia tive a oportunidade de conversar com ele, me convidou pra almoçar com ele no dia seguinte, eu fui procurá-lo na loja mais já havia saido então esperei por ele, me pediu desculpas e combinamos de sair a noite pra nos conhecermos melhor...nesse dia ele me disse que tinha 32 anos eu tinha 20 conversamos muito depois nos beijamos senti tão envolvida que acabei me entregando pra ele....foi uma sensação que jamais senti na vida...me senti completa...fomos nos encontrando varias vezes...mas senti da parte dele que não queria compromisso sério...conheci outra pessoa e comecei a namorar...mas quando ele sentia saudade me procura e eu sempre ficava com ele...em 2007 descobri que ele namorava, um dia fomos almoçar juntos e ele conversava com uma garota no msn, depressa ele fechou a tela...ai passei a procurar ate encontrar pra saber se ele tinha orkut então vi a foto dessa garota e descobri. Sofri muito e resolvi procura-lo então falei pra ele que sabia de tudo e que tambem estava namorando e que ia ficar noiva ele olhou surpreso, mas deixei claro que sentia algo por ele...depois disso continuei com ele mas não terminei pq sabia que ele não terminaria com a namorada...

  • Anônimo disse:
    outubro 11, 2011

    mas embora ele não terminasse com ela continuei saindo com ele, as vezes sentia remorço, pois sabia que o que fazia estava errado, mas sempre ele me dobrava eu não resistia, ele falava que eu me entregava por completo coisa que a namorada nunca fez...em 2009 tive a pessima idéia de testa-lo passei com meu noivo na frente dele...desde desse dia ele mudou comigo...então resovi me afastar...mas sempre conversava com ele por msn...em 2010 disse que ia me casar ele não acreditou...fiquei a ultima vez com ele no dia da copa....depois disso não tive mais contato...em outubro desse mesmo ano ele ligou 00:00 hrs no meu celular eu havia adormecido e nem vi, porem meu marido viu a ligação...me senti tão constrangida dei uma desculpa ele acreditou em mim...depois liguei e pedi que nunca mais me procurasse pois estou casada ele disse que ia deletar meu numero...e não ligou mais...investiguei a vida dele e descobri que ele terminou com a namorada e ja esta com outra..me senti mal pq talvez ele tenha me procurado pq quisesse ficar comigo...amo tanto esse homem não paro de pensar um só segundo nele...mas tenho um bom marido e não quero faze-lo sofrer....me dói não pode resolver esse problema..e não posso me abrir com ninguem sobre esse fato, pois me julgariam e faria sofrer muitas pessoas....

  • Anônimo disse:
    outubro 11, 2011

    Desde de criança sempre tive um sentimento por um primo o qual passei grande parte da minha infância. Embora sentisse algo por ele sempre segui minha vida pois sabia que seria impossível, afinal nossa família jamais aceitaria nosso relacionamento. Em nossa adolecencia viramos grandes amigos conviviamos quase todos os dias juntos. Era tão bom olhar naqueles olhos e me ver dentro deles.... ele me entendia como ninguém, me dava conselhos mas nessa época eu comecei a namorar e como aquele amor era impossivel nos afastamos. Meu relacionamento tava muito ruim e acabamos terminando. Foi ai que nos reaproximamos e acabamos fincando, eu lembro do gosto daquele beijo até hoje! Mas ele não tinha coragem de enfrentar nossa familia pra ficarmos juntos e acabei desanimando e colocando na minha cabeça que era melhor seguir enfrente. Me afastei dele com muita dor porque sentia como se eu fosse morrer, e assim voltei com meu ex e ficamos assim por muitos anos nesse vai e volta, qdo terminava com meu namorado eu ficava com meu primo. Até o dia em que ele começou a namorar, hoje descobri que qdo ficava com ele, ele já estava namorando, me senti enganada por ele e logo por ele a pessoa que mais amei, me casei tive filhos e ele está noivo eu nunca consegui comprimentar a namorada dele pois só de velos juntos meu coração se despedaça. Nunca me imaginei casando com outra pessoa meu primo sempre foi meu sonho de marido e companheiro pra uma vida toda. Hoje nem nos falamos mais queria que ele tivesse tido a coração de me dizer algo pois esse silencio me tortura sempre, por mais que eu diga que segui enfrente, sempre me pego pensando nele e na vida qu poderiamos te vivido. Meu sonho era fazer amor com ele, fiz uma viagem e quando voltei nos encontramos, mas senti que ele tinha mais desejo que amor ai desisti. Percebi que perdi que ele não me amava mais talvez eu tenha sentido medo demais e passado isso pra ele, ele ainda tentou se reaproximar qdo minha mãe faleceu, mas a gota d agua foi ele ter aparecido lá com a namorada a tira coloco. Me senti tão humilhada no momento que mais precisei dele ele me virou as costas. Depois desse dia nunca mais falei com ele qdo ele me ligou pedi pra ele nunca mais falar comigo. Como pode uma pessoa que me conhecia muitas vezes mais que eu mesma fazer aquilo num momento tão dificil pra mim. Sonho com ele as vezes e me pego pensando nele e me sinto culpada por isso afinal meu marido é maravilhoso e eu o amo demais, acho que tudo isso acontece por dois motivos 1° ele pode ser minha alma gemea e 2° por não termos vivido esse amor, afinal quando voce não vive um grande amor ele nunca acaba, então ele fica prezo ali no coração no que poderia ter sido e não foi. Espero superar isso de verdade pois hoje percebo que nem sempre temos uma segunda chance!!!

  • Anônimo disse:
    outubro 11, 2011

    Quero aqui compartilhar minha experiência e se alguém quiser entrar em contato, segue meu msn:saldanha24@hotmail.com

    Qdo eu tinha 14 anos, ganhei o meu primeiro beijo de um primo de minha prima..história mesmo de adolescente...13 anos depois,em 2008 houve um outro intermédio e o destino acabou de nos colocar frente a frente novamente...No meio do ano me ligou ,mas devido as circunstancia não nos encontramos. 6 meses depois, ele apareceu e dizia ter vindo aqui me rever pq ficou mto curioso com os comentários que havia ouvido sobre minha pessoa. Feitos homem e mulher depois de tantas experiências na vida, sabíamos bem o que queríamos.Aconteceu um sentimento forte, nos gostamos,nos identificamos e passamos uma + ou - semana juntos...parecia q já tínhamos convivido antes..E assim foi embora para o Estado em que morava, quase 3 mil km de distancia de onde moro....Mantive um romance que alimentou minha alma por um bom tempo.Tinha certeza que era ele.Passei um ano alimentado esperanças por telefone, msn, orkut, fazendo planos e criando expectativas, superando fofocas e crendo em Deus..Novamente passamos reveillon juntos 2009/2010...no dia 06 de Jan, em uma quarta feira , ele foi embora e ali...Chorei mto qdo nos despedimos e ele partiu..chorei boa parte da madrugada, a sensação foi incontrolável. Naquele momento tive certeza que não voltaria, em breve, como tínhamos planejado. No outro dia, consegui saber onde estava..e já senti uma diferença. Dia após dia essa diferença aumentou e eu fui diminuindo junto...tentei esquecer até que não nos falamos mais...Sabia q estava ali, mas não era mais a mesma pessoa. No carnaval de 2011, do nada, ele chegou e sem avisar foi me procurar onde moro.Depois de insistentes tentativas, aceitei a oportunidade da vida de desabafar e falar tudo q senti durante 1 ano. Estava de viagem marcada e resolvi ficar.Dei-me uma nova chance. Mtas coisas aconteceram e senti que o que nos unia nos separava...Os acontecimentos me mostraram q ele é pessoa fraca em relação as provações que surgiram.Sempre direcionava- se ao outro lado do jogo...foi embora sem despedir de mim...Depois de uns dias senti um frio sentimento de "fim". Me ligou depois de uns dia e eu fui bem fria ...mas consegui desabafar em um e mail, um tempo depois. Sempre penso,sempre lembro...tenho umas fotos e tento sentir o amor q passou.....se passou ...se houve amor?! Esses dias ele colocou no msn uma msg q eu gostava de partilhar: O Destino decide quem encontramos na vida e as atitudes decide quem fica!...Não quero levar mágoas dessa vida, apenas a lembrança do amor verdadeiro em minha alma. Ainda resta um fiozinho de esperança de ser feliz no amor, pq é isso que vale a pena nessa vida!!!

  • Anônimo disse:
    outubro 11, 2011

    Sei bem o que cada um passou ou está passando, pois eu estou vivendo uma linda e complicada história de AMOR,tenho 37 anos, sou casada há 19 anos tenho 3 filhos, que são joias raras, sofri muito no meu casamento, meu marido foi promiscuo, beia me deixava só, mas sempre lutei muito pela minha familía, sempre pedi a Deus que ele mudasse e isso aconteceu só que um pouco tarde pois mesmo deixando de me trair, ele nunca foi o homem com o qual eu sonhava, e esse homem existe eu o encontrei em uma caixinha da verdade¨no ORKUT... Na verdade ele me encontrou e me mandou uma mensagem e aparti dali trocamos EMAIL, TELEFONE... e a primeira vez que o escutei sabia que era ele, hj vivemos uma linda história de AMOR a distância, nos amamos, de corpo, alma e coração, temos uma sintonia incrivel, e vcs podem até não acreditar mas nos encontramos sempre a noite,nos nossos sonhos e eles são tão reais, que só nós é que sabemos que são verdadeiros...Mas diante de tanta beleza nessa historia existem 4 vidas das quais não posso esquecer, e tenho sofrido muito por isso, tenho medo de traumatizar meus filhos com uma separação, meu marido hj faz tudo pra me fazer feliz, mas o que fazer se o sentimento hj é de carinho...Vivo pedindo a Deus um milagre para que possamos viver esse AMOR, ele diz que vai me esperar o quanto for preciso, mas isso é injusto eu não tenho direito de impedir a vida dele, mas ele diz que a vida dele sou eu, ele também é parte da minha, minha filha mais velha o odeia, sim meus filhos sabem da existência dele eu não soube disfaçar eaté meu marido sabe do meu AMOR por ele, mas mesmo assim não desisti de mim diz que vai lutar, que suporta tudo isso por que sabe que me fez sofrer muito, preciso de uma luz, de uma resposta,todos dias peço a DEUS que me mostre o que devo fazer eu o AMO com toda força do meu coração, será que preciso abrir mão desse grande AMOR??? Sei que serei a mulher mais feliz do mundo com ele, não tenho duvidas disso, mais e meus filhos e o meu marido???preciso de uma resposta...ME AJUDEM

  • Anônimo disse:
    outubro 13, 2011

    Que coisa boa ter encontrado esse blog e histórias tão semelhantes à minha.Me fez um bem incrível.Vou procurar resumir,talvez alguém se interesse em ler.Eu já sou uma mulher madura,tenho 46 anos.Me casei muito jovem,aos 16 anos e vivi 11 anos com um marido violento,usuário de drogas,e,com ele tive 4 filhos.Não aguentando tanto sofrimento resolvi me separar,até pelo bem dos meus filhos,que com certeza viveriam muito melhor longe de um pai violento.Não foi fácil,me privei de muitas coisas,por 15 anos renunciei à minha própria vida prá cuidar dos meus filhos.Em 2006,com eles já adultos foi que comecei a sair,conhecer pessoas e me relacionar com alguém.Mas era difícil,não conseguia me envolver com ninguém.Fiz vários contatos pela internet,mas ninguém me despertava um interesse maior.Até que em novembro de 2010 reencontrei aqui mesmo na net,num site de relacionamentos,o meu amor de uma vida passada.Eu senti isso desde o começo.Nossa atração foi imediata,no dia que nos "conhecemos"ficamos até madrugada conversando e todos os dias nos dias seguintes,falávamos muito por telefone,até nos conhecermos pessoalmente um mes depois e começarmos a namorar.Tudo estava perfeito,nossas familias aprovando totalmente,eu me sentindo a pessoa mais feliz deste mundo.E o fazendo tão feliz também.Era tudo muito intenso.Mas,minha felicidade durou apenas 7 meses.Um dia ele me disse que não me amava mais.Ele é meio perdido,ainda não se deu conta de seu papel neste mundo,e eu nem sei se vai aprender nesta vida.Mas eu o amo tanto e vou esperar por ele,e sei que ele virá até mim,mesmo que demore mais 200 anos.Ele foi cruel,me agrediu com palavras,só que nada fez mudar o que sinto por ele.Ainda o amo do mesmo jeito que amei quando botei meus olhos nele.

  • Andréia disse:
    outubro 14, 2011

    Olá. Primeiramente, sou do RS, tenho 20 anos...E achei o assunto super interessante..
    Gostaria de relatar também o que acontece comigo..
    Há três anos conheço um rapaz, e no entanto, ficamos uma vez somente, mas temos contato como amigos. Sempre quis namorar ele,mas ele me magoou, então, quando ele quis, eu me esquivei. Só que eu acho que tenho uma ligação muito forte com ele,como eu sou sensitiva por sonhos, aconteceu que após eu ter ficado com ele, previ a menina que ele iria namorar alguns meses depois...então aí esqueci ele, se passaram anos, mas eu sempre penso nele quando falo com ele por msn.Neste ano não aguento mais ficar longe dele não sei o por quê..há uma semana ocorreu um acidente com ele, e no dia do acidente eu sonhei com ele, eu nem sabia do acidente, no dia seguinte descobri que ele estava no hospital. E não paro de pensar nele..Nem sei o que eu faço, as vezes penso ser coisa da minha cabeça,mas sinto algo muito forte por ele há anos..Sempre quando eu esqueço ele,algo o trás na minha memória.. mas guardo isto somente para eu..
    Até mais ;*

  • Anônimo disse:
    outubro 20, 2011

    Será que alguém pode me explicar o que acontece quando ao invés de uma, várias pessoas são inesquecíveis e exercem um "poder" incrível sobre nós?
    Será que essas pessoas fizeram parte de nossa vida em outras vidas?

  • Anônimo disse:
    outubro 21, 2011

    Olá, me chamem de Marie.
    Tenho 36 anos.
    Qdo tinha 12 anos, fui a um desfile escolar e vi um garoto lindo, que me fez perder o ar por alguns segundos. Não entendendo o que se passava, fui embora. Um ano depois estava eu na escola, primeiro dia de aula da 7ª série, quando uma amiga me cutuca e pede: Olha que garoto lindo ali atrás. E eu olho e reconheço o garoto de um ano antes. Antes de pensar, falo: Vou namorá-lo. Nos tornamos amigos no colégio, mas não passou disso. Ele, muito belo, namorou todas as garotas da escola, menos eu... pois sua proximidade provocava em mim, um misto de medo, angústia e amor. Ao final do ano escolar, marcamos um encontro e começamos a namorar. Na verdade, ele nunca levou à sério o que para mim, era um objetivo de vida. Foi meu primeiro tudo. Nos relacionamos por 4 anos ininterruptamente, em meio a muitas traições por parte dele e muita renúncia e alguma resistência de mina parte, pois perto dele, não consigo ser eu mesma e mostrar-lhe o quanto eu o amo, sempre assumo posturas de resistência ou superioridade.
    Nos separamos no ano de 1991, quando conheci meu primeiro marido. Casei amando-o, magoada por nunca ter o meu amor reconhecido devidamente. Inocente, achei que um casamento apagaria tudo o que eu sentia.
    Logicamente, esta união tornou-se um fracasso e nós nos reaproximamos, sempre ao telefone. Cheguei inclusive a trair meu marido com ele. No final, o casamento que nunca teria mesmo dado certo, se desfez. Mas nós não chegamos a reatar, porque a esta altura, eu com uma filha, não me sentia no direito de impor a ela esta responsabilidade. Assim, passado algum tempo conheço o meu atual marido. De início nossa convivência foi bem complicada e quando estávamos juntos a dois anos, ele me traiu, assim, magoada, procurei abrigo nos braços de meu grande amor, que de pronto me recebeu. E tivemos neste dia uma conversa que deveríamos ter tido a mais tempo. Nesta conversa ele me falou que nunca havíamos nos acertado porque ele nuca conseguiu confiar em mim, que eu o magooei diversas vezes com minha frieza... pois ele nuca conseguia saber o que esperar de minhas atitudes pois tenho uma personalidade muito forte.
    Passados alguns dias, nos falamos e ele me diz que havia se relacionado com uma garota dias antes de nosso encontro e que agora ela estava grávida e que ele deveria assumir esta criança. Para o meu maior desespero, o vi pela primeira vez partir em definitivo, pois agora ele casaria. Chorei como nunca havia chorado em minha vida, pois em todos estes anos, esta era meu maior temor. O casamento dele fez com que não nos encontrássemos mais pessoalmente, mas nos falávamos constantemente por telefone. Quanto a mim, voltei para o meu marido, não sem contar o que aconteceu durante nossa separação. Decidi que se era para recomeçar que fosse de forma limpa.Estes últimos acontecimento foram no ano de 1998.
    Neste período, tivemos uma última conversa por telefone, onde decidimos que não mais nos falaríamos nem por este meio, para o bem de nossos casamentos.

  • Anônimo disse:
    outubro 21, 2011

    Daí em diante, nos encontrávamos somente em sonhos extremamente reais, onde vivíamos em plenitude, o que nuca fomos capazes de viver pessoalmente.Nunca, desde que o conheci, consegui passar um dia sequer sem dirigir meu pensamento a ele.
    Os anos passam e este ano (2011) sou incumbida pela empresa em que trabalho de passar uma temporada em uma cidade do interior do estado. Para minha surpresa durante a primeira noite no hotel em que estou hospedada, não consigo dormir, sentido fortemente a sua presença. Qual minha surpresa, quando escuto uma voz familiar vindo da recepção do hotel. Penso que estou ficando louca... o dia amanhece e eu sondo com a recepção a respeito do acontecido e descubro que ele passou a noite no quarto ao lado do meu e que é hábito dele, pois também trabalha nesta cidade, hospedar-se sempre no quarto em que eu havia passado a noite, pois este é o seu preferido, mas como estava ocupado, ele se hospedou ao lado.
    Passo dois meses nesta cidade evitando encontrá-lo de todas as formas, pois este encontro me assusta. Sofro todos os dias, choro ao ouvir suas voz nos corredores do hotel, evito sair quando vejo que o mesmo está pelo hotel, mas observo pela janela de meu quarto, sempre ele apanhar seu carro no estacionamento e sair para o trabalho. Ligo, pois ele não tem mais meu número e não consigo falar.
    Até que dia 18.10.11, resolvo almoçar com minha equipe de trabalho num restaurante conhecido da cidade. Em meio a uma acalorada discussão com meus colegas, perco a fala, minha pressão arterial baixa, tenho ânsia de desmaiar, meus pensamentos embaralham, quando olho para a entrada do restaurante e o vejo entrar. Não tenho como fugir e o reencontro é inevitável. Ele me olha, fica muito surpreso, mas evita falar. O clima fica tenso, ele senta em uma mesa atrás da que estou e sinto seu olhar observar todos os meus movimentos, como se tentasse reconhecê-los após tantos anos... eu não sei se fujo ou enfrento. Escolho fugir... meu dia perde o sentido e a sensação de dor é física. Volto à noite ao mesmo hotel e fujo mais uma vez de sua presença. No dia seguinte, sou despertada pelo som de sua voz nos corredores, choro como uma criança e o deixo partir mais uma vez, para ficar novamente devastada pela sua presença....


    Marie

  • meire disse:
    outubro 21, 2011

    fui casada durante quinze anos,não gostava de meu marido,ele me traiu e me separei dele,apesar de ter uma vida razoável,sempre soube que acabaria um dia!deixei ele quando engravidei do meu quarto filho,quando minha filha mais nova fez nove anos conheci um rapaz em um bate papo, começamos a conversar todos os dias,ao contar minha historia ele me falou que nunca mais ia deixar eu sofrer,e passamos a ver que tínhamos afinidades,apesar de nunca ter visto ele ou ter contato com ele fisicamente ,eu amo muito ele,ele diz que me ama também,ele as vezes some e quando menos espero aparece e começa tudo de novo,apesar da distancia de milhas e milhas e oceano que nos separa,quando aparece dizendo que esta doente e eu não me preocupo com ele,que não liguei para saber como estava de saúde,eu amo ele cada vez mais,eu choro,eu sinto um aperto no coração,a saudade doí muito,passo dias com vontade de chorar,mais sei que tem algo que nos separa,posso ter mil homens querendo me namorar,mais sinto que minha alma esta pressa a ele,quanto mais o tempo passa mais o amor cresce,mais ele parece que foge de mim,mesmo sabendo que pertencemos um ao outro,eu não tenho coragem de entregar meu coração a outro,sempre que sou abordada por um homem querendo me namorar,eu fico triste e não consigo esconder que é dele que gosto,ele tem meu coração e minha alma, as vezes me pergunto como pode duas pessoas que nunca se viram ou se tocaram se gostar tanto,por mais distante que esteja,minha alma gêmea nasceu em outro pais,culturas diferentes ,idiomas diferentes,sei que é um amor imortal,que se perpetuara por varias vidas encarnadas ,eu daria meu coração se ele precisa-se,minha vida é dele,só quem achou sua alma gêmea sabe como é lindo esse sentimento,é o amor que não machuca,tão sublime e maravilhoso,não pede nada em troca,sem enterres e sem cobrança,é diferente ,meu único amor verdadeiro para sempre eternamente,minha alma gêmea,as vezes me sinto castigada!fomos separados a distancia muito grande para nunca se encontrar e sofrer,meu coração chora em silêncio ,meus olhos é triste buscando no horizonte por ele,que nunca vem.

  • elaine disse:
    outubro 22, 2011

    meire
    posso garantir que tenho esses mesmos sentimentos pelo meu amor,também daria meu coração se ele precisasse,também não consigo dizer sim a nenhum outro homem,pois me sinto muito ligada a ele

  • Your.Mouth disse:
    novembro 04, 2011

    Vivo a 23 anos com meu esposo, tenho 3 filhos, eu sempre acreditei ser apaixonada pelo meu esposo,nunca o trai, ele já me traiu e teve uma filha fora do casamento, eu fiquei com problema de depressão e síndrome do Panico, já faz uns 13 anos que faço tratamento, já estou muito melhor, graças a DEUS,eu sempre falei para meu esposo, que eu tinha um vazio no meu peito, e eu não sabia de onde vinha, sentia uma falta de não sei de que, mas eu sempre achei que isso vinha da depressão, a internet me ajudou muito pois conheci muitas pessoas fiz muita amizade, gosto de ler e também gosto de jogar na internet,sempre recebi cantadas mas nunca aceitei, sempre que alguém insistia eu já o excluía da minha rede de amigos virtuais, nunca gostei de sexo virtual, nunca trai meu esposo,mas a algum tempo apareceu um rapaz na minha cidade (Cityville)Jogo,ele sempre me ajudava nas tarefas da cidade eu o ajudava na cidade dele, mas era estranho ele não tinha nenhuma foto no perfil dele,mas parecia que já nos conhecia,ficamos bastante tempo falando do jogo,mas era estranho sempre que ele vinha visitar meu jogo eu sinto um arrepio, e depois ele me pediu meu msn, eu adoro conversar com ele, ele e casado a 16 anos e tem 34 anos, eu sou casada a23 anos e tenho 41 anos, depois que nos falamos pelo msn começamos a conversar pela WEBCAM, quando nos vimos pela câmera foi muito estranho, nossos olhos se encheram de lagrima, parecia que tínhamos nos encontrado, o rosto dele não me e estranho o sorriso dele então, eu conheço de algum lugar, sentimos um arrepio e temos uma sintonia, quando um pensa o outro ja falou, não sabemos o que esta acontecendo com a gente, nosso corpos parece que tem um ima, alguma coisa nos atrai um sentimento que nos tira o folego, a pele arrepia e sentimos que precisamos um do outro, temos vontade de nos encontrar e esta cada vez mais incontrolável, mas não sabemos como,ele mora no Guarujá-SP e eu no ABC- SP, temos medo disso tudo, alguém poderia me explicar de onde vem tudo isso??
    meu email e: your.mouth@hotmail.com

  • Anônimo disse:
    novembro 16, 2011

    Adorei...

  • Paula disse:
    novembro 17, 2011

    É extremamente confortante saber que existem histórias de encontros e desencontros como a minha.
    Por várias vezes cheguei a questionar minha sanidade mental. Afinal, será normal amar a alguém tanto assim?
    Não existe explicação lógica, existe apenas sentimento e a certeza de que é um sentimento recíproco.
    A pergunta que atinge o limite entre a razão e a loucura é: Se a recíproca é verdadeira porque esta pessoa não quer viver este sentimento ao meu lado? Estaremos vivendo um resgate de vidas passadas, onde existe amor, mas não a união? Estaremos passando por provações? Ou simplesmente nos encontramos nesta vida para aprender algo um com o outro e nos auxiliarmos no processo evolutivo?
    A pessoa que amo nega sentir o mesmo, mas eu sei,sinto... Sinto amor na voz, nas palavras... até mesmo quando nega tal sentimento consigo sentir que me ama tanto quanto eu o amo.
    Certeza deste sentimento creio que terei em breve... Voltarei aqui para contar toda a história bem como o desfecho.
    Desejem sorte e peçam a Deus por todas as pessoas que tem sentimentos como os nossos.
    Bem poderia escrever páginas sobre o que sinto... mas acho que devo apenas dizer que encontrei este site quando estava em busca de respostas... É como se Deus falasse através destes depoimentos que não estou ficando louca, que existem sim sentimentos como o meu... Vamos ter fé... e ciência que esta vida não é o fim... Sendo amor... a eternidade é o limite para o reencontro.

  • Anônimo disse:
    novembro 21, 2011

    EU CONHECI UMA MENINA (MENINA LINDA)ERA COMO EU A CHAMAVA, EU TINHA TRANCADO O CURSO DE MEDICINA E QUANDO RETORNEI CAI EM SUA TURMA. A PRIMEIRA VEZ QUE A VI, ACHEI UMA PESSOA FASCINANTE, MAS ERA APENAS UMA GAROTA BONITA DA SALA, OS DIAS SE PASSARAM FOMOS NOS APROXIMANDO E FALÁVAMOS DE NOSSOS PROBLEMAS, EU DE UMA RELAÇÃO QUE ESTAVA CHEGANDO AO FIM, ELA DE SEU NAMORADO, QUE ERA GROSSO COM ELA. E AQUILO ALI FOI VIRANDO UMA ALGO MUITO AGRADÁVEL E TODOS OS DIAS EU SENTAVA DE SEU LADO, JÁ ERA MECÂNICO EU ENTRAVA NA TURMA E JÁ IA PRA SEU LADO E SEMPRE DESABAFANDO UM PRA O OUTRO NOSSOS PROBLEMAS, DA MINHA PARTE AQUELA AMIZADE SE TRANSFORMOU EM ALGO INEXPLICÁVEL EU PASSEI A VÊ-LA COMO A COISA MAIS FANTÁSTICA DA MINHA VIDA, CEGUEI PRA QUALQUER OUTRA MULHER, A COISA QUE EU MAIS QUERIA ERA QUE O DIA PASSASSE RÁPIDO PRA NOVAMENTE ESTA COM ELA NA TURMA. MAS AMIZADE ERA GRANDE E TINHA DE CHEGAR PRA ELE E CONTAR E ELA SE AFASTAR DE MIM, ESSE MEDO ME ATERRORIZAVA, MEU DEUS COMO ME ATERRORIZAVA, ELA CORRESPONDIA COM CADA OLHAR, GESTO O CARINHO QUE TINHA POR MIM. COMO EU NÃO TIVE CORAGEM DE DIZER QUE ELE ERA TUDO PRA MIM, EU CRIEI UM EMAIL PARA ELOGIA-LA DA COMO EU QUERIA DIZER A ELA, TODOS OS DIAS TINHA ELOGIOS, POESIAS E NESTE EMAIL EU CONTAVA TUDO E ELA SABIA QUE ERA EU, QUANDO EU ENTRAVA NA TURMA ELA ME OLHAVA COM BRILHO NO OLHAR COMO SE DISSESSE OBRIGADO PELO QUE VOCÊ ESCREVEU, MAS O TEMOR DE CONTAR TUDO ISSO ERA HORRÍVEL PREFERIA TALVEZ NUNCA SIM, MAS OUVIR UM NÃO SERIA COMO UMA SENTENÇA DE MORTE PRA MIM..
    EU PASSAVA 24 HORAS PENSANDO NELA. MESMO SENDO MARAVILHOSO TUDO AQUILO QUE SENTIA POR ELA, COMEÇOU A VIRAR UM TORMENTO EM MINHA VIDA, O MEDO DE UM NÃO, FEZ COM QUE EU NÃO FOSSE ATRAS DE UM SIM. EU MESMO RESOLVI ME AFASTAR, NÃO TINHA DIFICULDADE DE ME APROXIMAR DE QUALQUER OUTRA MULHER. ENTÃO JÁ SEPARADO COMECEI A NAMORAR UMA OUTRA PESSOA NA TENTATIVA DE ESQUECÊ-LA, ENGRAVIDEI MINHA NAMORADA, CASEI TIVEMOS UMA BELA FILHA. OS ANOS SE PASSARAM E EU SEMPRE COM AQUELA LINDA MENINA NA MINHA CABEÇA, EU BELO EU ESTAVA PASSEANDO QUANDO EU A VI. MEU DEUS TODO AQUELE SENTIMENTO VOLTOU E BEM MAIS FORTE, PENSO NELA TODOS OS DIAS DE MINHA VIDA E O PIOR DE TUDO HOJE ELA É CASADA E EU TAMBÉM. MAS NÃO TIRO ELA UM SEGUNDO DE MINHA MENTE, SINTO COMO SE A CONHECESSE A VÁRIAS VIDAS TENHO QUASE CERTEZA DISSO, PORQUE NÃO É NORMAL ISSO QUE SINTO POR ELA, ELA ACALMA MINHA ALMA, ELA FAZ MEUS DIAS SEREM MARAVILHOSOS QUANDO A VEJO, EU SONHO COM ELA, ADORO TUDO NELA CADA FIO DE CABELO...NÃO SEI O QUE FAZER..

  • Anônimo disse:
    novembro 21, 2011

    Anônimo disse...
    EU CONHECI UMA MENINA (MENINA LINDA)ERA COMO EU A CHAMAVA, EU TINHA TRANCADO O CURSO DE MEDICINA E QUANDO RETORNEI CAI EM SUA TURMA. A PRIMEIRA VEZ QUE A VI, ACHEI UMA PESSOA FASCINANTE, MAS ERA APENAS UMA GAROTA BONITA DA SALA, OS DIAS SE PASSARAM FOMOS NOS APROXIMANDO E FALÁVAMOS DE NOSSOS PROBLEMAS, EU DE UMA RELAÇÃO QUE ESTAVA CHEGANDO AO FIM, ELA DE SEU NAMORADO, QUE ERA GROSSO COM ELA. E AQUILO ALI FOI VIRANDO UMA ALGO MUITO AGRADÁVEL E TODOS OS DIAS EU SENTAVA DE SEU LADO, JÁ ERA MECÂNICO EU ENTRAVA NA TURMA E JÁ IA PRA SEU LADO E SEMPRE DESABAFANDO UM PRA O OUTRO NOSSOS PROBLEMAS, DA MINHA PARTE AQUELA AMIZADE SE TRANSFORMOU EM ALGO INEXPLICÁVEL EU PASSEI A VÊ-LA COMO A COISA MAIS FANTÁSTICA DA MINHA VIDA, CEGUEI PRA QUALQUER OUTRA MULHER, A COISA QUE EU MAIS QUERIA ERA QUE O DIA PASSASSE RÁPIDO PRA NOVAMENTE ESTA COM ELA NA TURMA. MAS AMIZADE ERA GRANDE E EU TINHA DE CHEGAR PRA ELA E CONTAR E ELA SE AFASTAR DE MIM, ESSE MEDO ME ATERRORIZAVA, MEU DEUS COMO ME ATERRORIZAVA, ELA CORRESPONDIA COM CADA OLHAR, GESTO O CARINHO QUE TINHA POR MIM. COMO EU NÃO TIVE CORAGEM DE DIZER QUE ELE ERA TUDO PRA MIM, EU CRIEI UM EMAIL PARA ELOGIA-LA DA COMO EU QUERIA DIZER A ELA, TODOS OS DIAS TINHA ELOGIOS, POESIAS E NESTE EMAIL EU CONTAVA TUDO E ELA SABIA QUE ERA EU, QUANDO EU ENTRAVA NA TURMA ELA ME OLHAVA COM BRILHO NO OLHAR COMO SE DISSESSE OBRIGADO PELO QUE VOCÊ ESCREVEU, MAS O TEMOR DE CONTAR TUDO ISSO ERA HORRÍVEL PREFERIA TALVEZ NUNCA SIM, MAS OUVIR UM NÃO SERIA COMO UMA SENTENÇA DE MORTE PRA MIM..
    EU PASSAVA 24 HORAS PENSANDO NELA. MESMO SENDO MARAVILHOSO TUDO AQUILO QUE SENTIA POR ELA, COMEÇOU A VIRAR UM TORMENTO EM MINHA VIDA, O MEDO DE UM NÃO, FEZ COM QUE EU NÃO FOSSE ATRAS DE UM SIM. EU MESMO RESOLVI ME AFASTAR, NÃO TINHA DIFICULDADE DE ME APROXIMAR DE QUALQUER OUTRA MULHER. ENTÃO JÁ SEPARADO COMECEI A NAMORAR UMA OUTRA PESSOA NA TENTATIVA DE ESQUECÊ-LA, ENGRAVIDEI MINHA NAMORADA, CASEI TIVEMOS UMA BELA FILHA. OS ANOS SE PASSARAM E EU SEMPRE COM AQUELA LINDA MENINA NA MINHA CABEÇA, EU BELO EU ESTAVA PASSEANDO QUANDO EU A VI. MEU DEUS TODO AQUELE SENTIMENTO VOLTOU E BEM MAIS FORTE, PENSO NELA TODOS OS DIAS DE MINHA VIDA E O PIOR DE TUDO HOJE ELA É CASADA E EU TAMBÉM. MAS NÃO TIRO ELA UM SEGUNDO DE MINHA MENTE, SINTO COMO SE A CONHECESSE A VÁRIAS VIDAS TENHO QUASE CERTEZA DISSO, PORQUE NÃO É NORMAL ISSO QUE SINTO POR ELA, ELA ACALMA MINHA ALMA, ELA FAZ MEUS DIAS SEREM MARAVILHOSOS QUANDO A VEJO, EU SONHO COM ELA, ADORO TUDO NELA CADA FIO DE CABELO...NÃO SEI O QUE FAZER..

  • Este comentário foi removido por um administrador do blog.
    Anônimo disse:
    novembro 25, 2011

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

  • Anônimo disse:
    novembro 27, 2011

    Nem sempre encontramos nossa alma gêmea.Isso não quer dizer que ela não exista mas sim ,q não houve oportunidade para isso acontecer.Acredito q o universo cruza um momento para q esse encontro aconteça mas pessoas,atitudes,situações,muitas coisas podem impedir ou retardar esse encontro.Algumas pessoas embora saibam q sua alma gêmea exista não a encontra.
    A minha já se foi mas espero encontrá-lo um dia em algum lugar muito especial !

  • Anônimo disse:
    dezembro 02, 2011

    Obrigada, você me ajudou a diminuir a angústia no meu coração. Tive um amor há alguns anos e nos amávamos tanto... tanto... Mas acabou e nunca mais amei ninguém daquele jeito, nunca mais tive aquelas sensações de bem estar, de realização, de tanto carinho. Era tão perfeito, não discordávamos em quase nada, e quando isso acontecia, não havia estresse, não conseguíamos brigar. Eu andei nas nuvens! Mas ele foi embora para uma cidade distante e aos poucos a distância o afastou de mim.
    Hoje sou casada e tenho um filho, tento desviar meu pensamento, mas há dias em que a lembrança vem muito forte, há dias em que tenho sonhos muito fortes e reais de que nos encontramos. Acordo com a impressão muito forte e até me sinto mais leve e tranquila. Sou espírita há muitos anos e agora estou buscando uma resposta para a minha perturbação.
    V.A.

  • Anônimo disse:
    dezembro 02, 2011

    Eliza
    Fazem 14 anos que estou só, meu marido morreu muito novo, e naquela ocasião parecia que meu coração ficou vazio, mas um vazio tão grande, junto com uma dor imensa. Essa dor, mudou meu jeito de ser, sentir e viver, nunca mais tive ninguém, não consigo ter sentimentos por nimguem. As vezes sinto-me uma máquina de trabalhar, com honorários agendados, enfim só com obrigações.
    A algum tempo atrás conheci de uma maneira bem diferente um rapaz, mais novo que eu, mas quando o vi parecia que o conhecia há muito tempo. Não sei como é sua voz, mas só de ve-lo senti como se voltasse em algum lugar do tempo, mas apesar de ter essa sensação sinto que é uma situação de conflito, parece um resgate de algum tempo em nossas vidas,não sei explicar. Parei de me comunicar com ele, pois tenho medo, talvez esteja sendo covarde e medrosa,mas não consigo tirar ele de minha cabeça, muito estranho. Penso que por estar muito tempo só, esteja carente, e prefiro assim, pois sei o sofrimento de perder um amor.

  • Anônimo disse:
    dezembro 06, 2011

    Existem coisas que as palavras não descrevem, encontrei alguem que me parecia apenas mais alguem, que tinha e tem um vida longe da minha, ja estivemos perto, longe, mas eu sempre sentia que ele ia estar la. Quantas vezes nos perdemos, nos achamos, e sempre as palavras somem, quando apenas basta nos olharmos, nos tocarmos, em anos foram tao poucos os momentos, mas que deram cor a minha vida. Demorei mas decidi buscar a liberdade para estar ao seu lado, so que sempre que tentei alguma coisa aconteceu para nos afastar, nao sei se e prova, sempre juntos e sempre longe, sei que minha esperança tem morrido dia a dia... Nao sei da onde tirar forças pra ir adiante, to muito cansada. As vezes tento pensar que vai passar, que o tempo cura, mas basta eu ficar quieta, sozinha, pra encarar essa dor que me corroi. Sempre me pergunto, porque?? Porque um sentimento tao bonito, causar tanta dor? Porque amar alguem que não podemos ter ao lado? Porque...Desejo a todos nos dias mais felizes...

  • Anônimo disse:
    dezembro 06, 2011

    Me casei com 15 anos tive três filhos foi um casamento conturbado mas que durou 24 anos.De um tempo pra ca tenho tido sonhos que parrece ate real, e lembraças da epoca que que tinha 14 anos quando conheci um uma pessoa que era oito anos mais velho, e começamos a namora, mas nunca rolou nada mais do que beijos.Como Era natal e a cidade estava cheia e eu não queria trai ele eu terminei.pois poderia ficar com outra pessoa e tomei essa atituade pois ele era o meu segundo namoradinho, quando disse a ele que estava terminando ele não queria disse que gostava de mim então pediu o ultimo beijo e achou que mudadria de ideia mas estava determinada, terminei chegou ano novo encontrei com ele ele estava bebado querendo ficar comigo eu disse não me lembro ate quando sua irmã e seu amigo vei pedi pra volta pra ele. eu disse que não dava, pois eu queria da uns beijinho em um outro colega dele.Isso se passou 24 anos pois me casei e tive 3 tr~es filho e agora estou me divorciando. teve uma festa do municipio na gual nos vimos e ficamos paralizado,um olhando para o outro, pois parecia que o tempo não passou e ´nos olhamos com se fosse a primeira vez e ficou muita coisa mal resolvida entre nós .
    Nós não conversamos apesar de ficar proximo dele e qdo ele me ve na rua não me cumprimenta, mas meolha como se quisessec dizer muita coisa . Ele e casado e não tem filhos hoje tenho 37 e ele 45, tenho tido sonhos com ele sempre e maravilhosos como se fosse real,por considencia um dia acordei e ressolvi procura ele pela internete encontrei mandei para todos os site um convite para ser meu amigo virtual ele não aceitou ainda, todo dia o me lembro dele quando acordo e emtro para ver se tenho alguma resposta e nada, morro a 4km da casa dele e não o vejo fico pensando o porque tenho tido este sonhos pensando nele lembrando da adolencia que tive com elle e não com meu ex marido que convivi24 anos, estou ressentememte separada .Apesarde tamto tempo me lembro mas dele e nada do 1°namorado que dizem que fica maracado,lembro beijos de tudo so não tivemos relações mais íntimas pelo fato de se virgem.
    Sinto com se em outra vida nós já tivessémos nos entregado totalmente .
    Não queria sentir isso por ele , mas que sentimento durará p sempre .
    Apesar desse sentimento não tenho coragem de dizer tudo isso para ele, assim que reencontrarmos sinto que esta perto mas falta alguma coisa so uma amiga minha sabe dele pois ela viu na festa e eu tirou uma foto dele pois uma amiga dele pediu para ele tirar uma foto minhaa com outro amigo dele porem importante na cidade dela na maquina dele, isso tudo sem almenos dizer oi um para outro .Penso muito nele , mas não queria pensar.Se alguem pode me ajudar,o que vcs acham isso vai passar ou sera, ainda temos algo nesta vida para continuar, ou so vai ficar na lembrança.

  • Anônimo disse:
    dezembro 09, 2011

    CARAMBA ... GOSTEI DEMAIS DESSE BLOG... ACREDITO EM TUDO QUE SE RELACIONE A VIDAS PASSADAS ... GOSTARIA MUITO DE SABER SOBRE A MINHA VIDA.... O QUE AS PESSOAS QUE CONVIVO HOJE ... SIGNIFICARAM PARA MIM EM OUTRA VIDA....

  • Anônimo disse:
    dezembro 12, 2011

    Anonimo
    O que a gente faz quando não dá pra esquecer, quando não passa um dia sequer da sua vida que você não sinta o coração dilacerado.
    E pior quando o homem que você ama não merece o seu amor, ele não merece nem sequer a sua amizade.
    Sou casada meu marido é um amor comigo, mais tenho uma historia muito triste. Conheci um rapaz quando era muito nova e isso mudpu minha vida. Ele era o ar que eu respirava, era toda a minha vida, era o sonho mais lindo que eu tive.
    Mas ele me trocou por outra moça, sem sequer ter coragem de realmente sentar e terminar comigo decentemente.
    Hoje ele tem dois filhos, e eu penso que ele é feliz, e espero de coração que seja.
    Mas eu, eu não sou, não existe um dia sequer que o nome dele não me venha a cabeça, e eu o amo com a mesma intensidade do primeiro dia que o vi.
    Eu deixaria tudo tudo para tras, por um só dia ao lado dele, por uma unica palavra.
    Mas eu jamais admitiria isso, me faço de forte, me faço ... mas minha vida não tem brilho e eu morro todo dia um pouquinho...
    E não é por falta de pedia a DEus que me ajude, que me apoie e me faça esquecer.
    Se eu pudesse voltar no tempo eu escolheria não conhece-lo, eu nem deveria estar onde estava quando o conheci, e eu não deveria am-a-lo como amei...
    E doi doi todos os dias...

  • Marcela Brandao disse:
    dezembro 20, 2011

    ...Eu como todos aqui, nao sou diferente..sinto as mesmas angustias desses amores inexplicaveis...tb vivi uma amor com um rapaz que terminou a quase 5 anos...eu sempre disse que ele era a pessoa certa no momento errado.Me apaixonei por ele desde a 1 vez que o vi e fiz de tudo pra ficarmos juntos, ficamos, namoramos e apesar da pouca diferença de idade , ele era muito mais maduro do que eu.Errei muito com a minha imaturidade e só percebi isso quando ja era tarde demais. nunca me recuperei desse amor, cheguei até abandonar faculdade, tudo o que fazie e fui embora pra outro país.Pensando que isso me faria esquece-lo.Sempre quiz ter noticias dele, de vez em quando alguem o via e me dizia alguma coisa.Esse ano vim passar ferias na minha cidade e descobri que ele tem um perfil em uma dessas redes sociais.Vi que esta casado e aparentemente feliz.Fico satisfeita por isso, mas eu nao consigo esquece-lo.As vezes sonho com ele e parece tao real, que me da raiva quando acordo e vejo que era só um sonho.Gostaria que ele perdoasse as minhas infantilidades.E que hoje largaria tudo pra ficar com ele.Eu tenho certeza que isso ainda vai acontecer, mas infelizmente nao mais nessa vida.To lendo exatamente um livro que fala desses amores de outras vidas (O Amanha de Zibia Gasparetto)e uma frase que me chamou realmente a atençao é : O tempo certo é aquele em que as coisas acontecem e o amanha a Deus pertence.....Vou seguindo minha sem ele longe dos olhos, mas perto do meu coraçao.

  • Anônimo disse:
    dezembro 20, 2011

    Olá, encontrei esse site por acaso, senti vontade de escrever aqui o absurdo q está acontecendo na minha vida em segredo e q está m matando aos poucos. E gostaria, ou melhor preciso saber a opinião de alguem. Pq as vezes penso q já estou louca. =(
    Bomm sou uma mulher de 44 anos, casada a 18 anos.
    Desde q m conheço por gente eu sempre senti um vazio tremendo dentro d mim, m sentia uma intrusa dentro da minha propria casa, m sentia como um peixe fora d'água.
    Fui crescendo com esse vazia, com uma sensação de saudade imensa dentro de mim e não sabia do que. Fiquei adolecesnte e namorava muito. era como se eu procurasse alguem q não existia. Pq nunca ninguem conseguia conquistar meu coração de verdade. Era aqla coisa de paixão passageira, logo eu enjoava, ou m tornava tão insuportavel q separam de mim.
    Até q vim do interior para São Paulo, trabalhar e morrar na minha tia, sei lá... depois q vim pra cá já não conseguia mais voltar para minha cidade. Num momento muito critico da minha vida, em q eu tinha q tomar uma atitude na minha vida, e arrumar alguem para casar, pois não qria mais ficar morando na casa dos outros e nem morar sozinha. Conheci meu marido, gostei do jeito dele, ele gostava muito de mim. Com um tempo de namoro ficamos noivos e depois nos casamos. Mas o vazio continuava... sempre continuava. As vezes m pegava olhando a esmo em rostos qdo saia, qdo dava por mim m perguntava, Porque ???
    Nem eu msma sabia.
    Tive meus filhos de uma casamento meio q estranho, q meu marido dormia e dorme na sala e uma ou duas vezes no ano s deitava na cama. E nisso eu engravidava. Era algo sem sentido confesso.
    Por causa desse jeito estranho do meu marido, entrei em uma depressão muito forte, em q mal levantava da cama, eu q era totalmente cuidadosa com td dentro da minha casa e nos cuidados com meus filhos. Deixei td a Deus dará.
    Foi ai q a loucura começou. Meu filho jogava um jogo online, então começou a m ensinar a jogar.
    E eu gostei daquilo, ali eu conversava com pessoas, eu era eu msm, como sou no meu interior e q não deixava transparecer na vida real.
    Criei uma personagem, um nome para a personagem. Como se tratava de jogo e jovens. E eu qria conversar, interagir no jogo sem discrinação, dei uma idade a minha personagem. Foi como s eu tivesse voltado a adolecencia.
    E foi ai q conheci uma pessoa q m chamou atenção pela rebeldia, revolta q mostrava no jogo. Eu sempre tentava ajudar as pessoas com boas palavras no jogo.
    Puxei assunto com esse personagem, no primeiro momento q falei com ele, sem ver fotos ou ouvir sua voz, algo dentro de mim ficou bagunçado. Não sabia o q era aquilo, mas senti um imenso desejo de tentar ajudar, ser uma amiga virtual.
    Com o tempo vi q se tratava de um jovem q cujo o pai tinha s suicidado e ele tinha se tornado desde de novo um drogado.

  • Anônimo disse:
    dezembro 20, 2011

    Esse jovem era sei lá... diferente. Ficamos amigos e ele desabafava comigo, começou a lutar para parar com as drogas. E desde de o inicio q nos conhecemos ele dizia q m não sabia o q estava acontecendo, mas não conseguia ficar sem falar comigo um dia, e era exatamente o q acontecia comigo.
    Sem perceber fiquei livre da depressão, ele parou de usar droga. Falavamos pelo celular, ele louco de amor e eu mais ainda.
    Tenho vergonha disso, muita vergonha msm.
    E é isso q está acontecendo... cada vez q tento m afastar ele fica deprimido, diz q sou a vida dele, e q somente agora com 23 anos de idade ele encontrou a pessoa q ele sempre procurou, e eu qdo estou falando com ele é como s minha procura de uma vida toda tivesse terminado.
    Só q agora isso está virando angustia, á dois anos dou desculpas para não nós conhecermos, ele cada vez mais ansioso e cheio de esperança.
    Eu tentando tirar as esperanças dele e tentando fazer com q ele arrume uma namorada e vá viver a vida dele. Mas ele diz q não qr ninguem. Diz q m ama como nunca amou ninguem.
    Meu amor por ele é muito... muito msm. Um amor q deu daria a minha vida pela dele sem pensar 1 vez.
    Estou sofrendo muito, pq qro m afastar. Não qro prejudicar a unica pessoa nesse mundo q realmente m faz encontrar sentido para continuar vivendo e tbm não posso continuar com isso, pq qro q ele seja feliz. E agora q ele está livre das drogas e todos os traumas q ele tinha da morte do pai, sinto q é o momento de m afastar de vez. Pq jamais falaria para ele quem realmente sou.
    Só q só em pensar q nunca mais vou falar com ele, ouvir sua voz... já m sinto morta por dentro.
    Sei q é um absurdo isso, meu senso critico diz q é até msm uma pouca vergonha.
    Mas eu juro diante de Deus, isso não foi premeditado. Foi algo q msm tentando explicar aqui não tem explicação.
    Pq qdo ele não está bem eu sinto e qdo não estou bem ele sente. Ele diz: Sonhei com vc hj e parecia real e por incrivel q pareça eu tbm sonho e parece real. Porem nos sonhos, lugares feios e cheio de gente estranha. Mas sempre juntos nos sonhos. E digo mais eu já sonhava com ele antes de o conhecer, e sempre seu rosto parecia nos meus sonhos meio embaçado e nomes diferentes.
    Sei q parece loucura mas isso é real.
    Por favor m diz q vc acha disso. M diga ao menos q preciso procurar um medico q isso é realmente loucura da minha cabeça.
    Desde de já agradeço a oportunidade de desabafar aqui.

    LHS

  • Anônimo disse:
    dezembro 24, 2011

    Boa tarde, Amigos
    Lendo alguns dos comentarios aqui postados, nao poderia deixar de escrever, nao um comentario mas um testemunho vivo de que Almas Gemes se encontram e vivem um Amor de outras vidas.

    Desde criança, sempre apreciei historias de amor, certa vez assisti um filme na tv, que tinha o seguinte titulo: Dança dos Flamingos.
    Era a historia de dois seres que se encontraram e passaram a viver o amor, mas no decorrer da historia ele fica sabendo que ela era portadora de uma doença e que seus dias terminariam em breve, o que ocorreu,
    Voltando para minha vida, aconteceu quase que isso, conheci uma pessoa maravilhosa atrave de site de relacionamento, que a primeira vista, tanto a ela quanto a mim, pareceu que ja nos conheciamos a decadas, mas ficamos so na amizade e trocando mensagens de carinho como bons amigos,mas no entanto ela teve alguns contratempos e perdemos contato por un 2 meses, ela tinha passado por uma cirurgia quando a conheci e depois disso ficamos esse tempo sem falar, mas para mim foi uma perca rpofunda, pois pensei que nunca mais iria falar com ela, como se tivesse partido deste mundo, fiquei mal uns 10 dias, chorava todas as noites lamentando e criticando a Deus por isso.
    Mas um dia recebi um e-mail desta pessoa, achei ate que fosse brincadeira, mas sorri aliviado por nao ter perdido ela, depois de alguns dias começamos novamente a nos comunicar,apartir disso, nossas conversas tomaram outro rumo, e passamos a nos declarar, sentimos vibraçoes, falta um do outro, falavamos ao tel todos os dias, por horas, fizemos declaraçoes de carinho e assumimos que o que realmente sentiamos era, Amor, mas nao este amor convencional que uni pessoas, mas o verdadeiro e puro amor que une almas, nos dois descobrimos que somos Alma gemeas, vivemos em outras vidas, mas depois de tudo isso, assumimos que iriamos viver o restos de nossas vidas juntos, que eu seria a vida dela e ela seria minha vida, ela era livre de compromissos e eu compromissado e com filhos, difil decisao, escolher entre os filhos ou sua Alma gemea.

  • Anônimo disse:
    dezembro 24, 2011

    Continuando, a dificil decisao entre escolher filhos e ficar com a Alma gemea, pesa demais, estou agora snetindo a dor da falta, da ausencia, minha amada partiu deste mundo sem ao menos ve la e senti-la, acaba uma historia de encontros de almas gemeas.
    Entre encontros e despedidas, ficou meu amor a minha eterna amada.

    kilaskera@hotmail.com

    Poeta e so
    Recanto das letras

  • Anônimo disse:
    dezembro 27, 2011

    Amigos,

    Li algumas estórias... repararam como são todas parecidas?? Tem sempre um "engraçado como...", "eu acabei me casando...", "eu era casada...", meus amores, todas nós temos amor platônico na adolescência, aquele homem que deixa a gente sem ar só de olhar pra ele.
    A grande maioria das estórias aqui contadas são de mulheres, pq somos mais romanticas, pq nos iludimos no impossível!!! Mas em nenhuma estória eu li algo realmente justo pra uma separação, para não estarem juntos. É tudo uma grande ilusão e estão confundindo amor platonico, idealizado, com alma gêmea. E muitas tem casamentos diferente daquilo que julgavam como ideal, pq mulher acha que é princesa e que casou com um principe. Mas ao invés disso tem um homem do lado cheinho de defeitos e reclamações, então a mulher busca na memória a situação que considerava perfeita na adolescência. Esses homens correspondem seus chamados, pq vcs são fáceis pra eles, casada carente, não pq te ama, se amasse mesmo NADA no mundo separaria os pombinhos!!! É tudo ilusão, e não amor de alma.
    O companheiro de outras vidas, se nessa vida estiver destinado a seguir ao nosso lado, em tese deverá ajudar-nos na nossa evolução e na própria e não ser um objeto de desejo e sofrimento à distancia!!
    O real é o que vcs tem em casa, aquele cara que te pediu em casamento, que tem filhos com vc. O resto não passa de uma novela mexicana...
    Desculpem meninas, mas uma dose de realidade às vezes ajuda muito mais que alguém que alimente sua ilusão.
    Sofrer parece algo encravado na alma feminina, impressionante!!!
    Boa sorte e deixem a ilusão pelo real, vale muito mais à pena, e liberem esses rapazes por quem nutrem tanta paixão, mesmo porque segundo uma médium que conheço é possível obsediar estando vivo tb, ou seja muitas vezes vcs pensam tanto no cara que acaba mesmo fazendo com que eles pensem em vcs, mas isso não é amor de outra vida e sim, encosto!!
    Paz a todos,

  • Anônimo disse:
    dezembro 28, 2011

    Olá,

    Fiquei muito feliz em encontrar esse blog, onde eu possa desabafar sobre as minhas dores. Pude ver que são muitas as pessoas que vivem dramas semelhantes.

    Conheci o meu marido quando tinha apenas 15 anos, e ele, 22. Fiquei logo apaixonada. Namoramos durante 10 anos. Nesse meio tempo, quando eu estava na faculdade, conheci um rapaz. Foi incrível como tudo aconteceu.

    Eu o vi de relance, passando perto de mim. Mesmo sem olhar diretamente para ele, senti uma enorme atração e necessidade de olhar para ele. Quando ergui os olhos, assim que o vi, senti uma paixão ardente tomar conta de mim. Ele olhou de volta e, me assustei por ele ter percebido.

    Depois disso, ficamos o curso todo trocando olhares. Pegávamos ônibus juntos, mas não tínhamos coragem de conversar. Apenas nos olhávamos, olhos nos olhos, com um grande carinho, com uma intimidade incomum. Eu usava aliança, e ele pediu para um amigo me perguntar se eu era casada ou noiva. Depois, ele pediu para uma moça me perguntar se eu já tinha pensado em terminar o meu namoro. Como a moça não era de confiança, eu menti dizendo que não. Na verdade, eu senti, bem forte, como se o meu mentor espiritual estivesse me dizendo: Não diga nada à ela. E eu imediatamente obedeci, respondendo que nunca havia pensado nisso.

    Os anos se passaram, sem que nossa história evoluísse. Apenas nos olhávamos, ficávamos perto um do outro, mas não tínhamos coragem de conversar. A paixão era grande demais. Eu quase não aguentava. Morria de vergonha dele, não tinha coragem de lhe falar a verdade, por mais que tivesse vontade. E também tinha muito medo de me aproximar dele e não resistir à tentação. Eu não queria ser infiel, ou pelo menos mais infiel do que já estava sendo em pensamento.

    Infelizmente, depois disso, um amigo dele visitou o meu Orkut para me xingar muito. Chorei, sofri demais e quis esquecê-lo de uma vez por todas. Cheguei à conclusão de que ele não merecia o meu amor.

    Casei com aquele que, na época, era meu noivo. Eu o amo sinceramente, e tenho certeza de que ele foi a pessoa que mais me amou nessa vida. Mas mesmo pensando que aquela paixão havia acabado, há um tempo atrás me lembrei dele. E só a lembrança súbita dele já fez aflorar novamente TODA aquela antiga paixão. Eu senti algo tão intenso como quando eu o via na faculdade. Era como se ele estivesse comigo, ou pensando em mim, sentindo minha falta. Foi isso o que senti.

    Fazem 6 anos que não nos vemos. Como posso sentir tanta paixão sem nem ao menos vê-lo há tanto tempo? E como posso amar meu marido e, mesmo assim, não conseguir parar de sentir falta daquele homem?

    O procurei no Orkut durante muito tempo, e o encontrei esses dias, em uma comunidade. Vi uma única foto em seu perfil. Senti tanta saudade. Fico me perguntando o que teria acontecido se tivéssemos ficado juntos.

    E agora estou sofrendo demais, me perguntando se nunca vou esquecê-lo. Sempre achei que o meu marido é minha alma-gêmea, ou alma afim, como se não pudesse haver outra pessoa. Mas esse homem é o único que não me sai da cabeça, e eu fico me perguntando o porquê.

    Será que algum espírito obsessor está tentando prejudicar o meu casamento? Será que eu estou ficando maluca? Será que eu nunca vou esquecer aquele homem? Será que um dia irei revê-lo?

    Sinto uma necessidade enorme de falar com ele e contar toda a verdade, de pedir perdão por fazê-lo pensar tão mal de mim. Queria poder olhar pra ele uma última vez, ouvir sua voz, olhar em seus olhos. Mas talvez seja perigoso demais. Eu não sei se não faria uma loucura...

  • Anônimo disse:
    dezembro 30, 2011

    ola amei esse blog de coração, vivo uma sentimento semelhante as demais aqui! bom sou casada a 4 anos, e no começo achava que ele era o grande amor da minha vida, um homem do jeito q sempre sonhei, porem a cerca de 1 ano e meio me apaixonei desesperadamente pelo medico da minha mãe, ja escrevi alguns emails pra ele, mais no começo sem dizer o que eu sentia, sempre com a intensão de ter pelo menos a amizade dele,pois pra mim bastava saber dele, e ele nunca me repondia, fiz um facebook pra add ele, e ele nunca aceitava meu convite, um dia então cansada de tantas incertezas, resolvi me expor, madei um email pra ele dizendo tudo o q eu estava sentindo por ele, e mais uma vez ele não me respondeu, porem com minhas insistencias ele mandou um email pra minha mãe apenas dizendo que era pra ela me orientar para que eu não escrevesse nenhum email pra ele, pois ele não queria e nem nunca quis nenhum tipo de relacionamento comigo! essa frase pra mim não fazia sentido, sinto que é mentira, sinto dentro de mim, que ele me ama, acho as vezes q ele foje d mim poque ele como eu tambem é casado, mais dentro do meu ser, algo grita que esse amor é correspondido, chego a sentir a presença dele, fecho os olhos e consigo ve-lo perfeitamente, ja tive a impressão até q ele estav sintonizado ao meu pensamento, ele se mudou de cidade, se eu o vi 3 vezes foram muitas, mais até hoje o amo com todas as forças do meu coração, mais como eu amo um homem q nem conheço, apenas de alma, minha alma sente que o conheço de outras vidas, sinto um amor, mais diferente de tudo, é um amor sem apego, pra mim basta saber q ele ésta bem, não sinto ciumes dele, apenas o amo de uma forma muito intrigante, é algo q a logica não explica, desde que me apaixonei por ele, não passo um dia sequer q eu não lembre dele, deixei de sentir qualquer sentimento pelo meu marido, me sinto muito culpada por isso, poque sem querer estou acabando com um casamento q tinha tudo pra ser feliz, se não fosse ter conhecido esse homem pelo qual me apaixonei acho q seria feliz, hoje sinto um grande vazio na alma, um tristeza q não se explica, espero ainda viver esse amor, o amo mais q tudo nessa vida, e um dia vou reencontra-lo denovo nem q seja em outro plano assim espero!

  • Este comentário foi removido por um administrador do blog.
    jane erika gomes disse:
    janeiro 12, 2012

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

  • Anônimo disse:
    janeiro 14, 2012

    pelo amor de DEUS se voces mulheres tiverem um pouquinho de sentimento por esses rapazes que voces tanto falam liberaria eles nao criem dependência emocional laços afetivos com esses coitados que nem sabem e nem podem se defender !! pra todos!!! isso nao e amor e abcessao , amor liberta e faz feliz entenda !! isso nao e amor de almas !!! voces podem ainda e prejudicar muito essas pessoas de forma inconsciente no campo espiritual ,alem de prejudicar muito voces que poderiam esta aproveitando a sua encarnação mas ficam preso no passado na lamentação ilusão e não progridem !! !!!

  • Anônimo disse:
    janeiro 15, 2012

    as mulheres que são do contra ,são porque não sabem o que é ter uma alma gêmea,nunca sentiram o que é amor ,encosto o que é isso mesmo ? homens que falam assim também são mal amados,não podem expressar opinião se não sabe o que é amor de alma gêmea,esse sentimento quem tem não sabe explicar,e quem não tem fica com inveja, porque esse sentimento não é todas as pessoas que são privilégiadas, portanto esse negocio chamado encosto não existe,a médium falou também que ter inveja da felicidade alheia é feio,porque muitas mulheres vivem com o real por falta de opção,porque se estive-se opção para escolher entre o real e o imaginário, não resta dúvidas que sairiam correndo atrás do imaginário para torna lo real e ser feliz para sempre.bjss

  • Anônimo disse:
    janeiro 15, 2012

    Minha estória é diferente das demais, às vezes fico achando que sou louca, me sinto mal, e até com vergonha, apesar de só eu e ele saber.

    Há uns 4 anos atrás, qdo eu publiquei um texto no meu orkut (era orkut na época ainda)e esta pessoa acabou me encontrando por acaso e gostou muito do meu texto.

    ele quis ser meu amigo, ele era (é) um homem muito bonito, charmoso, de posses, poderoso até eu diria, nem entendi como um homem daqueles poderia querer algo e o quê comigo.

    Conversamos um pouco e percebi que ele se interessou muito por mim, ele disse que era casado e ia viajar pro exterior, mas que qdo voltasse queria novamente falar comigo

    Nem estava me lembrando dele qdo depois de 1 mês ele voltou e insistindo muito pra falar comigo, qdo a gente conversava era muito louco pq eu sentia coisas diferentes, parecia que eu lia a alma dele, eu falava o que ele precisava ouvir, mas muitas vezes ele não gostava, já que eram coisas que iam contra o orgulho dele.

    Então ele cortou relações comigo, mas continuamos "amigos"(rede social).
    Passaram-se +ou- 1 ano eu engravidei do meu marido, meu marido é 1 pessoa ótima, de caráter, coisa que sempre primei, é bonito tb, mas já casei sem amor, aliás não amo ninguém até hj, não queria mais ter filhos, fiquei desesperada, pensei em aborto, não sabia o que fazer, qdo me lembrei dele, ele era (é) representante de uma religião aqui no Brasil, eu precisava da opinião de alguém de fora, sensato, neutro, então resolvi mandar um email pra ele

    ele me tratou muito bem, me amparou, me mandou uma oração, mas não conversávamos intimidades, sempre via ele como um irmão, até disse isso a ele uma vez, uma pessoa com a qual sempre idealizei, mas não o via como um amor ou algo sexual, ele é 10 anos mais velho que eu e depois fiquei sabendo que ele não era casado coisa nenhuma, disse aquilo pensando que eu pudesse me envolver com ele, nunca o vi como um amante.

    Uma vez sonhei com eleem outra vida, ele tinha um filhoe este filho morreu, ele ficou arrasado, contei o sonho a ele, pois ele tinha ficado muito interessado em saber sobre o sonho, neste sonho ele tinha uma esposa, ele, parece que queria que eu dissesse de qquer jeito que a esposa do sonho era eu, mas eu tenho absoluta certeza que não era, eu não tinha nada haver com o sonho, até disse isso a ele.

    durante a evolução da minha gravidez paramos de nos falar, mas eu sempre acompanhava o que ele estava fazendo, nem sei pq. O bebê nasceu e ele nunca voltou a falar comigo, nem ao menos pra saber o nome do bebê

    Um dia qdo o bebê estava com 4 meses acordei pensando muito nele, eu nem lembrava mais dele no dia-a-dia, resolvi ligar a tv e ele estava dando uma entrevista, não acreditei naquilo, foi muito estranho.

    então resolvi eu mesma mandar outro email pra ele contando sobre o bebê, ele respondeu, querendo ver as fotos dele
    Então voltamos a nos falar, novamente comecei a dizer as coisas que parece que ele temia ouvir, coisas que nem eu mesma sabia se eram reais, mas eu sentia e tinha que falar

    Ele sempre foi uma pessoa de grandes ideais, respeito pelo próximo, unidade na diversidade, um homem de bem, mas qdo eu falava com ele sentia muito orgulho, deslumbre, vaidade, ilusão, qdo eu dizia isto a ele, obviamente ele não gostava.
    Novamente ele cortou relações comigo

    Passaram-se 2 anos, de vez em qdo eu procurava por notícias dele.
    Eu tenho um blog, onde posto meus pensamentos e ele tem um twitter, sempre ia lápra saber dele, certo dia percebi que ele fez um comentário a respeito do meu blog, sinceramente, eu sinto que este homem é caidinho pelo meu jeito, mas não admite nem pra ele...

  • Anônimo disse:
    janeiro 15, 2012

    continuando...Bom, já que ele tb estava fazendo a mesma coisa que eu: procurando pelos meus passos na internet, então novamente resolvi adicioná-lo no facebook, isto tem + ou - 1 ano, mas ele estava cada vez mais frio comigo e reservado, ficamos uns 6 meses assim, só nos observando secretamente, aquilo me incomodava,até que 1 dia ele colocou 1 comentário que fez eu ter a certeza de todas aquelas coisas que eu sentia a respeito dele, a sua arrogância, egoísmo e preconceito, então fiz um comentário secreto, só eu e ele poderíamos ler, e ele é claro leu na hora e me excluiu e mandou uma mensagem, na qual eu só fui ler 1 mês depois, não tinha visto
    Aí respondi, pedindo desculpas pelas minhas palavras, mas dizendo que o que ele pensava do mundo e a maneira como vivia eram uma contradição, ele me respondeu dizendo que eu precisava me tratar.

    Cortamos relações definitivamente,eu tb tinha resolvido que era tudo besteira, que ele era egocêntrico demais, cético e hipócrita demais para admitir qquer coisa, então fui viver a minha vida.
    Depois de uma semana tive um sonho com ele muito real, já nem estava mais pensando nele, sonhei que estavamos nus, fazendo sexo, ele sentado e eu em cima dele, tivemos 1 orgasmo total, acordei muito perturbada com o sonho, nunca tinha sentido desejo sexual por ele, enfim deixei passar.
    Agora depois de 4 meses passados deste sonho, não estava mais me lembrando nem do sonho, tinha me esquecido dele novamente, mas comecei a sentir a presença dele, muito forte, parece que ele está me vendo, pensando em mim, sei lá não sei explicar.
    Nunca o amei, nem o amo, nunca tinha sentido desejo sexual por ele até aquele sonho, mas agora venho sentindo a presença dele, sinto que ele pensa em mim tb.

    Sei que ele não é minha alma gêmea, aliás nem sei se acredito nisso, não sou mais uma mulher de ilusões, já tive muitos homens, e sei que nós dois jamais daríamos certo, total incompatibilidade de gênios, ele tem muitas mulheres, de todos os tipos, aliás ele tem a mulher que ele quiser.

    só nao sei e não entendo pq volta e meia penso neste homem e tenho uma certeza genuína que ele tb pensa muito em mim, ele me chama com o pensamento. É isso.

  • perfume hurmor disse:
    janeiro 17, 2012

    Eu conheci o meu amor quando eu tinha 16anos, mas nei tudo foi do jeito que eu imaginava,eu era aluna da escola q ele trabalhava lembro que sempre ficava olhando ele conversar com as meninas,eu sentia uma coisa dentro de mim q não conseguia explicar era tão forte.
    Um dia teve uma festinha na escola do dia da pascoa ai pecebir q ele nao tirava o olho de mim,nossa aquilo era tudo de bom quando tomei coragem e cheguei perto dele.Ele me pediu o meu telefone ai eu dei,depois de algumas horas ele me ligou,foi maravilhoso me chamou pra sair so q eu nao podia sair com ele;ao passar o final de semana na capital ele me mandou uma mensagem me pedindo um beijo ai eu aceitei.Não pensei duas vezes,quando chegou de viagem me ligou de novo me perdindo pra ir ate a casa dele chegando la me recebeu com um lindo sorriso fomos pro quarto dele,conversamos bastante,depois de um tempo ele me beijou foi a melhor sensação que ja sentir a mão passeando pelo meu corpo,tocando os meu seios foi lindo.tirou de vagar minhas roupas e fizemos amor pela primeira vez foi magico depois disso ficavamos quase todos os dias depois da aula.faz seis anos que não o vejo mas sinto muito sua falta,que pena q nada foi do jeito que sonhei.Ele esta casado e eu tbm fizemos as escolhas erradas e agora estamos pagandos por elas,nos amamos ate hoje do mesmo jeito que era antes,faz uns dois dias que conhecei a falar com ele de novo durante anos que não o via.ele que me encontrar de novo pra nos conversar,sobre tudo que passamos mas eu tenho muito medo de nao resistir e me entregar novamente.Espero um dia viver esse amor de uma forma melhor ja se passaram tanto tempo e não consigo esquece-lo de jeito nei um

  • Iana Karen de Souza disse:
    janeiro 18, 2012

    Neste momento vc está confusa, desorientada, precisa de ajuda, nao adianta buscar ajuda em depoimentos. vc deve buscar ajuda em caras de oraçao..

  • Anônimo disse:
    janeiro 19, 2012

    OLA!A TODOS...
    Amei essas hitorias nao me sintomas tão culpada por gosta tanto de outra pessoa...
    Eu tenho um desencontro que penso que é meu amor.o conhecie aos 14 e ele ja tinha 22 ficamos juntos uns 2 ou 3ano e acabou ele queria estudar ser alguem e um dia ele foi embora.aos 19 me casei.eu sou casda a 12 anos e meu marido é um doce.um bom homem que merece meu respeito e carinho.ia tudo bem mas no final deste ano por um acaso eu o encontrei em uma dessas reides sociais,quando eu o vie fiquei meia que perdida em um minuto eu me lembrei dele como se fosse ontem,meu Deus como pode ate do cheiro dele eu lembrei.eu fiquei pensando nele uns 2 meses e um dia mandei uma mensagem de texto e achei que ele nunca fosse rsponder,mas ele respondeu e ficamos dias afio conversando,era maravilhoso lembramos de tudo, certo dia combinamos de nos encontrar em uma praça eu nao devia ter ido,foi magico as coisa que ele falava parecia ontem e ja tinha 15 anos que eu nao o via mas hoje ele ta casado tem uma familia e eu tambem to casada com minha familia...
    Mas foi lindo encontrar com ele ouvir ele dizer que nunca me esqueceu que de alguma forma nós ainda amamos um ao outro.foi isso eu simplismente vou ter que viver com isso pra sempre.

  • Anônimo disse:
    janeiro 23, 2012

    muito bom esse seu Blog.
    estou num dilema, fui casa por duas vezes e me separei faz um ano do segundo casamento.
    Ha tenho 47 anos, a 5 meses conheci uma pessoa, foi aquilo inexplicavel, senti algo muito estranho como se fossemos um so, me apaixonei por ela e ela por mim, mas a diferença de idade e enorme sao 30 anos. por razoes adversas estamos separados. queria saber se tem algum amigo que possa me esclarecer esse sentimento, pois ja tem 2 meses que nhao falamos pessoalmente, mas nos falamos por telefone quase todo dia, horas a fio convesando. se alguem puder me ajudar agradeço

  • Anônimo disse:
    janeiro 31, 2012

    Bom, no meu caso aconteceu assim, eu estava indo morar no Canadá, coheci uma guria muito legal, ficamos juntos por menos de um mês, então chegou o dia de minha partida, lembro como se fosse hoje o nosso último abraço...Oito anos passaram e eu nunca a esqueci, e sei que ela também não . . . nesse meio tempo retornei a porto alegre, em 2009 casei, logo no início do meu casamento ela me procurou, mas como eu estava casado não achei correto ir ao seu encontro, mesmo que algo me forçava a pensar ao contrário . . . o tempo passou e acabei me separando, novamente retomamos o contato, porém, hoje ela é casada e tem uma linda filha . . . Então, existe algo a mais que nos une, ? acredito que sim, pois não é aquela vontade carnal pois sequer transamos naquela época..... Alguém pode escrever algo para que eu possa começar a entender isso tudo ?

  • Anônimo disse:
    fevereiro 03, 2012

    Bom eu sou Franciele, tenho 21 anos e sou homossexual, as pessoas comentam que entre duas mulheres não existem amor, a minha história foi a seguinte, conheci uma menina em 2009 quando meu pai veio a falecer, ficamos conversando por telefone durante 7 meses, até quando resolvir ir atrás dela, quando a vi pela primeira vez senti algo muito diferente dentro de mim, ficamos uma semana juntas,eu morava em Goiania e ela em Ulianópolis no Pará, foi tão bom a semana que passamos juntas que não conseguimos ficar uma longe da outra, resolvemos então morar juntas, no inicio tudo foi tão bom e maravilhoso, ficamos juntas por dois anos, estavamos brigando demais, quando foi um dia por uma briga dessas ela ligou para a tia dela comprar uma passagem p ela ir embora sem pensar em mim, choramos muitos em nossa separação e ela dizendo q havia arrependido de ter feito aquilo, mas que não poderia voltar atrás pois perderia a confiaça da familia, depois disso planejamos muito sobre o fariamos dali em diante, pensamos então em dar um maldito tempo para pensarmos melhor, conversa-mos todo dia por horarios diferenciados, eu esperando que um dia novamente ficariamos juntas novamente porém foi bem diferente dos meus planos, ela conheceu uma outra pessoa e postou fotos no orkut dela e tudo, me vi desesperada naquele momento não fiz besteira por causa da minha familia que amo demais, o que mais doi em mim é pq não aprendi o mais importante de um relacionamento que é o respeito. Hoje está fazendo 25 dias que estamos separadas e não consigo esquece-la sequer um minuto, eu amei e a amo com todas as forças, então no meu desespero encontrei esse site e gostaria que alguém a ajudasse e aconselhasse no que deveria fazer, sei que aqui irei encotrar pessoa que vão debochar e outras que realmente tem coração até pq nos sofrimentos somos todos iguais, obrigada pela força desde já.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 04, 2012

    Sim filha eu tbm passo por isso como você! Não és a unica, Acredite um dia tudo se esclarecerá, o amor vem de Deus e Ele não o colocaria em nosso coração pra que sofrecemos apenas!!Tudo tem uma razão de ser!!Sua amiga que te deseja muita força!!

  • Anônimo disse:
    fevereiro 04, 2012

    Amo muito e doi pois não podemos dar vazão a esse amor que é tão forte que tomou conta do meu ser!!Somos casados! ele mesmo não sendo feliz no casamento não se separa pois acha que é o carma dele nesta vida, que sua missão é de ajudar a esposa a se controlar!!Que tem que cumprir esta missão até o fim pra ficar livre pra nos amarmos numa próima vida!!Eu não sei o que faço pois gosto do meu marido mas como viver com uma pessoa pensando dia e noite em outra??Eu e Meu Amor nos comunicamos por pensamentos e falamos tbm como se estivessemos na vida passada é parece louco mas nos lembramos e eramos escravos nos amavamos e fomos felizes demais até um dia em que um de nos foi vendido pra outro senhorio e nunca mais nos enccontramos naquela vida!Mas pelo menos tivemos momentos felizes juntos naquela existencia !!Parece LOUCURA eu sei mas quando nos comunicamos as vezes falamos por pensamento mas como dois escravos numlingujar que até então eu desconhecia! Sentimos muitas sensações, até sexuais, só que seo é apenas consequencia de um lindo AMOR!!ALGUEM pode me ajudar me esclarecendo estas coisas que acontecem comigo?? Obrigada, companheiros pela FORÇA!!!

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    Gera inveja mesmo!

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    Um amor de verdade nunca morre. Pode mudar a forma de atuar: namoro, casamento, amizade, e até mesmo algo distante. Não se pode apagar da mente algo assim, e isso não é por não querer e por não poder, salta ao seu poder, entende? Sofrido é, mas é real. O que pode uma pessoa nessa situação fazer e tentar viver o melhor possível e esperar... o tempo não é o melhor dos remédios?

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    Muitos também encontram sua alma gêmea mas não ficam juntos, pois somos seres distintos, com caminhos distintos, e coisas para fazer das quais muitas terão de ser feitas sozinho. Infelizmente a vida é curta, e muitas vezes não dá tempo. Muitas vezes acaba de forma ruim, fruto de coisas profundas, quase desconhecidas, e mata chances de vivenciar esse amor.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    O amor deixa esse vazio, não tem como fugir.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    De arrepiar os pelos da nuca e saber que muitas vezes não é a primeira vez que isso acontece: achar a pessoa amada e não ficar com ela.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    Muitas vezes os sonhos são revelações. Isso ocorre em várias vertentes religiosas. Não disse qual a sua, pois se tivesse dito, poderia citar alguns exemplos. Mas tudo bem, o que eu vejo é que esse homem apresenta um papel na sua vida, bom ou ruim, de aprendizado com certeza. Estava destinado a surgir em sua vida, para despertar algo em você, um amor, uma lição, uma fé.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    O aprendizado é algo que temos de ter. Um aprende, o outro aprende. Muitas vezes um está pronto, o outro não. Muitas vezes estamos aqui para ajudar, dar um norte, não para viver esse amor.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 08, 2012

    Sei muito bem o que você está sentindo. Conheci um homem a 11 anos atrás, estivemos " juntos" por quase 03 anos e depois disso nos encontramos várias vezes. O tempo e a vida acabou nos afastando, mas mesmo sem nenhum contato por um ou dois anos, como já aconteceu, eu sonho com ele... e é sempre o mesmo sonho... Nos encontramos em algum lugar, nos abraçamos demoradamente, pergunto a ele se está tudo bem e nos despedimos... Creio que esta ligação não é desta vida, e sinto algo realmente muito estranho... E sei que passarão anos e anos, e estes sonhos ainda irão se repetir... Só sei dizer que isso mexe muito comigo e com meus sentimentos, mas também me deixa muito feliz....

  • Este comentário foi removido por um administrador do blog.
    Anônimo disse:
    fevereiro 10, 2012

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 12, 2012

    oi meu nome é kelly hj estou bem + já tive em situação degradente isso aconteceu após a minha separação amei e o amo de + meu ex-marido foi uma história linda q infelismente hj ñ existe + pra ele porque em mim vivo esse amor tds os dias em minhas lembranças e olhem q já tentei esquece-lo tentei recomeçar tive outros relacionamentos + meu sentimento cm relação a ele ñ se modificou e já ta para 4 anos q nos separamos a dor da separação se reflete em minha alma que chora e sangra sem para bjos e obrigada por essa oportunidade de pode espressa minha dor!!!!!!!!!!!

  • Anônimo disse:
    fevereiro 12, 2012

    oi amigo vc ta com problema sério ela é demenor e isso é pedofelia e vc sabe isso da cadeia ñ sei oque te dize unica coisa posso te dize é que pense bem??????

  • Anônimo disse:
    fevereiro 15, 2012

    Adorei todas as historias, é bom ver que não é só eu que sofro por um amor que não consigo ter.
    Há 2 anos atras fui estudar em um colegio em outra cidade tive que me mudar pra la, eu tinha um namorado hoje meu marrido, neste colegio morrei numa pensao, la vi um lindo rapaz, e a primeira imagem q me veio na cabeça foi vi ele num colegial daqueles antigos, tentei o evitar pois sabia de eu tinha um compromiço com meu namorado mas de nada adiantou ele mesmo sabendo q eu tinha um namorado,ele insistiu foi algo muito forte lutei com todas as minhas forças mas foi mais forte q eu,nao aguentei e ficamos algumas vezes, foi o bastante para me apaixonar, terminamos algumas vezes mas nao adiantava nao conseguiamos ficar longe um do outro, tentei terminar com meu namorado mas ele nao quis terminar, eu nao sabia mais o que fazer, entao eu e ele (o rapaz)nos afastamos. Depois de um tempo resolvi noivar assim achei que poderia esquecer aquele rapaz, que nada foi muito pior, quando ele ficou sabendo q eu tinha noivado ele me disse para tirar a aliança q colocaria outra no meu dedo aquilo me deixou sem palavras, mas nao fiz isso, ele depois de um ano saiu do colegio e eu continuei la por mais tempo.Hoje estou casada mas nao deixo um só dia de pensar nele, sei que sou muito jovem estou em transiçao de adolecente para adulta mas nunca vou esquecer o q vivi é algo muito forte e tenho recaidas as vezes, tenho vontade de voltar ao passado e reviver tudo de novo, e a imagem dele num antigo colegial nunca saiu da minha cabeça.
    Gostaria muito de uma opinião sobre isso tudo...
    Bjuuuuuuus

  • Anônimo disse:
    fevereiro 17, 2012

    em 1998 conheci um homem que na qual ate hoje 2012 cuntinua sendo o grande amor da minha vida e sei que nao vai passar ja tive outros namorados ja perdi um filho de outro homem esse morreu esse filho tambem voltei com meu amor e depois de 9 anos que o conhecia tivemos um filho voltamos separamos diversas vezes quando iamos pra casar toda vez brigavamos e separavamos e sofriamos muito porque o amor é muito grande.. em 1998 quando cheguei no colégio para conhecer a sala olhei um nome que estava escrito um pouco abaixo do meu que chamou atençao e que nao conseguia parar de olha-lo entao fiquei com aquele nome na cabeça e cheguei ate a pergunta a alguem que estava por perto se conhecia aquele garoto logo alguem me falou que quando ele chegasse me mostraria só depois de 3 dias é que ele foi ao colégio e quando o vi nem imaginava que seria ele mas logo de cara fiquei encantada por ele muito mesmo ate q fiquei sabendo de quem ele se tratava ele fivava com varias meninas mas nao parecia me notar ate q quando chegou minha vez ele nao se deixou levar mas com o passar dos dias ele percebeu que estaria acontecendo algo e ele me contou que nao parava de pensar em mim muitas veses ia na minha casa pra me ver mesmo correndo risco do meu pai over seria um grande problema pois meu pai era muito bravo dali adiante vivemos uma historia comturbada cheias de idas e vindas altos e baixos mas o amor nao passa sentimos raiva odio desejo mas nao conseguimos casar e ficarmos juntos como tanto sonhamos um dia penso que ele seje minha alma algemada que esta preso um ao outro, pois alma gemea é quando duas pessoas se entendem ja de uma outra vida. sera que em outras vidas por nao ter dado certo trouxemos pra essa vida alguma missao, pois quando o vi tinha certeza de que o conhecia nao consigo entender mas tento compreender so queria saber mais o que aconteceu para que viessimos a sofrer tanto por esse amor nessa vida como se fossemos um carma um na vida do outro . existe algo a se disvendado para que aja paz e felicidade multua.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 17, 2012

    em 1998 conheci um homem que na qual ate hoje 2012 cuntinua sendo o grande amor da minha vida e sei que nao vai passar ja tive outros namorados ja perdi um filho de outro homem esse morreu esse filho tambem voltei com meu amor e depois de 9 anos que o conhecia tivemos um filho voltamos separamos diversas vezes quando iamos pra casar toda vez brigavamos e separavaos e sofriamos muito porque o amor é muito grande.. em 1998 quando cheguei no colégio para conhecer a sala olhei um nome que estava escrito um pouco abaixo do meu que chamou atençao e que nao conseguia parar de olha-lo entao fiquei com aquele nome na cabeça e cheguei ate a pergunta a alguem que estava por perto se conhecia aquele garoto logo alguem me falou que quando ele chegasse me mostraria só depois de 3 dias é que ele foi ao colégio e quando o vi nem imaginava que seria ele mas logo de cara fiquei encantada por ele muito mesmo ate q fiquei de quem ele se tratava ele fivava com varias meninas mas nao parecia me notar ate q quando chegou minha vez ele nao se deixou levar mas com o passar dos dias ele percebeu que estaria acontecendo algo e ele me contou que nao parava de pensar em mim muitas veses ia na minha casa pra me ver mesmo correndo risco do meu pai over seria um grande problema pois meu pai era muito bravo dali adiante vivemos uma historia comturbada cheias de idas e vindas altos e baixos mas o amor nao passa sentimos raiva odio desejo mas nao conseguimos casar e ficarmos juntos como tanto sonhamos um dia penso que ele seje minha alma algemada que esta preso um ao outro, pois alma gemea é quando duas pessoas se entendem ja de uma outra vida. sera que em outras vidas por nao ter dado certo trouxemos pra essa vida alguma missao, pois quando o vi tinha certeza de que o conhecia nao consigo entender mas tento compreender so queria saber mais o que aconteceu para que viessimos a sofrer tanto por esse amor nessa vida como se fossemos um carma um na vida do outro . existe algo a se divendado para que aja paz e felicidade multua.

  • taty disse:
    fevereiro 18, 2012

    Primeiramente quero dizer que gostei muito do blog me indentifiquei.
    Qundo tinha 11 anos conheci meu primeiro o mais verdadeiro amor,ele era um ano mais velho que eu, quando o vi pela primeira vez senti que ia ama-lo pela vida toda,o conheciatravéz de um primo pois eram músicos e tocava na mesma banda,fomos apresentado mas naquele momento só rolou um beijinho no rosto e eu j´o amava.Um ano depois minhamãe falaceu e fui morar na casa desse meu primo,nós nos reencontramos e dai aconteceu meu primeiro beijo,mas eu era muito criança e meu tio por precaução não me deixava ve-lo mais sofri muito,nessa época tive assédio da parte do meu primo mas nunca dei bola pra ele e nem pra homem nenhum eu só pensava nele.Depois de um tempo voltei a morar com meu pai no interior de Sp,mas o mais rapido liguei pra ele e voltei a sp pra encontra-lo,ficamos juntos uma ou duas x e 3 anos sem se ver,quando o encontrei novamente aconteceu minha primeira vez,ele foi dono domeu primeiro amor ,primeiro beijo e primeira noite de amor.Mas eramos pessoas com vidas diferente e propositos diferentes também,fomos nos distanciando ,na verdade eu me aachava pouco pra ele.Nunca deixei de ama-lo mas me casei tive duas filhas,e agora depois de 16 anos eu o encontrei numa rede social,ele também se casou mas ainda não tem filhos,quando vejo a foto dele sinto que amo ele a muito tempo muitos anos como se nunca estivessemos nos separado,essa noite sonhei que estava com ele e tudo é tão real,outra noite sonhei que ia me beijar mas quando ia acontecer meu esposo me acordou ,como se sempre alguém fosse se meer entre nós e não deixar acontecer,até nossa data de aniversário é bem pertinho uma d a outra eu 12 ele 10 de fevereiro.Eu sinceramente não sei se ele sente o mesmo,mas eu acho que vou ma-lo por toda vida,mas aqui bem quietinha pois nem posso lutar por esse amor

  • Este comentário foi removido por um administrador do blog.
    Anônimo disse:
    fevereiro 19, 2012

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 21, 2012

    Eu não sei o que dizer. Há um tempo atrás (Abril de 2010, 2 dias depois do meu aniversário) eu conheci um garoto (24 anos) pela internet. (Tinha 26 anos na época). (é amigo incomum de uma amiga). Depois de uns 3 meses percebi que estava apaixonada, apegada a ele. Não tinha desejo físico, é algo da alma. Sou do Recife e ele de Santos. Até então tinha planos de ficarmos juntos, eu ia pra Santos. Mas em setembro de 2010, não sei qual foi o motivo. Ele simplesmente não quis mais falar comigo, disse que eu não quis ficar com ele e outras coisas. E tudo foi por água abaixo. Estive na cidade dele duas vezes. Depois do que aconteceu toda nossa conversar se transformou em discussão, brigas. Pode parecer loucura, mas eu não consigo esquece-lo. Não sei o que está acontecendo comigo, penso nele o tempo todo. Ele tirou minha paz. Hoje sou casada, tenho um filho. Mas mantenho um amor incondicional, sozinha. Eu gostaria de entender isso. Ótimo blog!

  • Anônimo disse:
    fevereiro 21, 2012

    oi,no meu caso eu gostaria de saber pq eu sinto que conheço uma pessoa a muito tempo mesmo que seje a a primeira vez que a vejo.
    quando conheci meu atual namorado senti como s nós nos pertecemos um a ao outro a muito tempo,é uma sensação muito estranha,tipo quando olhei p ele vi o brilho nos olhos dele e senti vontade d correr para os braços dele,nosso relacionamento é super tranquilo e ele me conhece como ninguem,sabe todos os meus medos,mesmo que eu nunca tenha lhe contado,isso que faz apenas 6 meses que namoramos,gostaria de saber s nós somos almas gêmeas,levando em conta que nunca brigamos!!!obg!!abraços!!

  • Anônimo disse:
    fevereiro 25, 2012

    Tenho o mesmo problema sou casada com outrapessoa há 10 anos também . E nunca tive uma explicação tão boa . obrigado

  • Anônimo disse:
    fevereiro 26, 2012

    Ola, sou casada a quase doze anos tenho 2 filhos e o outro desencarnou ainda bebe, em junho de 2011 conheci uma pessoa quando vi pela peimeira senti como se ja o conhecece meus pes cada vez que conversava com ele frutuavam meu rosto queimava parecendo fogo, quando penso nele me da tipo uma febre quando olho nos olhos dele parece que to vendo alem parece que to vendo interior e magico é estranho, pergunto p ele se ele me ama ele diz que é um sentimento estranho q nao sabe oq é, sei que nao é desejo sexual é muito mais que isso, sera que ele é meu amor de outra vida? me ajudem por favor.

  • Anônimo disse:
    fevereiro 26, 2012

    Olá, sou viuva e já tenho filhos e netos, estou com 46 anos e aconteceu uma coisa diferente que nunca tinha passado. Uma amiga minha convidou eu para irmos numa bar que tem musica ao vivo, tínhamos acabado de sair de uma festa comemorativa de final de ano do grupo do qual fazemos parte. Eu não queria ir, mas ela insistiu muito e acabei indo. Mas naquele dia enquanto estava indo ao encontro do grupo senti que algo ia acontecer na minha vida. Chegamos no bar e eu fiquei no cantinho para ninguém me ver, a minha amiga me chamou para ir no meio, mas fiquei no cantinho escondida eu achava que estava! Mas senti que um desconforto estranho e olhei ao redor e dei de cara com um rapaz me olhando fixamente, achei até que o conhecia mas ele não me cumprimentou só ficou me olhando. Me escondi ainda mais atras de um rapaz enorme, e a minha amiga me chama e fala tem um rapaz de olhando você conhece? Disse que já tinha visto e não o conhecia. Fiquei evitando olhar para ele, por que vi que era muito novo. Mas ele passou perto de mim e me encarou, gelei na hora. Ele foi para fora dor bar, e passou um tempo saímos também para tomar um ar, e quem estava ela fora para o meu desespero? O rapaz que olhava tanto, e continuou olhando para mim fixamente e eu tive a impressão que já o conhecia, mas tentei lembrar e nada. Ia a minha amiga me falou para eu fazer alguma coisa, neste momento não sei o que me deu, ele do outro lado da rua e perguntei com gestos se ele queria falar comigo, e ele balançou a cabeça positivamente e ai o chamei, foi uma sensação que já nos conhecíamos. Ele falou que queria me conhecer que me acho muito interessante, balancei na hora porque nitidamente ele era muito mais novo que eu, mas não aguentei, por que senti que tinha muito mais do que o "céu e a terra" entre nós. Fez 2 meses que nos conhecemos e a nossa relação é de perguntas muitos mais pelo o lado dele do que o meu, por que conheço a doutrina espirita. Mas como sei que tem o livre-arbítrio e temos a escolha de como vamos evoluir espiritualmente. Deixo ele livre para pensar, aceitar e confrontar a realidade da sociedade, sei que dependendo da escolha de cada um, e cada um vai evoluir a sua maneira. Mas me pergunto sempre porque estou passando por este "reencontro" cheio de barreiras e não aceitação? Abraços

  • Anônimo disse:
    fevereiro 26, 2012

    OLá! Como não sei o seu nome vou chama-la de amiga. Já li muitos livros falando dessas relações, e hoje tenho a certeza que as pessoas que aparecem na nossa vida não é por acaso. Tudo tem um proposito, os nossos pais, filhos e amigos; a maioria já fizeram parte da nossa vidas passadas, e até os nossos inimigos que surgem na nossa vida também. O sentimento que vocês nutrem um pelo o outro com certeza foi criado em outras vivencias anteriores, e por algum motivo estava predestinado acorrer novamente nesta vida que estão vivendo. Agora amiga qual foi o motivo que trouxe vocês a se encontrarem novamente, vocês tenham quem se perguntarem. Qual é a missão deste encontro? O que vocês juntos podem fazerem de bom para vocês mesmos a sociedade. Espero que eu tenha ajudado de alguma maneira.. Abraços

  • Anônimo disse:
    março 01, 2012

    obrigada, me chamo Andreia... estou sofrendo demais porque n~~ao sei como lidar com isso, ´´e tao forte que qndo ele passa mal eu sinto... em janeiro me deu uma dor muito grande na regiao dos rins do nada me deu aquela dor insuportavel depois descobri que ele tava com colicas renais...obrigada por ter respondido minha pergunta a cima

  • Anônimo disse:
    março 02, 2012

    Vivo um amor de vidas. mas não vivemos juntos, ambos nos reconhecemos, sabemos que temos uma ligação muito forte, e um amor único. Mas somos casados com outras pessoas e temos famílias, e filhos que precisam de nosso cuidado e proteção. Ambos temos uma responsabilidade muito grande com nossos filhos. não sei o que fazer. As vezes bate um desespero e uma vontade de "chutar o balde" e viver ao lado do meu grande e único amor.Mas sei que a felicidade jamais estaria ao meu lado se cometesse esse ato irresponsável. Afinal, tenho problemas com a pessoa que vive ao meu lado, mas tenho um carinho muito grande por essa pessoa. E nossos filhos são maravilhosos. será que devo sacrificar meu amor puro e verdadeiro amor pela felicidade dos meus filhos?

  • Anônimo disse:
    março 04, 2012

    Em algum momento teremos as respostas, até lá, as coisas não serão claras, então temos de ter coragem e força, mesmo que tiradas não se sabe de onde. Tudo pode cooperar, tanto para o bem quanto para o mal, vamos tentar para o bem, que tal?

  • Anônimo disse:
    março 04, 2012

    Ola

    Gostei muito do blog pois fez eu entender um pouco oque ja andaram me dizendo e que ainda não estava acreditando ai vai a minha historia.

    Tem uma mulher que conheço ela a uns 8 anos e ela tinha um relacionamento ja alguns anos mas sempre que se separava da pessoa nos se envolvia comigo e durava por uns 3 meses e depois se separavamos sem nenhum tipo de conversa simplesmente ela sumia eu sempre ficava sofrendo, e cada vez que ela me deixava eu passava por muitas dificuldades de se encontrar e acabava me entragando na balada se envolvendo com muitas outras pessoas não respeitava o sentimento de ninguem e quando pensava que estava curada eis que ela me aparecia novamente não conseguia controlar quando dava conta ja estava com ela novamente e como sempre não passava de 03 meses a ultima vez que me envolvia com ela ja se fazem 5 anos e hoje tenho um relacionamento de 1 ano e meio amo muito ela, ela me completa estou contruindo uma vida com ela mas quem me surgi novamente a minha pedra toda mudada diferente dizendo que quer viver comigo eu não consegui me controlar e acabei se envolvendo mas me arrependo pois estou destruindo a minha felicidade ao lado de quem estou.
    Me disseram que somos amores de uma vida passada e que ainda temos uma historia mal resolvida e que por isso ela sempre aparece e eu não consigo tirar ela do meu caminho tem uma força muito grande com ela que me puxa pro lado dela mesmo sabendo que depois me arrependo so que não consigo controlar rezo todas as noites que ela me deixe livre para poder dar continuidade na minha vida.
    Eu não largo tudo para viver com ela pois sei como vai ser e sei que ela vai me deixar como sempre fez comigo. talvez seja medo doque ja vivi dentro de mim tenho uma certeza quero ela bem longe de mim.
    SERA QUE REALMENTE ELA E MINHA ALMA GEMEA E EU ESTOU JOGANDO FORA ESSAS PERGUNTAS ME DEIXAM SEM PAZ ESTOU PRECISANDO DE ALGUNS CONSELHOS

  • Anônimo disse:
    março 06, 2012

    BOM MINHA HISTORIA TB É ASSIM UM GRANDE AMOR Q VEM E FICA PRA SEMPRE....BOM EU O CONHECI NA ESCOLA NOS MEUS 12 ANOS COMEÇAMOS UM NAMORO TAVA TD BELO TUDO LINDO ATÉ Q MEUS PAIS RESOLVERAM ME LEVAR PARA IGREJA E ACABEI ME CONVERTENDO E LA DIZIA Q NAO PODIA NAMORAR E DEPOIS DE LONGOS 8 MESES TIVE Q ROMPER AQUELE AMOR NAQUELE MOMENTO NÂO IMAGINAVA Q SERIA O GRANDE AMOR DA MINHA VIDA...LARGAMOS ME LEMBRO Q ELE CHOROU MUITO EU TB EU SOFRIA POIS CONTINUAVA VENDO ELE NA ESCOLA ATÉ Q UM DIA A GENTE FICOU DE NOVO MAS CONTINUAVA NA IGREJA NÂO PODIA VOLTAR COM ELE E A VIDA SEGUIA ATÉ Q QUANDO RESOLVEMOS FICAR JUNTOS PRECISEI MUDAR DE CIDADE COM MEUS PAIS AI SIM CAMINHOS DIFERENTES FOI PASSANDO OS ANOS CONHECI ALGUÉM CASEI TIVE DOIS FILHOS AI COMECEI ENTENDER UM POUCO DE INTERNET O PROCUREI NO ORKUT O ENCONTREI NO MSN ATÉ Q UM DIA A GENTE SE FALOU DEPOIS DE LONGOS 13 ANOS NO PRIMEIRO MOMENTO MEU CORAÇÃO DISPAROU FOMOS NOS FALANDO ATÉ Q RESOLVEMOS NOS ENCONTRAR AI FOI ALGO INESQUECÍVEL POIS A GENTE NUNCA HAVIA SENTINDO AQUELE AMOR TÃO INTENSO E NOS AMAMOS E FIZEMOS ALGO Q A VIDA NÃO HAVIA DEIXADO LÁ NA TRÁS QUANDO A GENTE NAMORAVA,AQUELA AMOR DE ALMAS REALMENTE MAS DEPOIS TIVE Q ACORDAR PRA VIDA FOMOS FELIZES NAQUELE MOMENTO MUITO E ELE PARTIU PRA SER FELIZ COM QUEM ELE HAVIA ESCOLHIDO PRA SER SUA ESPOSA.....NÂO ME ARREPENDO DE TD Q ROLOU MAS O NOSSO TEMPO PASSOU QUEM SABE UM DIA A GENTE FICA JUNTO CONTINUO CASADA MEU MARIDO NUNCA PERCEBEU NADA E SIGO O AMANDO A CADA DIA POIS ELE LEVOU A MINHA ALMA......

  • Anônimo disse:
    março 07, 2012

    Estou passando por um momento muito difícil na minha vida. Sou casada, estou com meu marido desde os meus 20 anos(hj tenho 33)e havia sido meu primeiro homem...Enfim, mas ha dois anos conheci uma pessoa que mexeu muito comigo, ele é medium,uma pessoa especial, mas tb é casado. Mesmo sendo muito correta e nunca ter olhado p/ outros homens tive coragem de me envolver com este homem, que acredito ser meu amor de almas.Agora ele me diz que comigo é só sexo e eu ainda cogitei em continuar com ele, mas acho q eu não sou o seuamor de almas. Alguem pode me explicar?

  • Anônimo disse:
    março 12, 2012

    ola boa tarde eu nem sei se e aki msm ke escreve mas vamos la e o seguinti eu sou casada so ke alguns anos atraz eu conenheci um cara a kem eu vim a me apaixonar mas era um sentimento muito estranho kuando eu o via nao sabia se ria ou xorava era uma felicidade plena eu nunca avia sentido isso por ninguem antes eu ficava tremola meu coraçao desparava so de falar com ele no telefone kuando estavamos juntos era como se no mundo so existicimos eu e ele mas kuando nos seoaravamos era como se um pedaço de mim tivesse sido tirado e assim foi durante trez anos depois por ironia do destino nos separamos e eu nem sei porke mas sei ke ficou algo pendente entre a gente eu sofri muito eu me centia como se o chao tivesse se abrido em baixo dos meus pes era como se eu nao fizesse parte desse mundo eu tinha a senssaçao de ke eu iria morrer ou enloukecer de tanto amor e de tanta dor so ke depois de oito anos separados ele voltou para a minha vida e eu percebi ke tudo o ke eu sentia por ele ainda kueima dentro de mim mas agora eu nao falo o ke eu cinto so falo ke eu sentia e por meio de dizer o ke eu sentia pudi abrir meu coraçao para ele e dizer tudo o ke sinto mas sem ele saber ke eu ainda nutro esse sentimento por ele eu so keria saber se ele e minha alma gemia se em outra vida ele era algo meu porke nao tem esplicçao esse sentimento se alguem pode me ajudar a desvendar isso me reponda para mim no msn e luh331@hotmail.com beijos e obrigada

  • Anônimo disse:
    março 13, 2012

    por favor estou precisando de ajuda urgente há algum tempo tinha uma casa enfrente aminha que estava a venda e um pessoal se interesou e comprou ja moram na casa vai fazer dois anos a dona da casa tinha uma mãe que faleceu a um ano agora mora ela e o filho e não importa sei que fizemos amizade eu e o filho dela trocamos um beijo uma vez algo me atraia naquela casa o tempo passou minha amizade com a mãe dele foi aumentando a ponto de nos envolvermos me entrguei de corpo e alma amei como nunca amei ninguem e esse amor cresceu estavamos planejando nos casar rompemos muitas barreiras muitos obstaculos estou muito apaixonada so que o sonho que eu estava vivendo virou pesadelo do dia para noite tudo que sonhei com ela ,ela esta vivendo com outra mulher estou arrasada precisando de resposta perdi até a vontade de viver fui casada tenho um filho não escondi nada para meu ex marido so que não pensei que tudo iria terminar assim simplesmente ela chegou e me disse que esta gostando dessa moça que soro positivo aguem pode me ajudar?antes que eu fique louca isso é carma por quanto eu ainda tenho que passar para poder ser feliz? S.O.S

  • Anônimo disse:
    março 13, 2012

    Também te amo!!!!!!!!!!!!!!!

  • Anônimo disse:
    março 19, 2012

    Eu estou vivendo isso amargamente..Pois é muito ruim..eu namorei anos com meu ex marido...Noivei..Engravidei casei..passei oito meses casada..e ele arromou autra quando eu estava com oito meses de gravidez...dai acabamos e eu so soube dessa outra pessoa quando terminamos..dai nao consigo esquecer ele de geito nemhum..ele nao sai do meu pensamento..eu o amo..e as vezes sinto isso da parte dele,mais ele é muito frio..e nao demostra gostar de mim ainda..mais sei que ainda tem algo entre nos..sou louca por ele e acredito sim que algum dia iremos voltar e vivermos como uma familia normal,eu le e nosso filho lindo...nao sei explica o que sinto sei que é mais forte que eu a saudade é grande chega a doer doe muito....Meu Deus ja pedi muito pra Deus me ajudar e que se ele for de ser meu que venha logo de volta e que se nao for que tire isso do meu coraçao pois sofro muito..e sei que ele tambem nao é feliz..sei que falta algo pra gente viver..!

  • Anônimo disse:
    março 27, 2012

    NÃO É INSÔNIA É SAUDADE DE VOCÊ

  • lilu disse:
    março 28, 2012

    fui convidada p um show na granja em brasilia na van que levava a gente ele tava sentado em um cantinho, ele me deu o lugar dele p sentar entre a gente estava amgos em comum e minha irma ele foi sentado no meu colo os nossos amgos queria ue a gente ficase s que eu n queria ele tentou me beijar eu falaei p ele que se ele fizese isso eu ia bater nele foi a gente brigando ele queria e eu n..no show quando um amgo viu que n ia rola por mim me pegou no colo e me colocou nos braços dele e ai rolou o nosso primeiro beijo que foi anoite toda grudados ao nossos amgos ate estranhou era como se eu sentisse a minha alma completa na dele...namoramos por uns 1mes mais ou menos cada momento intenso sinto que tenho uma ligaçao muito grande cm ele nos separamos por força maior mas o meu coraçao ainda n esqueseu ele de vez em quando a gente fica e o meu amor por ele e incondicional ele tambm gosta de mim mas por motivos forte hje decidi me afastar dele fiquei sabendo de coisas dele muito ruins mas p mim isso n importa eu amo ele de qualquer geito mas to sofrendo eu tenho sonhos com ele quando vai acontecer alguma coisa eu sinto isso e normal so de olhar nos olhos dele eu sei o que ele quer me dizer tanto eu e ele eu fico mexida com aquando ele ta perto de mim eu quero proteger ele por favor me responda lidiappaula@hotmail.com

  • Anônimo disse:
    março 29, 2012

    Eu acho que encontrei o amor da minha vida, no entanto agente briga por besteiras, eu falei umas mentiras sem necessidade parecendo ate que não era eu, ele ja me ofendeu não lembra,parecendo que existe um espirito ruimentrenós, noentanto as coisas que eu falei ele n acredita que sao mentira...me ajudem eu preciso dele na minha vida.

    lemos_80@hotmail.com

  • Anônimo disse:
    abril 01, 2012

    Ola gostaria de saber se o que estou passando tem relação com vidas passadas: gosto de uma pessoa q não tenho mais contato mais na epoca q o conheci não quis me declarar porque ja era comprometido. o tempo passou e continuo gostando dessa pessoa e ao mesmo tempo sinto uma dor e uma angústia forte no peito.
    gostaria de uma resposta pois isso é muito estranho visto q eu nunca tive um caso amoroso com essa pessoa.
    julianadias12@hotmail.com
    se puder responder obrigada.

  • Anônimo disse:
    abril 05, 2012

    É estranho...eu comecei a namorar o amor da minha vida quando tinha 13 anos..em abril de 1999...como eu era muito menina, terminei com ele após 2 anos de namoro...hj eu namoro a 3 anos e ele é casado..eu tenho uma sintonia incrivel com ele mesmo sem ve-lo...quero que ele seja feliz..eu sou feliz por um dia ter feito parte da vida dele...na proxima vida ficaremos juntos, espero.

  • Anônimo disse:
    abril 13, 2012

    Também não durmo só pensando em ti...sinto saudades.

  • Anônimo disse:
    abril 14, 2012

    Quem é vc??? Como pode sentir saudades de mim ou saber quem sou eu???Tenho sempre a impressão de que alguém responde sempre tudo que posto aqui, então quem é vc???Diga uma palavra...

  • Anônimo disse:
    abril 14, 2012

    Eu Também, tenho esta mesma impreção, me diga uma coisa, qual a letra do seu primeiro nome? que eu revelarei o meu!!!!!!!!!

  • Anônimo disse:
    abril 14, 2012

    Deixa prá lá. Sabe-se lá se voce é homem ou mulher. Teria que ser uma coincidência muito grande, além disto a pessoa de quem eu sinto saudade jamais entraria num site destes. Mas a letra do meu nome escreve maiúscula e está no alfabeto.E minha mãe me ensinou a não conversar com estranhos kkkkkkkkkkkkk

  • Anônimo disse:
    abril 14, 2012

    Nossa vc deve ser bem novinha ou novinho, para ter uma mentalidade como esta,mas tudo bem, acabei de ter certeza que vc não é quem eu pensei!!! me desculpe!

  • Anônimo disse:
    abril 15, 2012

    Nossa e vc sendo homem, tendo mais de 50, mesmo assim ainda não aprendeu nada, não é mesmo?Continua perseguindo algo que já encontrou mas não acredita, acho isto um saco...

  • Anônimo disse:
    abril 15, 2012

    E quem disse a vc que sou homem!!!engano seu, sou mulher,não acho que vc esteja errada(o),quanto encontrar algo, mas estamos no mesmo barco não é?e me dis, vc aprendeu alguma coisa??? senão não estaria aqui.

  • Anônimo disse:
    abril 15, 2012

    Há propósito...não tenho tanta idade assim como vc disse. rsrsrsr.

  • Anônimo disse:
    abril 15, 2012

    Me chamo Vanda, tenho 37 anos e a pessoa que voce poderia ser tem 52, mas uma hora destas deve estar com a esposa e filhos, bancando o bom marido. Lamento por isto, espera que seja mais feliz que eu.

  • Anônimo disse:
    abril 15, 2012

    Ao menos algo de vantagem. Mas no fim das contas, admito que simpatizei contigo. Passa msn para nos conhecermos melhor e conversarmos de forma mais íntima? ;-)

  • Anônimo disse:
    abril 15, 2012

    Oi Vanda, meu nome é Maria tenho 32,que bom nos apresentarmos agora,mas não, a pessoa que pensei que vc fosse, a esta hora deve estar,com a esposa também,que pena...,como disse estamos enfrentando a mesma tempestade, boa sorte para vc e me desculpe qualquer coisa.

  • Anônimo disse:
    abril 18, 2012

    Já vivenciei uma situação semelhante, fui apaixonada por um rapaz durante 3 anos e meio, e apesar de sentir que o sentimento era reciproco e que havia algo diferente nesse sentimento que parecia ter nascido comigo, as nossas tentativas de encontros nunca deram certo, sempre acontecia alguma coisa ou comigo ou com ele, que nos impedia de se encontrar. Apesar de gostar muito dele de verdade, não entendia o motivo desses desencontros e o porque era tão dificil viver esse sentimento, inclusive ele manteve alguns relacionamentos durante esse período em que nos gostamos, mais não duraram muito. Cheguei a procurá-lo uma vez enquanto ele estava ainda em um relacionamento e ele disse que iria terminar tudo com ela e iria me procurar, de fato ele terminou, mais quando ele me procurou mais uma vez não deu certo. Enfim, apesar de tantas tentativas, nunca tivemos nada, nenhum envolvimento. Hoje percebo que ele não estava preparado para um envolvimento tão intenso, talvez por medo, eu não sei bem. Antes nos encontravamos em todos os lugares que iamos, hoje não nos vemos mais, mesmo morando no mesmo bairro. Já não sinto mais o mesmo que sentia antes, mais ainda fico balançada quando alguém me pergunta por ele. Não sei se isso tem ligação com vidas passadas ou se é apenas uma situação normal, uma desilusão amorosa, mais ainda sinto, lá no fundo da minha alma que a nossa história ainda não acabou!

  • amizade e tudo de mais disse:
    abril 19, 2012

    há uns 2 dias eu tive um sonho meio estranho estava com o meu ex-namorado sentado na beira da praia e do nada eu e ele já estávamos em outra época em outro ano e estava chegado pelo mar um navio da época de dom preso, é tinha ate um pessoal vestido a caráter, e ai eu e ele nos separava mais ele falar que ia me acha de qualquer nodo.
    o pior é que este sonho na sai da minha cabeça, eu queria que alguém pedese me ajuda obrigado

  • amizade e tudo de mais disse:
    abril 19, 2012

    há uns 2 dias eu tive um sonho meio estranho estava com o meu ex-namorado sentado na beira da praia e do nada eu e ele já estávamos em outra época em outro ano e estava chegado pelo mar um navio da época de dom preso, é tinha ate um pessoal vestido a caráter, e ai eu e ele nos separava mais ele falar que ia me acha de qualquer nodo.
    o pior é que este sonho na sai da minha cabeça, eu queria que alguém pedese me ajuda obrigado

  • Anônimo disse:
    abril 19, 2012

    oi sou caboverdiana e ha uns meses conheci um homem que vive noutro pais so que antes de conhece lo parece que recebi uma mensagem que algo de muito bom estaria por acontecer ele é fantastico sinto por ele um sentimento nunca antessentido por nenhum outro homem parece que ja o conheca nao sei explicar. isso pode ter algo haver com outras vidas
    samsdelgado@hotmail.com

  • Anônimo disse:
    abril 20, 2012

    ola meu nome e rosilene,e essa historia de reencarnaçao ,eu acredito que e verdadeira,porque ,eu nao sou espirita,sou catolica mas leio varios livros de romance espiritas,e a prova que tenho sobre reencarnaçao vem da boca de minha filha de apenas 5 anos,que de vez em quando se lembra da outra vida dela,ela ja me disse que na outra vida que ela teve ,o meu marido foi pai dela ,mas ela tinha outra mae,e ela tinha 2 irmaos ,inclusive sabe ate o nome deles que e CELESTE E FILIPE,quando ela me disse eu na hora me assustei,mas nao replimi ela,e ela sempre fala da TIA IVANI que mora em SAO PAULO,mas me disse ja que nao e minha tinha,e sim dela,e vive perguntando dessa tinha,eu nao sei o que falar para ela,pois eu nao tenho parente nenhum chamado de tia ivani,e para ela eu falo sobre morte sem problema nenhum ,pois ela nao se assusta.isso e uma prova concleta que existe outras vidas sim. rbg87rosilene@hotmail.com

  • Anônimo disse:
    abril 21, 2012

    Eu, conheci um homem totalmente diferente quando tinha 24 anos e ele 23. Um estrangeiro, de outra cultura. Tivemos um relacionamento intenso, quando estavamos juntos, a energia era muito forte, inexplicável.
    Me sentia completa ao lado dele, como se já o conhecesse minha vida toda. Porém, fomos separados pela família e a tradição dele. Ele não relutou, porém senti que sofreu de verdade, e quando dizia que me amava, sentia que era verdadeiro. Até hoje não sei explicar. Mas penso nele todos os dias, desde o dia que nos separamos. Hoje sou casada, e ele provavelmente também. Talvez nos encontremos na próxima encarnação.

  • Anônimo disse:
    abril 22, 2012

    Como excluir um comentário que fiz?

  • Anônimo disse:
    abril 22, 2012

    Não tem como amiga(o), eu também queria excluir alguns meus... sinto muito!!!

  • Anônimo disse:
    abril 22, 2012

    Me ensina como então!!!!!!

  • AMOR DE ALMAS disse:
    abril 22, 2012

    Olá,

    Sou Editora do blog e posso fazer a exclusão pela página administrativa. Oriento apenas que escrevam ao e-mail do blog (amordealmas@uol.com.br), expondo o motivo da solicitação. Geralmente, somente excluímos comentários anônimos se o interessado comprovar o interesse ou relatar ofensa.

    Ana Carolina

  • Anônimo disse:
    abril 23, 2012

    haja o que houver escuta com a alma porque meu coração estará sempre te chamando

  • Anônimo disse:
    abril 24, 2012

    OLA!Na verdade nao quero responder quero sim uma opiniao de alguem que entenda melhor o assunto, aos 18 anos conheci um homem,no qual acereditei ser o homem da minha vida, nao nos envolvemos mas senti, passei 7 anos seguintes sonhando em viver um relacionamento com ele, porem ja nao o via mais,s e quer lembrava o nome dele mas sempre tive a certeza que viveria-mos nossa histria,aos 25 anos o reencontrei e nos envolvemos, maravilhosamente, coisa de alma pois incrivelmente se um nao estava bem o outro sentia e imediatamente o telefone tocava, foi tdo tao lindo, porem ele estava casado, e sonhava viver com migo uma relaçao real, porem eeu qria um filho e ele nao podia te-lo c migo, mas mesmo assim , tinahmos planso de ficar juntos, porem derrepente quando tudo parecia estar certo, a esposa dele descobriu e foram para um acampamento catolico, de onde ele voltou, dizendo me amar, mas que só iria ficar com migo apos o divorcio, mudaram-se de cidade e nao perdemos o contato, 1 ano depois me envolvi c uma cara e estou gravida, mas eu e o cara nao estamos juntos, porém meu grande amor continau falando com migo e me auxiliando nesta gravidez, esta em outra cidade, em um casamento conturbado e falando que o que tiver que ser sera , ele acredita q tenho que me dedicar a gravidez , agora que em breve se estiver escrito e ele acredita que esteja vamos viver nossa historia! Eu as vezes acho que estou louca, mas creio que vamos viver um relaconamento verdadeiro um dia , sera possivel? respondam por favor obrigada!

  • mone disse:
    abril 25, 2012

    oi quando eu tinha 11anos comecei agostar de um amigo da minha rua passado alguns anos depois descobri que ele tbm gostava de mim, foi ai que tudo começou começamos a sair, eu tinha do treze anos e ele tbm nunca brigamos.
    ficamos juntos 4anos e meio ,ai um belo dia ele me falo que nao queria mais ficar comigo como eu nao morava mais na cidade dele fui em bora ,depois volte mas mesmo assim ele nao me quis mais mesmo ,foi ai que conheci meu atual marido tive 2 filhos com eleo menino faleceu nm acidente de carro agora tenho so a minha menina de dois anos,e depois de tanto sofrimento me encontrei com ele de novo onde vi que tudo que sentia por ele ainda esta vivo depois de sete anos emeio separados hoje estamos vivendo um grande amor avezes nem acredito nos encontramos de novo sera que esse amor e de outras vidas gostaria de saber

  • Anônimo disse:
    abril 25, 2012

    minha mamae ve algumascoisas no sonho agente
    samos espirita e acreditamos em espirito

  • Anônimo disse:
    abril 27, 2012

    Minha hitória difere dos demais. Em primeiro lugar eu casei a primeira vez com o pai das minhas filhas. Jovens imatúros e tolos. Ao chegar ao final, não tinha sobrado nada da paixão nem do amor que nos uniu no início. Dez anos depois caso novamente. Casamento normal sem grandes impactos a não ser os do dia a dia, como falta de dinheiro e o fato de sermos diferentes em vários aspectos. Ele teve um infarto e eu cuidei como cuida de um passaro ferido. Consegui até que ele olhasse o lado espiritual da vida. 14 anos de casamento e de repente. Facebook. E de repente uma antiga namorada de 35 anos atrás. De repente, o desprespeito,a quebra de confiança, brigas, desencontros, tristeza e agora separação. Então me desculpe mas não creio que amores antigos levam em conta que tem gente que eles pisam na saída. e eu agora só, vejo que não há literatura escrita para quem fica. Não há consolo pra quem ficou amando sozinha na estação enquanto o mundo comemora o reencontro do casal. Estou parada, só e sem poder lutar contra corrente, afinal eu é que estou no meio. Infelicidade também existe ao reencontrar um antigo amor, só não dizem quem será o infeliz.

  • Anônimo disse:
    abril 27, 2012

    Está acontecendo comigo e não é 10 anso não são 37 anos do ano de 1975 até 1985 esperei por ele sem sucesso sofri muito todos os meninos que eu tinha teria que ter alguma coisa semelhante a ele até que conheci meu marido somos casados a 26 anos tenho uma filha linda mais o encontrei agora pelo Facebook e contei tudo para ele,estou sofrendo muito pois ele está fugindo de mim o que devo fazer.

  • Anônimo disse:
    abril 28, 2012

    Olá eu amo demais um primo sou casada, tenho três filhos e o amo muito ficamos de 2 a 4 anos sem nos ver mas quando o vejo volta td em meu coração o amo demais e ele tb me ama foi um amor proibido e devido a distância não lutamos a favor desse amor e agora sofro muito

  • Anônimo disse:
    abril 28, 2012

    Voce esta cheia de razão no que diz. Mas acho que o que as pessoas reencontram é uma oportunidade para viverem uma ilusão, um sonho, uma escapada da realidade. Se era mesmo amor por que durante 35 anos um não procurou o outro?E tudo que a pessoa viveu ao seu lado passa a não ter valor nenhum? Sinceramente, coisa de gente imatura, com muita disposição prá trair, inventando um amor de almas que não passa de uma ilusão affffff!!!

  • Anônimo disse:
    abril 30, 2012

    Por acaso entrei neste blog e sei que, como eu, muitas pessoas sofrem caladas a perda do "grande a mor de sua vida". Eu também estou casada há 10 anos com um homem maravilhoso, tenho uma filha incrível, tenho tudo que um casal deseja, casa, carro, gatos, cachorro...mas não tenho... "ele", o meu verdadeiro amor. Sou espírita kardecista e quando me bate aquela saudade do que poderia ter sido e não foi, peço socorro aos meus livros, àos esclarecimentos relacionados à evolução dos espíritos e creio que nós estamos separados momentaneamente, digo, "nós", eu e todos vocês do blog porque algo maior, inexplicável aos olhos humanos entende ser melhor para a criatura em estado de construção pessoal aqui nesta existência. Sim, dói muito. Especialmente quando a separação foi por uma bobagem, por vaidade, por orgulho. Hoje, sinto que algo falta em mim, mas tenho convicção de que a momentânea separação trará bons frutos ao final, se Deus quiser. Coragem a todos e se lembrem que o importante é respeitar nosso(a) companhiero(a), já que é a pessoa que está dividindo as tristezas e as alegrias desta vida. Coragem e abraço fraterno a todos.

  • Anônimo disse:
    maio 01, 2012

    nossa as istorias sao muito lindas

  • Anônimo disse:
    maio 03, 2012

    poopp

  • nana disse:
    maio 06, 2012

    Eu conheci meu verdadeiro amor em uma festa , ele me chamou para dançar e eu sempre negando , mas de tanto ele insistir acabei cedendo ....começamos a dançar quando de repente nos beijamos como se fosse umau magica não sei o que aconteceu , seu perfume, sua voz , parecia q eu o conhecia a tempos atrás , começamos daí a nos encontrar , tinha dia q eu acordava com o coração batendo, calafrios esse dia eu tinha certeza q ia vê-lo e a gente sempre se via quando eu sentia isso , nem apetite eu tinha mais , mas daí descobri q ele era casado ..ainda continuamos nos vendo , mas chegou numa certa altura q eu não aguentei mais fiz uma burrada ele pegou odio de mim ,,,,diz ele , tudo bem sofri ,,,mas essa era a intenção mesmo por isso q me culpo até hj mas ele mereceu eu sei disso no fundo, passando alguns meses conheci meu marido forçei me ao maximo pra poder gostar dele , me casei vai fazer dois anos e logo em seguida esse meu amor se separou ...enfim hj não posso procura-lo pq sou casada , antes era ele , hj sou eu , mas tudo bem ... o pior que eu sonho com ele todas as noites eu não sei o q pode ser isso ...queria ter a resposta algum dia .... obrigado

  • Anônimo disse:
    maio 10, 2012

    Eu não acreditaria em nada disso se não tivesse acontecido comigo, sempre fui cética em relação a muitas coisas. Já aprendi muito sobre o espiritismo, li livros, já frequentei casa espírita e por isso acredito muito em tudo.
    Esse meu amor realmente não faz sentido, desde sempre sinto algo muito forte pelo meu primo. Eu sou do Rio de Janeiro e ele de São Paulo, minha família paterna inteira é de lá, então todo fim de ano eu sempre fui pra lá. Quando eu era criança o sentimento era mais puro, lembro de que brincávamos muito e eu gostava de te-lô por perto, apesar de ter outros primos e primas, com ele era diferente. Não me lembro de tudo, mas a minha mãe me contou a um tempo que nós dois conversávamos horas, éramos muito amigos mesmo. O tempo foi passando fomos crescendo e nos distanciando, depois nós dois tinhamos muita vergonha um do outro todos da família viam isso e eu sentia algo muito forte por ele, na época não sabia direito o que era. Quando eu fiz uns 12 anos(ele tinha 14 anos) começou essa onda de MSN, eu o adicionei e nós conversávamos muito sempre, praticamente todos os dias. No início era sempre eu que o chamava para conversar, mas depois ele começou a chamar sempre também mesmo que do jeito infantil dele. Não tinha paquera mas eu já estava começando a ver o meu sentimento por ele como amor. Naquele ano quando fui para São Paulo nós não conseguimos nos falar direito novamente, todos achavam estranho. Mas quando eu o via pessoalmente ficava muito nervosa, e ele também, hoje acho engraçado, nós dois tão tímidos. Porém no MSN ainda nos falávamos. Depois o tempo foi passando e me distanciei dele novamente. Porém nunca deixei de amá-lo independente de outros relacionamentos. Com 14 anos a família dele veio a minha casa passar alguns dias e nos reaproximamos, quando ele foi embora dias depois, a sensação de que eu tinha era que o meu mundo tinha acabado, não estou sendo dramática rs nunca fui de chorar por nada, mas naquele dia me tranquei no meu quarto e chorei compulsivamente, não consegui parar de chorar, foram muitas horas, nunca sofri tanto por alguém, e ainda por cima por tão pouco. Percebi então que o que eu sentia por ele não era só uma paixãozinha e resolvi esquecê-lo, porém uma amiga minha resolveu contá-lo sobre o meu sentimento, ela me mostrou todas as conversas deles pela internet e ele nunca disse não gostar de mim, dizia que ele deveria ter ficado sabendo disso antes, e várias outras coisas. Me incomodei com a situação e decidi colocar um ponto final. Falei com ele sobre o que eu sentia, mas nenhum de nós dois sabíamos como agir, no final resolvemos esquecer isso. De lá pra cá já se passaram alguns anos, já tive relacionamentos, já me apaixonei mas nunca senti por ninguém o que eu sinto por ele. É absurdo, sempre que vou para São Paulo e o vejo me sinto como uma garotinha de 13 anos novamente, todo o sentimento que eu achei que tivesse acabado ressurge, não nos falamos muito mas não é por timidez nem nada e sim porque nenhum dos dois se sente a vontade na presença do outro,quando eu estou longe dele eu consigo me distrair, saio com meus amigos, já conheci vários outros homens, mas nunca senti nada igual ao que eu sinto por ele, sempre penso nele e sonho muito com ele, nos sonhos a gente sempre se abraça muito forte, conversamos, é muito estranho, esse sonhos são muito constantes.. apesar de tudo consigo viver bem, mas quando o vejo tudo volta a tona. Sinceramente, eu não sei quem é ele de verdade, não sei quase nada sobre ele, só sei desse sentimento, não tenho mais esperanças de que um dia eu consiga esquecê-lo, acho que nos reencontraremos mais tarde, nessa ou em outra vida.

«Mais antigas ‹Antigas   1 – 200 de 332   Recentes› Mais recentes»

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

REGRAS PARA COMENTÁRIOS:

O espaço de comentários do Blog Amor de Almas é essencialmente livre, mas pode ser moderado, tendo em vista critérios de legalidade e civilidade. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. são aceitos comentários anônimos, contanto que não infrinjam as regras acima.

A REDAÇÃO:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;

Artigos relacionados

2leep.com